domingo, 31 de janeiro de 2010

SEGUNDO ESQUENTADO

Luxemburgo mexeu no Atlético: colocou Marques e Renan Oliveira nos lugares de Fabiano e Evandro e o jogo esquentou. Com Tardelli de centroavante e Renan mais atrás, o primeiro lance após as mudanças deu certo. Tardelli sofreu falta e Coelho fez 2 a 1 . O jogo era do Galo. Marques teve a chance do terceiro gol, driblou o goleiro, mas um beque do Tupi salvou em cima da Linha Mas o Tupi surpreendeu com um contra-ataque nas costas de Coelho. Bola chutada por Robson; o goleiro Carini deu rebote e Ademilson fez o empate 2 a 2. A torcida do Galo de Juiz de Fora não teve tempo nem de comemorar: Werley fez jogada de ponta-direita e cruzou pra Muriqui marcar 3 a 2. Pouco depois, saiu, substituido por Júnior.

GALO EMPATA COM TARDELLI

PENALTI EM FAVOR DO ATLETICO, aos 40 minutos, marcado corretamente pelo árbitro Renato Conceição. A cobrança de Diego Tardelli foi perfeita. Goleiro Eládio no canto esquerdo ea bola entrou no direito: 1 a 1. Este resultado veio premiar a insistência do Galo, que fez o goleiro do Tupí, Eládio,trabalhar bastante. Teve maior posse de bola e jogou contra uma defesa bem fechada. Diego Tardelli botou duas bolas na trave. O calor intenso esfriou o jogo (Cruzes!)

CALOR PARA TIMES EM TEOFILO OTONI

POSTADO ÁS 17 HORAS E 30 MINUTOS;

A DEFESA DO ATLETICO marca bobeira na marcação durante a cobrança de um escanteio e o Tupi faz 1 a 0, gol de Róbson, de cabeça. Antes, Diego Tardelli chutou uma bola na trave do goleiro Eládio.

outro jogo DISPUTADO hoje pelo Campeonato Mineiro, de manhã, em Teófilo Otoni, sob intenso calor, o América local não conseguiu ir além de um empate sem gols com o Ituiutaba.

EM São Paulo, no clássico Corinthians x Palmeiras, o lateral Roberto Carlos, ex-palmeirense, dá um presente ao seu antigo clube e é expulso bem no ínício. O Timão vence por 1 a 0.

POSTADO ÁS 16 HORAS E 55 MINUTOS

Luxemburgo confirmou o genro Fabiano como titular e Carini no gol do Galo daqui a pouco contra o Tupi no Mineirão pela Segunda Rodada do Campeonato Mineiro.

CABANAS abriu os olhos e disse aos médicos: "estou bem". A reação do craque paraguaio que levou um tirno no crânio é otimista, mas seu estado continua grave e seu futuro incerto.

Roger Federer venceu o Grande Prêmio da Austrália? Que novidade! Todo mundo acredita no inglês Murray que vinha feito tratar morro abaixo, atropelando os adversários. Seu azar foi cair na final contro o campeoníssimo suiço.

sábado, 30 de janeiro de 2010

COELHO DORME LIDER

DE VIRADA, graças à visão do técnico Marco Aurélio que mexeu no time para o segundo tempo, o Coelho derrotou o Uberândia por 3 a 1 e com 4 pontos é líder, por enquanto, do Campeonato Mineiro. O Uberlândia teve um jogador expulso e imediatamente Marco Aurélio colocou Euller, que entrou e marcou duas vezes. O terceiro gol foi de Moisés. O juiz expulsou também, Euller.

TULIO MARAVILHA FAZ SEU GOL 900

O atacante Túlio Maravilha, do Botafogo -DF, enfim, marcou o gol 900, neste sábado, no empate em 2 a 2 com o Luiziânia. E a homenageada pela marca histórica foi a imprensa do Brasil e do mundo:
- Vocês me aturam desde 88, não seria nada sem o apoio da imprensa. Já são 22 anos de carreira - frisou.
O gol de Túlio nasceu de uma falha da zaga do Luziânia. O zagueiro rival recuou mal para o goleiro, Túlio antecipou-se, cortou o goleiro e driblou outro zagueiro antes de entrar para a História.
Túlio revelou que prometera R$ 1000 para o autor do passe decisivo, no entanto, com a falha do zagueiro rival, nenhum companheiro de clube será agraciado com o 'bicho'.

NO PARQUE DO SABIÁ recomeça Uberlândia x América e o Coelho traz duas novidades: Fábio Júnior estréia no lugar de Laécio e Irênio entra no de Evanildo. Danilo vai pra lateral. E Luciano continua perdendo gols,.,,

PRIMEIRO TEMPO É DO VERDÃO DO TRIÃNGULO

LUCIANO TEVE três boas oportunidades e não marcou. O Uberlândia teve uma e fez com Maicon. O jogo tá equilibrado. Os times foram para o intervalo e o Coelho pode até voltar com novidade: Fábio Júnior fazendo sua estréia.

NA VILA BELMIRO, enquanto espera apresentar Robinho (Bobinho) que já está no Brasil, e faz musculação no clube, o Santos empata em 0 a 0 com o Oeste no primeiro tempo. Quem tem Nilmar, pra quê trazer de volta o Bobinho?

