quinta-feira, 17 de setembro de 2009

MELHOR OUVIR OS VITORIOSOS

Minha saudosa mãe costumava alertar-me, sem acreditar na eficácia dos conselhos: “se você andar com gente ruim, corre sério risco de ser um deles; se andar com gente boa, com certeza, será um deles”. Trocando em centavos: ao lado de gente ruim, a vida, além de desagradável, pode ser curtíssima. Com gente boa, a vida terrena será festiva e a eterna sem o crematório diário.

Se minha mãe disse, quem sou eu pra duvidar, ainda que suas metáforas sobre cremação diária nas profundas tenham me assustado apenas em certa época. Depois, bem depois, ah, deixa pra lá.

Sábia macróbia da ex-rua das Flores, 241, em Caratinga! Tive que atingir a idade dos contemplativos pra sorver melhor o gosto de mel das suas saborosas palavras.

Dona Geralda ensinou-me naquela época qual o melhor caminho de 50 anos depois. Por isso, cada dia mais me acerco dos bons, dos bem aventurados; e afasto-me dos invejosos, preguiçosos, dissimulados. Dos que não agem, reagem.

O melhor exemplo que posso citar é o rumo que minha vida tomou depois que passei a participar da gigantesca obra social da Cidade dos Meninos São Vicente de Paulo, do Lar dos Meninos e do Lar dos Idosos. Além das 45 outras obras tocadas pelo empresário Jairo Azevedo, do Grupo Seculus.

Ele deixou o comando das empresas na direção de seus irmãos/sócios e mergulhou de corpo e alma nessas obras sociais. Uma história de vida que todos conhecem, porque Jairo é o construtor da Cidade dos Meninos, em Ribeirão das Neves.

Anteontem, conheci pessoalmente outro membro da família Azevedo: Artur Geraldo. Atual presidente da empresa holding do Grupo Seculus. Foram duas horas de conversa da qual sai bem leve e acreditando mais nesse Brasil que tantos tentam destruir.

Cruzeirense de andar com boton celeste na camisa, debaixo do paletó, Artur, conselheiro do clube, após mostrar-me como funciona a humildade dos vitoriosos, a exemplo de seu irmão mais velho, Jairo, desfiou-me uma série de razões que justifica a preocupação de qualquer torcedor apaixonado, mas sem perder o juízo.

A visão do torcedor mantém viva, porém orientada pela cultura empresarial. Artur Azevedo comunga ideias semelhantes às minhas: qual será o destino do Cruzeiro quando se esgotar o estoque de mercadoria que insiste em vender como maior fonte de arrecadação?

Como eu, Artur considera os irmãos Perrela grandes vencedores e responsáveis por momentos históricos do Cruzeiro. Mas a fobia quanto a falta de dinheiro num futuro qualquer pretexto pra vender dois ou três jogadores por ano pode levar o Cruzeiro à perigosa insuficiência que martiriza vários clubes formadores e vendedores de craques, atualmente.

Artur sugere que se busque outra fórmula. Antes que a fonte seque de vez. Que tal pensar um pouco em formar equipes vencedoras como a de 2003? Ou os Perrela perderam o entusiasmo de ganhar após tantos títulos? Seria bom que eles - e, porque não todos nós? – ouvissem o que este vencedor tem pra dizer.

PITACO: “Prezado Flávio. essa do blog do Zezé acompanhei e, realmente, detectei somente comentários positivos. Mas o pior mesmo é o site oficial do clube. Uma vergonha ! Só noticia qualquer tipo de estatística, desde que favorável ao clube.
Não traz uma notícia sequer que possa contrariar o interesse da diretoria.
Garantidor de emprego dos que se dizem profissionais de jornalismo esportivo.
Um abraço. Fernando Carlos Gomes”.

A opinião de Fernando Carlos Gomes veio por intermédio do meu blog. Faça como ele. Acesse www.flavioanselmodepeitoaberto.blogspot.com e dê seu pitaco ou participe da enquete.

Na nossa enquete da semana, o blog quer saber se você é favor ou contra a liberação de Kleber depois que ele se declarou interessado em voltar ao Palmeiras? O sim bate, por enquanto, de goleada: 71% contra 29% de não.

Vale dizer que o Gladiador perde Ibope, e não poderia ser de outra forma, ao insistir com essa dupla personalidade. Na imprensa paulista diz que quer voltar ao Palmeiras; em Minas, jura eterno amor ao Cruzeiro e quer ficar. Eta ferro!

