domingo, 25 de outubro de 2009

CRUZEIRO VENCE E GANHA UMA POSIÇÃO

Os jogos da tarde no domingo estiveram longe de ajudar os times mineiros, visto que a turma do G-4 resolveu vencer, também, depois da derrota do Palmeiras. O clássico Sansão foi sensacional, cheio de alternativas: o Peixe mandou no placar grande parte do confronto e buscou o empate ao levar 3 a 2. As defesas facilitaram nas bolas paradas.

Os santistas empataram 3 a 3, mas Rogério Ceni, antes de ser expulso por Carlos Eugênio Simon, fez 4 a 3, de falta. Os times saíram de campo xingando o gaúcho soprador de apito. O São Paulo manteve a quarta posição, com 52.

O Internacional venceu o Grenal por 1 a 0, na Beira Rio e manteve a terceira posição com 52 pontos, também, mas com uma vitória a mais que os são-paulinos. A derrota do Grêmio, 44 pontos, ajudou um tiquinho ao Cruzeiro. Da mesma forma que o empate entre Goiás 2 x Fluminense 2. Os goianos chegaram aos 47 pontos e o Flu manteve-se de lanterna na mão.

Fluminense e Goiás serão os próximos adversários do Galo. A equipe goiana, antes, enfrenta o líder Palmeiras, quinta-feira, no Palestra Itália. O Tricolor carioca é quem recebe primeiro o Atlético, também na quinta-feira, no Maracanã.

Nesta quarta-feira, o Cruzeiro joga contra o Santo André, no Mineirão. Porém, a rodada reserva como jogão da noite São Paulo e Internacional, dois aspirantes ao título.

O Cruzeiro fez a sua parte na conta do chá. Foi buscar a vitória sobre o Corinthians e conseguiu (1 a 0, gol de Gilberto, no primeiro tempo). Mas a partida não me agradou sob todos os aspectos. Não gostei da substituição que o Adilson fez no intervalo, tirando Guérron pra colocar Fernandinho. Qual motivo?

A sorte é que o Timão
, realmente, passeia no Brasileiro, sem aspirar nada. Adilson mexeu num time que jogava razoavelmente e correu o risco de outras partidas de tristes lembranças, quando usou igual expediente.

Além da qualidade técnica sofrível da partida, tive que tolerar aquela chatice de transmissão do Sportv e uma arbitragem ridícula do aspirante à Fifa, o anônimo Péricles Bassols P. Cortez. Junto com os assistentes, o trio conseguiu embolar um jogo em ritmo de pelada entre solteiros e casados. Olho nestes caras, Eduardo Maluf?

O Flamengo venceu o clássico no Engenhão (1 a 0, gol de Adriano) e ficou a três pontos do São Paulo. Outro resultado ruim pro Cruzeiro. O rubro-negro chegou aos 51 pontos. O Cruzeiro com 48 ganhou uma posição, em razão do empate do Goiás, 47 pontos.

O Avaí empatou em casa depois de levar 2 a 0 do Sport. Com isso, os pernambucanos (Náutico e Sport) e os cariocas (Botafogo e Fluminense) continuam atolados. Na minha bola de cristal, dificilmente os dois últimos (Sport e Flu) se safarão.

A briga continua excelente, também, pela artilharia. Tardelli pulou pra 16 gols na vitória sobre os baianos no sábado, mas o Imperador Adriano igualou de novo ao marcar o gol do Mengão diante do Botafogo.

5 comentários:

  1. Boa noite.
    o Galo está entre os 4 melhores desde o início do campeonato, mas a imprensa azul fedorenta prefere dar ênfase a campanha do palestra. O Lélio gustavo só encherga roubos de arbitragens a favor do Galo e contra o palestra. Ontem ele disse que arbitragem marcou um pênalti inesxistente p/ o Galo! É sempre assim. Já nos jogos do cruzeiro, esse covarde azul só encherga erros de arbitragens contra o cruzeiro.
    Hoje o que mais se ouviu da imprensa azul fedorenta após o jogo do paletra foi a possibilidade do palestra não só chegar no G-4, mas também ao título. Até parece que o Galo não existe. Se fosse o contrário, os marias estariam entupindo essa imprensa de e-mails, fax, telefonemas, cartas etc..de protestos e manifentações.
    Essa é a grande diferença dos marias para com a massa. Vejam porque!!!!
    Acesse: http://www.imprensamineira.org/

    ResponderExcluir
  2. William Tito Soares-BH26 de outubro de 2009 10:22

    Prezado Flávio. Alguns meses atraz, em respostas à uma de tuas colunas, apoós aquelejogo lá no sul contra o Grêmio, disse que se os juizes deixassem oCruzeiro jogar com 11 jogadores, as coisas mudariam.O tempo mostrou que eu tinha razão. Imagine o Cruzeiro hoje sem aquelaperseguição dos árbitros. E... mais ainda. Sem aquelas arbitragensdesastrosas nos jogos contra o Palmeiras (os 2 jogos), contra o S. Paulono Morumbi e contra o Corinthians no Mineirão).

    ResponderExcluir
  3. Caro Fred, ao disparar agressivas críticas contra a Imprensa mineira vc comete o mais grave dos erros: não respeitar o direito de opinião alheia. Como eu faço com a sua. As opiniões "contra" o Galo não tiraram pontos dele e nem a vice liderança. Por que tamanha agressividade, amigo? Tome um chá de camomila. Abraços Flávio

    ResponderExcluir
  4. Agora a coisa se inverteu: quem tem carência no elenco é o Cruzeiro. Dos que estão à frente, o cruzeiro tem o elenco mais vulnerável.
    Já teve elenco. Agora não tem mais.
    É o cavalo paraguaio dos que estão à frente. Mas torço para que ele chegue entre os 4 e que o Galo seja campeão, para o bem do futebol mineiro.

    Marcelo Andrade

    ResponderExcluir
  5. flavio. eu sei que em festa de nhambu,jacú nao entra,mas tô com uma curiosidade danada, porque o moço do estado de minas tá tao brabo com o celso roth? a campanha nao esta´acima do esperado? sera que o beicinho tem algum motivo oculto? ^cê viu que ele escreveu que foi ele quem trouxe o correa? e mudando para o meu lado, o que o cruzeiro vai fazer com o guerron? trabalhar de telefonista na toca? mandar para a equipe de corredores? mandar os jogos em quito ou la paz? ou sera´que o moço desencanta? abraços florentino

    ResponderExcluir

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.