POSTADO ÀS 7 HORAS E 21 MINUTOS

O IPATINGA, cheio de ex-jogadores do Cruzeiro, como Luizinho, lateral; Jajá, atacante e Francismar, meia, provocou a primeira zebra do Campeonato, apesar do terrível erro da arbitragem no pênalti do primeiro gol do Tigre. Porém, o time celeste, ainda que Adilson Batista tenha declarado no final que o Cruzeiro não tem dois times, que apenas o São Paulo tem, no papel estava escalado com força suficiente pra vencer o jogo. Ainda mais no Mineirão, pra onde veio transferido ilegalmente.

ADILSON CULPOU o cansaço, a viagem louco de volta que teria prejudicado Jonathan, Fabinho, Bernardo, Gilberto, Guerrón (este atuou pouco e foi inexplicavelmente substituido pra compor a defesa depois da expulsão,. Na verdade, os caras não jogaram nada tb. Após 2 a 0 no primeiro tempoo, o Tigre fez mais um gol na fase final e liquidou a partida.

VAMOS AGORA ESPERAR o América em Uberlândia. Tá no começo.

POSTADO ÁS 5 HORAS E 38 MINUTOS DA TARDE

COMO SUA EQUIPE RESERVA o Cruzeiro até que mandava no jogo contra o Ipatinga; aos 22m, veio o lance que mudou tudo: pênalti em favor do Tigre que Thiago Mathias transformou em gol. E Thiago Heleno foi expulso.

MAS VAMOS AO LANCE: Jajá, ex-Cruzeiro, driblou a defesa, o goleiro Rafael e tocou pro gol vazio. Thiago Heleno deixou sobre a linha e a bola bateu em sua barriga. O Juiz entendeu que ele salvou com a mão e deu-lhe cartão vermelho.

A TEVÊ MOSTROU tudo ao contrário: a bola bateu na barriga do zagueiro azul. Quem apita a partida: Ricardo Marques Ribeiro, aquele da Fifa, que Alexandre Kalil acusou de trabalhar para um Juiz de Direito, conselheiro do Cruzeiro. Por dois motivos, então, não devia estar ali: pela acusação feita e comprovada; e porque ele faria tudo pra provar que não tem nada com os cruzeirenses. Aí meteu os pés pela cabeça.

ADILSON BATISTA, também, pra variar, errou: com a expulsão de Thiago Heleno bastava puxar Fabinho pra zaga e deixar como estava. Tirou Guerrón e botou Pedro Ken. Chamou o Tigre pra cima dele. Francismar marcou o segundo gol, driblando de novo o goleiro. IPATINGA 2 A 0, NO PRIMEIRO TEMPO. Cara de goleada.

O QUE JONATHAN faz em campo? Não corre, não combate, não joga. Como aconteceu quando entrou em Potesi. Há algo estranho com o moço que pediu aumento de salário, após ser eleito o melhor do Brasileiro. Quer ganhar como ganhava Kleber;

CUIDADO COM OS FALSOS TWITTER

PELO DESENCONTRO DE INFORMAÇÕES vejo com reserva esta história de twitter nas mãos de apressados, candidatos a deputado e fazedores de média. Acredito no de Alexandre Kalil. Já este do Perrelinha cheira politicagem. Na hora da venda de Kleber entrou no ar com as contratações de Roger e Farias.

O repórter Samuel Venâncio, da Itatiaia, segundo Chico Maia, botou no seu twitter que falou com Roger, em Doha, e o mocinho preferido das estrelinhas de tevê, afirmou que não sabe de acerto algum com o Cruzeiro e que só volta em junho. No caso de Farias, não tem acerto ainda. Existe uma diferença salarial de R$ 520 mil. Mensal é que não pode ser, né?

E TEM MAIS BOMBA POR aí. O empresário do Kleber conta no seu twitter que recebeu a proposta na pré-temporada e mandou resposta com valores maiores. Que ninguém acreditava, inclusive Kleber, na possibilidade de o Porto aceitar. Pelo que fiquei sabendo, o Porto aceitou na hora. O problema foi outro: estou apurando e vou contar aqui, apesar de o assunto já ter sido colocado em público por um conselheiro.

POSTADOS ÁS 13 HORAS E 15 MINUTOS

VOU ABRIR AS PARTICIPAÇÕES DO BLOG, PORQUE MUITA GENTE LÊ SÓ O QUE CONSTA NO TEXTO EM FRENTE E NÃO CLICA PRA LER AS OPINIÕES.

DÊ SEU PITACO:

Anônimo disse...

O Corinthias acabou de anunciar um patrocínio anual de mais de 40 milhões de reais/ano. O Cruzeiro fechou um patrocínio de cerca de 10 milhões. Os clubes paulistas recebem muito mais pelas cotas de TV. Só um ignorante pode acreditar que é possível competir com esses clubes (Flamengo, São Paulo, Corinthias,...) sem vender, pelo menor, dois jogadores por ano. E mais, ainda fazer isso, mantendo-se sempre nos primeiros lugares, destacado pela mídia internacional.

30 de janeiro de 2010 08:59

Anônimo disse...

por isso e que o futebol da europa e o melhor do mundo,porque os brasileiro nao pode ver dinheiro, eles vendem ate a mae deles. sem ramirez ja era difil do cruzeiro ser campeam imagina sem o klebe,nois nao choramos mais porque nois temos o w paulista,que agora vai ter sua chancer no time e vai vira idolo da tocida.

30 de janeiro de 2010 09:52

Waltinho Oliveira disse...