Última do Cruzeiro e exclusiva da Trincheira: a diretoria não fala na renovação de Adilson Batista porque o técnico já avisou que não aguenta mais a pressão e tem excelente proposta pra retornar ao futebol japonês.

Quem não beijou o defunto, que beijasse! O caixão foi fechado. Torcedor do América pra assistir o jogo contra o ASA de Arapiraca, na decisão da Série C, só no Portal Uai ou na TV Alterosa. Os 10 mil ingressos colocados à venda na quarta-feira, acabaram no mesmo dia. Sensacional. Não disse que sairia o Estandarte do Sanatório Geral?

A Coelhomania vai descer numa folia inesquecível pra fechar a noite de sábado na Praça da Estação com o caneco conquistado. Preparem logo um caminhão do Corpo de Bombeiros. Alguém tem dúvida?

O repórter Wilson José, ou Dábliu Jota, grande municiador da Trincheira, avisa pra este filho do Sodico não se esquecer do trabalho que Jorge Murta faz no América. Ele é o responsável pelas subidas do lateral Danilo, substituto amanhã de Evanilson; do volante Moisés, grande revelação da competição, e apoiador Giovane.

Segundo ele, esses atletas já pertencem ao empresário Ricardo Guimarães, que tem olhado mais para o mercado do futebol do que pro sofrimento dos funcionários públicos que têm empréstimo consignado no seu banco BMG, cuja sede levou pra Contagem. Moisés já está negociado com o Internacional de Porto Alegre. Pois é, Kalil!

Agora o repórter dos furos integra a equipe de esportes da Rádio Montanhesa de Viçosa, uma das grandes emissoras do interior de Minas, comandada por João Bosco Torres e pelo filho Leandro. Pega até em Caratinga, gente!

O compromisso profissional manteve-me acordado até o final de Goiás l x Atlético 1. O jogo teve uns 25 minutos, se muito, de emoção no segundo tempo, quando os mineiros abriram o placar. Os goianos correram atrás, ganharam o pênalti do juiz Leandro Vuaden.

O empate gerou emoção a mais. Fiquei então aceso: decisão por pênaltis é adrenalina pura. Enquanto Bruno do Galo não saiu em nenhuma foto, pulando antes das batidas; o experiente Harley fez a diferença.

Na cobrança de Léo Lima, Bruno esparramou-se meia hora antes. Com a cara de tacho viu o adversário apenas rolar a bola pro outro canto. Quem treina os goleiros jovens do Galo?

Um comentário:

  1. Boa noite.
    essa gente da imprensa azul não se manca mesmo.
    O sr. emanuel raposa perrela neves disse que o O JOGO ESPERADO DO ANO É CRUZEIRO E PALMEIRAS. e QUE TODOS SÓ FALAM NESSE JOGO.
    MENTIRA. Niguém tem comentado, até porque o palmeiras está em declínio e o cruzeiro é o 13º colocado.
    Ele sempre faz questão de divulgar mensagens de torcedores do cruzeiro dizendo que tal cidade tem quase 100% de cruzeirenses.
    MENTIRA. Nenhuma cidade e nenhum clube tem essa proporção!

    Ele tem feito de tudo p/ desestabilizar o Atlético. Criou até o DOSSIÊ do Galo. Ontem ao invés de enaltecer o trabalho da diretoria, voltou a falar em dívidas. Com certeza atendendo uma ordem do anão de jardim.
    Porque esse imbecíl não cria o dossiê perralas? Porque ele nunca falou de problemas do clube , do seu téc, sua torcida e de sua diretoria? RESP: porque ele e os demais se borram d medo dos irmãos linguceiros. A imprensa de fora de minas tem falado de tudo sobre esse blindado clube. tem falado sobr o adilson batista . E aqui eses covardes se calam.
    O anão ja entrou no ar p/ detonar com arturu morais.
    Toma jeito emanuel raposa perrela neves.
    DEixe o ricardinho em paz e fale do kleber bicha que ganha 280 mil e isso tem deixado os demais putos... com o cruzeiro
    O lélio ´já esta manjado e ridicularizado com essa babação pra cima do cruzeiro e seus didigentes. iso por medo do anão e dos marias
    Ricardo-contagem

    ResponderExcluir

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.