FORA PERRELAS, FORA BANDO DE CAPITALISTAS, entendem de negócios, mas são uns analfabetos do futebol.
CHEGA...A Torcida do Cruzeiro tem que dar um basta nisso, engraçado que NUNCA divulgam valores, pq? Acham que a torcida do Cruzeiro é de otários? Estão enganados, e muito enganados.
Queremos ousadia no clube, que se ferre as contas pagas que eles arrotam toda vez na impresa, fique isso para eles, torcedor e time de futebol sobrevivem ao futebol com títulos, TÍTULOS, TÍTULOS, esse é o foco.

30 de janeiro de 2010 12:13

POSTADO ÀS 13 HORAS E 9 MINUTOS

Caro Flávio bom dia,

DE BRUNO SILVA - BH

"Veja como as coisas mudam, Este desencontro vexatório de informações no Cruzeiro com a venda do Palmeirense Kléber. Um fala uma coisa, outro fala outra. Isto sem falar em jogador dando soco dentro de campo e sendo multado pelo diretor via imprensa. Se ouvíssemos isto a dois anos atrás, a conclusão era rápida, são coisas que acontecem no Galo. Pois bem, tudo isto acontece hoje do outro lado da lagoa, o lado frio. No "clube modelo", o "melhor do universo" como dizem seus dirigentes. Enquanto o presidente alvinegro nega propostas pelo ídolo e com isto até corre um certo risco, pois nunca se sabe se o jogador vai continuar fazendo gols, em nome de um planejamento e a busca de conquistas, o outro lado na primeira oportunidade vende o "melhorzinho" que tinha por lá. Pois é, as coisas mudam, o mundo dá voltas. Não sei se o Cruzeiro vai perder a libertadores, e se o meu Galo vai enfim, com Luxa e Kalil chegar e ganhar títulos. Mas estou vendo um grande esforço dos dois lados para que isto aconteça. Depois de sofrermos com Paulo Cury, Nelio Brant, R. Guimarães, é bom demais ver os simpatizantes penarem com o ultrapassado Perrela. Hoje em dia com tanta grana entrando para os clubes, com TV, patrocínios, a moda não é vender, e sim investir no futebol com fez o Corinthians, Inter, São Paulo e por aí vai. Em BH parece que só um clube pecebeu a mudança. Tomara que assim continue....

Abraço e parabens pelo blog, está muito bom".

PODEM CHORAR O KLEBER, MAS ATÉ O POTOSI

QUEM ACREDITA em Papai Noel pensou que, realmente, o Zezé Perrela não venderia Kleber. E, com certeza, nem precisa de dinheiro no momento. Há algo estranho atrás de tudo isso. Eu fiquei naquela: esse cara é vendido todo dia e então resolvi dar uma bronca pra que parassem de encher o saco da gente e da torcida. Também o Gladiador pediu a mesma coisa.

O PERRELA fala coisa com coisa. Não dá pra acreditar nas coisas que diz. Falou que só venderia o Kleber por 10 milhões. Repetiu isso várias vezes. Mas não falou 10 milhões de quê! O Porto veio aqui e ofereceu uns 5 milhões de euros, mais 75% do Ernesto Farias, bom atacante argentino, já conhecido de Adilson Batista.

SE CONTESTAREM, dirá: vendi acima do que prometi.

ESTE NEGÓCIO até ofuscou outro excelente que o Cruzeiro diz ter feito: a contratação de Roger, 31 anos, ex-Flu, Corinthians e Grêmio. Segundo Maluf, o jogador fez ontem sua última partida no futebol árabe. Tomara que não seja pano de fundo.

UMA COISA É CERTA: além da contratação de Wanderley Luxemburgo, enorme salto de qualidade, o Galo contratou bem mais e melhor que o Cruzeiro. É verdade que o Cruzeiro tinha um time pronto, mesmo com a saída de Kleber. Mas pode perder outros, porque Perrela já disse que ninguém é inegociável.

O CAMPEONATO MINEIRO será o divisor de águas. O Galo traz agora Cáceres, forma uma zaga fortíssima com o equatoriano Jairo Campos e o paraguaio Cáceres; tem dois bons goleiros, laterais que apoiam bem, reforçou o meio-campo na marcação e melhorou o ataque com Obina.

O MANÉ CARNEIRO falou na Tuma do Bate Bola da Itatiaia que a China Azul tava pê da vida com os Perrela pela negociação de Kleber com o Porto. Nem queria falar de Roger nem do argentino Farias que vem de contra-preso na ida do Gladiador.

PODE SER que uma grande parte dos 7 milhões, gente séria, realmente esteja decepcionada.

MAS OUTRA grande parte, que perdoa os maiores pecados do Zezé Perrela e, ainda, lhe dá essa quantidade de votos pra Deputado, não tá nem aí. Infelizmente.

ESSA PARTE finge, em princípio, decepcionada. Depois corre atrás de Roger e de Farias, por sinal, bons jogadores. Quantos que foram antes, em fase melhor que o Gladiador? Mais recente, Ramirez e Fred.

A CHINA AZUL independente precisa aprender que Zezé Perrela não dá ponto sem nó. Ao botar o Perrelinha de diretor de futebol já prepara a cama do moço na presidência e na Assembléia.

AO AFIRMAR que Kleber só sairia por 10 milhões, falou baixinho o restante: dólar, euro ou real? Vendeu por uns 15 milhões e mais o Farias, 29 anos. Ou seja, promessa cumprida.

E AINDA DEIXOU o Maluf na gelada de comunicar a venda e desapareceu. Afinal, vender craque não dá voto. Só dá a solenidade de anúncio e apresentação.

A China Azul tá cuspindo marimbondos, como diria o saudoso Fernando Sasso, com a decisão de Zezé Perrela. Leiam o testamento enorme que me manda FRANCISCO MOREIRA, contumaz pitaqueiro neste pedaço:

"Máquina Registradora – Mais um ano sem levar nada



A Diretoria do Cruzeiro, como desculpa para a ausência de contratações se gabou de ter mantido a base do ano passado, o que de fato, mantidos os bons jogadores é um ótimo negócio, dado que precisaria de poucas peças para se montar um grande time em 2010. Mas a meu ver isto só estava ocorrendo por que não havia ainda tido propostas reais para os jogadores do Cruzeiro, uma vitrine de luxo, onde quem chega com dinheiro leva. Desde 2003, o que vejo na Toca da Raposa é uma excessiva preocupação em e fazer caixa, em lucros excessivos em detrimento da montagem de um grande time para ser campeão. Dito e feito. Hoje já anunciaram a venda do ÚNICO craque do time, que faz a diferença: Kléber, por E$ 7,5 milhões e já se fala na venda de Jonhatan para o Nápoli. Quanto ao Kléber o preço mínimo não era E$ 10 milhões? Com o máximo respeito ao Perrelas, penso que já é hora de mudar a mentalidade o clube. Veja os exemplos dos nossos rivais na Libertadores, que estão montando grandes times sem se desfazer do elenco. Veja o exemplo de nosso rival de Vespasiano: contratou uma zaga cara e de primeiro nível (Caceres e Jayme Campos), dois pentacampeões mundiais (Junior e Ricardinho), trouxe 2 goleiros para suprir uma carência do time, manteve o craque do time (Tardelli) e trouxe outros jogadores caros e que não darão retorno financeiro (Obina, Jorge Luiz, Leandro, Coelho, Lima, dentre outros), além do melhor treinador do país, com o intuito de ganhar títulos e não de fazer caixa. Se vai dar certo é outra história. Mas pelo menos o Kalil tem demonstrado paixão pelo seu clube e desejo de vencer.

Para ganhar títulos importantes, finalidade precípua de um clube de futebol é necessário montar grandes times e investir. Futebol não é lucro, não é bolsa de valores. Flamengo, Vasco, Palmeiras, Corinthias, times que venceram mais de 3 brasileiros entre outros títulos relevantes têm muitas dívidas e continuam sobrevivendo e ganhando títulos. Enquanto isto na Toca da Raposa só se pensa em vender. Se antes necessitávamos de um camisa 10, dois zagueiros e mais um craque para ao sobrecarregar o Kléber, agora definitivamente somos um time comum, sem nenhum diferencial. O Flamengo foi campeão por ter no elenco dois jogadores que fizeram a diferença (Pet e Adriano) e ainda contratou mais um. Senhores Perrelas, ganhar títulos com times comuns, sem craques, só jogando na defesa, é exceção e não regra.

Infelizmente, é lamentável esta atitude da Diretoria e até mesmo torcedores como eu, apaixonado que sempre vai ao campo e assisto e participo de programas esportivos, já começo a pensar em parar de torcer, pois não quero torcer para um time que não visa ganhar competições e alegrar o seu torcedor, mas tão somente ter lucros no final do ano".

sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

GILBERTO PEDE DESCULPAS: QUE SEJAM ACEITAS

VI MUITA – OU OUVI, como queiram - sinceridade nas palavras de Gilberto pedindo desculpas ao clube, aos companheiros e à torcida. Entendo que elas devam ser aceitas e o episódio esquecido para bem e para o mal. Não adiantar desculpar agora e atirar pedra nele caso – por uma dessas fatalidades do futebol, que rotulamos de zebra – o Real Potesi elimine o Cruzeiro no Mineirão. Aí, os coveiros vão lembrar: esta vaga foi perdida na Bolívia. Culpa de Gilberto.

O ARMADOR afirmou que cometeu o maior erro de sua vida e, por isso, devia, “primeiro, pedir desculpas à minha mãe que me ensinou – e ensina – a ser uma pessoa correta porque sirvo de exemplo para as minhas filhas, também”.

PRA ENCERRAR este triste episódio: como verdadeiro cavalheiro que é, Gilberto disse ainda: “Foi uma atitude insana, impensada, de uma pessoa desequilibrada, coisa que eu não sou. Não tem justificativa. Eu peço desculpa por ter deixado a equipe em uma situação tão complicada. Era um jogo decisivo para nós e eu acabei tomando esse tipo de atitude. Não há justificativa para o meu ato”.

TWITTER DO ANSELMO: Se fosse algum badboy, Gilberto, a gente puxaria pro sol. Tratando-se de você fique na sombra remoendo por alguns dias seu remorso.

AVIÃO FRETADO na Bolívia sempre corre risco de não chegar ao destino. Já voei pacas naquelas porcarias de linhas aéreas. Ao levantarem voo, os motores não roncam, porque os aviões batem asas.

PITACO. O Cruzeiro devia ter invertido a coisa: mandar o mistão a Potosi e jogar com os titulares aqui contra o Ipatinga neste sábado.

CANSADOS, desgastados e sem dormir, a turma da Bolívia depois do chá de aeroporto merece os braços e abraços das mulheres amadas.

ENFIM A NOVELA paraguaia cujos personagens são o beque Cáceres e o Galo chegou ao fim com todos felizes. Cáceres, como gostam de afirmar os atletas hoje, tinha várias propostas, mas optou pela do Atlético, a única que lhe interessava.

A VINDA DELE derrubou outra verdade que o Galo anunciava nas especulações de contratações: o clube não tem dinheiro e não fará nenhuma loucura. Cáceres não é loucura, claro, mas custou, por enquanto, uns 800 mil dólares ao Atlético.

OU A RICARDO Guimarães? Quem deve saber é o Carioquinha amigo do Homem. Como não tenho nada com isso, seja bem vindo zagueirão!

AS MÁS LÍNGUAS podem falar à vontade, torcer contra e não acreditar. Porém, no papel e na cabeça de Wanderley Luxemburgo este elenco do Galo dará uma equipe de respeito, pra brigar pelos títulos.

FABIANO JOGA contra o Tupi no lugar de Jonilson, neste domingo no Mineirão. Porém, a Pantera Obina será opção de banco, com todas as chances de entrar durante o jogo. Quem diria, já caiu no gosto da Massa, sem jogar!

GILSON KLEINA, velho conhecido do interior mineiro, é o novo técnico do Ipatinga, no lugar de Flávio Anselmo. Estava no futebol carioca e traz a certeza de que a viagem do Cruzeiro à Bolívia será um trunfo a ser explorado pelo Tigre.

ÁS SETE E MEIA da noite, no Parque do Sabiá, a única novidade do Coelho será o veterano Evanilson na lateral direita em lugar de Nando. Por parte do Uberlândia, certamente, as novidades serão tantas que possam resgatar o time do fundo do poço onde se meter após a goleada sofrida no Mineirão pro Cruzeiro.

OUTRO JOGO que chama a atenção na segunda rodada do Mineiro é Uberaba x Caldense, no Uberabão. Tudo por causa da goleada que o Zebu aplicou no Ituiutaba (3 a 0) e que valeu a saída de Paulo Roberto e a volta de Nedo Xavier.

ALIÁS, NEDO estréia em Teófilo Otoni, domingo, contra o América local. Vai ver o que é bom pra tosse. O campo que Ituiutaba oferece aos visitantes receberá de volta em Teófilo Otoni. Eu o conheço de longa data.

DE VINÍCIUS Silveira de Souza, um dos mais assíduos colaboradores desta Trincheira: “Como disse em uma outra coluna; não ha verdade que dure 24 horas. Kalil avisou no seu twitter: “Atlético desiste de Cáceres".Mais uma vez essa máxima do futebol se fez presente e o zagueiro paraguaio volta a vestir a camisa atleticana”.

“Mais um reforço que vem para acrescentar na equipe do Vanderlei Luxemburgo. O Atlético que já conta com outros dois estrangeiros na mesma posição, o equatoriano Jairo Campos e o paraguaio Benitez; é mais uma dor de cabeça positiva para Luxemburgo.

“MAS O GALO ainda necessita de jogadores para o meio campo e o ataque. Com certeza, Kalil está trabalhando e deve trazer mais reforços com o aval do Luxa”

A TORCIDA É gulosa, Kalil, quer sempre mais, sempre mais. Que tal Bobinho?

TAMBÉM o exigente professor Xingu, do Colégio Santo Agostinho, resolveu dar as caras de novo: “Flavio bom dia.Ontem à noite após o término do jogo do Cruzeiro fiquei com uma vontade grande de escrever alguma coisa sobre a partida.Felizmente não escrevi nada, pois provavelmente a indignação teria deixado aparecer
palavras não tão belas com o treinador Adilson.

“ALÉM DISSO. mais felizmente ainda li pela manhã sua coluna. Como sempre pertinente, mas dessa vez foi impressionante: senti que você parecia ter lido os meus olhos. Foi tudo o que vi. Falha do mais experiente, entrega dos demais atletas, sufoco em poucos momentos e uma falta incrível de ousadia do treinador Adilson. Parabéns pela coluna realmente perfeita análise”.

POR FIM, reaparece o Chiquinho Maia: “ Obrigado pela colher de chá meu caro chefe!
Realmente esta parceria vai tirar o Jacaré do atoleiro. Depois de assinado o contrato faremos um "chá com torradas" em SL para apresentar tudo à cidade, e espero que o senhor esteja presente. É o primeiro convidado”.

EU NÃO DISSE que este convênio Galo x Jacaré era coisa do Chiquinho? Minha bola de cristal não falha.

ROBINHO FICARÁ no Santos até 4 de agosto? Que tipo de negócio fizeram Manchester City e Peixe? Tudo pára durante a Copa e o Brasileiro começa logo após os estaduais. Ou seja, Robinho virá apenas disputar o Paulistão.

quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

GILBERTO E MEDO TIRAM A VITÓRIA CELESTE

A ATITUDE de Gilberto, dando um soco no rosto do adversário, na frente do auxiliar derruba a tese de que pra se ganhar a Libertadores da América é preciso ter jogadores experientes. Se tivesse sido Diego Renan, 20 anos, a gente jogaria a culpa na inexperiência do rapaz.

MAS LOGO o Gilberto: rodado, experiente atleta, que tem passado uma personalidade calma, sensata, do líder que o time precisava como armador?

EXPULSO AOS 22m do primeiro tempo, quando o Cruzeiro vencia por 1 a 0, Gilberto jogou os companheiros numa tremenda fogueira.

ALÉM DAS dificuldades com a altitude, Gilberto acrescentou outra bem grande: obrigou os companheiros correrem o dobro pra cobrir sua ausência.

AINDA BEM que o time celeste, com inteligência, boa marcação, segurou o resultado no primeiro tempo. Nesta fase o jogo foi ruim, lento, sem emoção.

O CRUZEIRO ficou só no lance do gol e o Real Potesi cabeceou uma bola na trave superior de Fábio.

NO SEGUNDO tempo, como em todos os casos iguais, Adilson Batista não é ousado. Abdica do ataque e enche o time de volantes.

POR EXEMPLO: Wellington Paulista sentiu aos 9m e não entrou Guerrón, mas Jonathan, à meia-bomba. A entrega azul foi absoluta. Só o time adversário jogou.

KLEBER FICOU sozinho na frente e a pressão dos locais cresceu. Aos 18m,o Gladiador não aguentou e pediu pra sair.

VEIO THIAGO Ribeiro. No entanto, Guerrón acostumado com altitude continuou no banco. Sem ataque, o Cruzeiro permitiu que o fraquíssimo Real mandasse na partida.

O EMPATE aconteceu com o Cruzeiro morto, aos 43m. Nos três minutos de acréscimos, o sufoco foi geral.

NO ENTANTO, dadas às condições e a besteira de Gilberto, até que o resultado agradou.

AGORA a decisão será em Beagá do doutor Lacerda. O Cruzeiro classifica até com 0 a 0, porém tem a obrigação de enfiar uma goleada nesse horrível time boliviano.

DEVE TER dedo de Chico Maia a parceria fantástica entre Atlético e Democrata Jacaré.

DEMOCRATENSE roxo, atleticano nato e amigo de Kalil, Chiquinho, com certeza, tricotou o acordo para o júnior do Galo disputar a Segunda Divisão com a camisa “lacustre” (arre!).

NÃO TENHO DÚVIDA: a minuta do acordo foi escrita pelo filho de seu Vicente.

JUNTO DOS ATLETAS, o Galo mandará toda Comissão Técnica que espero qualificada. O convênio terá duração de um ano.
ALÉM DO CHICO, aposto que a ideia do Galo 2 partiu do manager Wanderley Luxemburgo.

PROJETO ÓTIMO pra Cruzeiro e América copiarem, também. Melhor do que ficar distribuindo atletas a torto e a direito pra clubes do interior sem a menor condição.

NO PROJETO atleticano, o elenco treinará na Cidade do Galo e ficará sob o olho gordo do dono.

PITACO. Ideia boa não tem exclusividade; tá na praça pra ser roubada e copiada.

O BEQUE LIMA, ex-Galo e Bétis de Sevilha, trata uma séria contusão na Cidade do Galo com esperança de voltar. Muita gente faz força, mas quem tá vindo mesmo é Cáceres, também ex-atleticano, do qual o clube não desistiu.

OBINA TÁ PRONTO: regularizado e com fome. Pra estrear contra o Tupi domingo, no Mineirão, basta Luxemburgo decidir tirar Evandro, recuar Muriqui e colocar o ex-flamenguista, ao lado de Tardelli.

ZÉ LUIS, no entanto, não estréia. O provável é que Correa seja mantido adaptado como primeiro volante ao lado de Ricardinho. Bobagem é pensar com essa formação o time fica exposto. Em compensação tende a ser forte, ofensivamente.

OS JORNAIS paulistas informam que Zé Luis compareceu ao Centro de Treinamento do São Paulo pra despedir-se e que se apresentará nesta sexta ao Galo pra assinar contrato.

TWITTER DO ANSELMO: O pitbull Zé Luis, 30 anos, jogou pelo Galo em 2004. Disputou 48 partidas e marcou quatro gols. Média assustadora de nada.

FALANDO EM gols, ou na falta deles, o técnico Marco Aurélio entende que o Coelho não ganhou do Galo porque finalizou muito mal. Abriu chance às especulações sobre a estréia de Fábio Júnior contra o Uberlândia, no Triângulo, neste sábado.

DIEGO RENAN que fez 20 anos esta semana mereceu homenagem do sítio da Fifa ao lado de nomes famosos como Buffon, 32; Romário,44 e o português Eusébio, 69 anos. O lateral do Cruzeiro é rotulado como uma das grandes revelações do futebol.

ZICO COMO treinador só vingou no Japão. Na Europa tem dado só vexame. Melhor então aceitar o convite da presidenta do Flamengo, Patrícia Amorim, e assumir um cargo de cartola no clube do seu coração. Chega de aventuras frustrantes.

NA APRESENTAÇÃO do novo patrocinador do Mengão – a Batavo – Patrícia Amorim disse que “Flamengo e Zico sempre tiveram uma química perfeita”

O SÃO PAULO abriu as portas ao Robinho, que agradeceu e prefere ser repatriado mesmo pelo clube que o formou. Os detalhes finais entre Santos e Manchester City estão quase prontos.

EM RAZÃO do fuso horário entre a Trincheira e os seus impávidos leitores periga eles saberem primeiro da volta do Pedalada que lerem esta nota. “Bobinho” comete outra estultice ao trocar o São Paulo pelo Peixe, com o devido respeito.


IGUAL ELE fez ao sair do Real Madrid, não aceitar o convite do Chelsea e topar jogar no inexpressivo Manchester City. O moço dorme, come, ama o vil metal.

THE GUARDIAN, que reproduz esta Trincheira em português, na gelada Londres, informou que a pressão de “Bobinho” pra retornar ao Brasil é motivada pelo interesse do Barcelona.

APÓS SEIS meses na Vila Belmiro, “Bobinho” recuperaria o velho estilo e iria jogar ao lado de Lionel Messi. Tudo é possível.

APÓS ASSAR por um bom tempo e estar quase com a validade vencida, a batata de Kleber Pereira, ex-Santos, achou pouso. A pedido de Fossati, novo treinador colorado, ele assinou contrato com o clube gaúcho.

FOSSATI, apesar de ter Alecsandro e Taíson, mais os jovens Walter e Leandro Damião, justificou que a necessidade do Inter é de um homem gol.

NÃO DEVE ter visto Kleber Pereira nos últimos jogos: fazia um gol e perdia 20. Até a torcida santista ficou de saco com ele e pediu sua dispensa.

ESTE OUTRO Kleber, o Santana, que o São Paulo repatriou tirando-o do Atlético de Madrid é bom demais. Foi bicampeão paulista pelo Santos e chega pra dar jeito no meio-campo, segundo meu neurocirurgião, doutor Romero Vieira de Castro.

AS CHANCES de sobrevivência de Salvador Cabañas, infelizmente, diminuíram outra vez. Teve certa melhora, reconheceu alguns parentes, mas a recaída de madrugada colocou-o em sérios riscos de morte. O cérebro de Cabañas tá de novo bem inchado.

quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

POSTADO Á UMA HORA E 34 MINUTOS DA MADRUGADA

PUNIÇÕES FORAM PEQUENAS PARA JUÍZES RUINS

(Flávio Anselmo – 28/1/10)

A PUNIÇÃO de apenas uma semana para o árbitro Emerson de Almeida Ferreira e de cinco semanas para seu auxiliar Marco Antônio da Silva que validaram o gol do Tupi em completo impedimento, prejudicando o Ipatinga, derrotado por 1 a 0 não resultou em nada diante do estrago que os dois sopradores de apito fizeram.

IGUALMENTE ridícula foi a suspensão de uma rodada aplicada no experiente Helbert Costa Andrade, contumaz mau aplicador das 17 regrinhas do futebol, cujo erro custou ao América a derradeira chance, quem sabe, de deixar o clássico vitorioso.

O JOVEM APITADOR Cleisson esteve bem na partida. Foi derrubado por Helbert que viu impedimento num lance limpo de Luciano que marchava aos 38m do segundo tempo pra cima do goleiro Aranha. Nada mudou, meu caro Jurandir, nada...

APESAR do excelente Jogada de Classe que participei com Orlando Augusto, Ramon Salgado e Paulo Azevedo, na última terça-feira, em entrevista ao vivo com Cláudio Caçapa, não gostei da sequência do meu dia. Terminei azedo.

A TENTATIVA de morte da qual foi vítima o atacante paraguaio, Cabanas, 29 anos, segundo Ramon Salgado que o conheceu pessoalmente na Cidade do México, deixou-se amolado.

LOGO DEPOIS soube da morte de Gasperin, ex-Internacional, 57 anos, de câncer. Esta doença começa a se acercar de todas as famílias. Há dois anos perdi meu irmão mais velho, Zito, por causa dela. Quando mata mais um, dói-me como se fosse da família.

ENTÃO VEM o Senhor Paulo, no meu blog, dizer que “funcionário público tem tanta vantagem e vive reclamando que não tem; coisa que me irrita mais do que isso .
Há pouco tempo atrás tive que aguentar 1h uma funcionaria reclamando do salário / Aécio. Se salário é tão ruim porque não procuram algo na iniciativa privada ?
E por que os concursos públicos viraram uma verdadeira industria ?”

SENHOR PAULO, com o devido respeito à sua opinião, coisa sagrada no meu blog, mas gostaria de responder-lhe o seguinte: sou aposentado no estado e reclamo do Doutor Aécio por não cumprir a lei da isonomia.

DIREITO MEU e de qualquer aposentado. Além disso, se o Senhor tá irritado com os funcionários que reclamam direitos que entende não possuírem, nós, também, estamos pra lá de irritados com a turma de puxassaco que blinda o Governo Aécio Neves.

PENSO QUE o Botafogo fez uma troca bem feita: Joel Santana no lugar de Estevam Soares. Da mesma forma, aplaudo o Goiás que tirou o desgastado Hélio dos Anjos e buscou o jovem Jorginho já merecedor de uma chance após o trabalho no Palmeiras.

EM MINAS, a primeira rodada custou as cabeças de dois treinadores – Flávio Lopes, no Ipatinga; e Paulo Roberto, no Ituiutaba. Este caso me causou surpresa, pois acreditava que Paulo pudesse acertar em Ituiutaba, ainda que seu estilo seja imitar Luxemburgo.

PUNIÇÕES FORAM PEQUENAS PARA JUÍZES RUINS

É DE LAMENTAR-se a ausência de Caçapa em Potesi. Leonardo Silva e ele formarão importante zaga no Cruzeiro. Se Adilson Batista, conhecedor da posição tanto quanto este filho de Sodico, não teimar com Gil e Thiago Heleno.

PITACO. Bobo é quem achava que Wanderley Luxemburgo ficaria apenas com um pitbull no elenco: Jonilson expulso, tratou logo e mandar vir Zé Luis.

AS MUDANÇAS que Wanderley fará no time contra o Tupi, domingo, com certeza não serão temporárias: Carini ganhará a briga com Aranha e Fabiano tomará a posição de Evandro. E Ricardinho que se cuide! Sua batata tá assando.

MEU TWITTER: CRUZEIRENSE me pergunta se o Moisés e o Luciano jogam no meio-campo do seu time. Não só dele; de qualquer outro do País.

O TENENTE Altamiro Fernandez Cruz é bem simpático e atencioso com a Trincheira. Mas estica seus pitacos além da conta. Como o assunto da altitude superou-se e o pitaco 2 é sobre o Robinho, vou registrar hoje apenas a parte final do longo email:

“CRIE uma "Cruzada de Respeito aos Aposentados" onde possamos opinar, bem como, esclarecer a todos os aposentados a não votarem nos candidatos que não estejam compromissados com a nossa causa. Esta Cruzada, servirá, também, para aqueles que, hoje, não são aposentados.

“ELES DAQUI a algum tempo, também serão aposentados. É a hora de todos que estão aposentados e todos aqueles que virão a ser, se mobilizarem. Você que, hoje está na ativa, será o aposentado sofredor de amanhã. Comece a sua luta agora para que possa desfrutar de uma aposentadoria justa e não vir a ser mais uma vítima do descaso dos pseudos governantes”.

RESPOSTA; Não tenho queda, meu amigo Altamiro, pra Dom Quixote dos barnabés.

NO MEU BLOG, Paulo Mário acessou e pitacou sobre a bronca de Caio Salum, que achei exagerada e sobre o lance do impedimento: “Considero relevante lembrar o lance: O Luciano tinha o gol na sua frente , sozinho, e com a sua categoria o drible no goleiro Aranha era fácil. Era gol certo do Coelho e mais pontos na tabela. Só isso!”

VINICIUS SILVEIRA DE SOUZA é outro que quer me tirar o emprego. Escreveu o suficiente pra encher o mesmo espaço e dar sobre. Bobo não sou e portanto vou registrar apenas os seus destaques no clássico:

DO AMERICA: Flávio, 39 anos e muita experiência; Wellington Paulo, muito firme na defesa. Moisés, tem grande futebol e pode ir mais longe; Luciano, apresentando um futebol de destaque.

DO ATLÉTICO: Aranha falhou no primeiro gol, mas se recuperou em outro lances.
Jairo Campos, muita segurança e estréia sensacional; Leandro, qualidade pela lateral esquerda. Muriqui, belíssima estreia, indo pra cima, sempre buscando o gol.

O AMERICANO Flávio Azevedo veio quente como sempre: “no campeonato carioca o Bangu foi proibido de jogar em seu estádio e o jogo contra o Flamengo foi para o Engenhão e não para o Maracanã. O Ipatinga faz agora o que o Democrata Valadares e Ituiutaba fizeram em outros campeonatos, não tem estádio e invertem o mando de campo”.

DEPOIS DA arbitragem direcionada a ajudar o Atlético que vimos no Mineirão domingo, tá claro que a FMF tá encaminhando mais uma final entre Rapogalo! Aquele desqualificado tri arbitragem até o mascote do Coelhão expulsou. Depois, choram contra arbitragens no campeonato brasileiro”.

terça-feira, 26 de janeiro de 2010

CORAGEM DO GLADIADOR É A FORÇA CELESTE

LEIAM COM atenção, caros atletas cruzeirenses, e busquem entender o que a Trincheira pretende dizer nesta metáfora: se o time colocar em campo 11 gladiadores com o espírito demonstrado por Kleber, no Aeroporto de Confins, antes do embarque, nem o Real, nem a altitude de Potesi - mais de 4 mil metros acima do nível do mar - serão capazes de derrotar os meninos de Adilson Batista nesta quarta-feira.

CLARO QUE cada qual tem seu limite técnico e estilo próprio. Mas o que peço – e conto que a declaração de Kleber tenha saído, realmente, do coração – é uma entrega acima do normal.

DEIXEM A altitude de lado. Façam dela um mito e assumam a realidade mais simples: o Cruzeiro, no momento, é bem superior ao Real Potosi.

POR EXEMPLO, ontem o Real anunciou a contratação de oito jogadores. Contudo, esse pessoal, por melhor que seja, ainda que esteja em forma e regularizado, será um amontoado de bons atletas sem conjunto. Que mal se conhecem entre si.

AO CONTRÁRIO, o Cruzeiro trabalha com a mesma formação há quase dois anos. O técnico é o mesmo, o time é bom, cheio de atletas experientes.

POR QUE , então, ter medo de uma legião estrangeira que só tira vantagem da altitude de 4 mil metros? Mas será que eles, também, recém chegados, estarão prontos pra enfrentar o mesmo monstro?

QUEM ME PERGUNTOU se tenho Twitter? Não me lembro. Penso que foi o Magno, da Florida (USA). Tenho, não. Só meu blog . Anote aí: www.flavioanselmodepeitoaberto.blogspot.com

DOUTOR ROMERO de Castro Vieira, brilhante neurocirurgião e eterno vigilante contra minhas dores cervicais e lombares, depois de atender-me segunda-feira, ria à toa: o São Paulo acabara de conquistar a Copa de Juniores.

ATÉ EM cuspe à distância meu caro doutor Romero é sampaulino roxo.

QUE BRONCA do Caio Salum na da arbitragem do clássico! Será que o América foi tão prejudicado?

TEVE O ERRO sim do auxiliar Helbert Costa – que, aliás, desaprendeu a trabalhar - no lance do Luciano, aos 38m do segundo tempo. Coisa pouca pra tanta ameaça.

DANADO MESMO foi aquele gol em horroroso impedimento que o juiz e o auxiliar, na frente do lance, não deram. Foi gol do Tupi. Mudou a história da partida e o Ipatinga perdeu por 1 a 0.

PITACO. “O torcedor mostrou a presença maciça, mas não mostrou um lado que eu tinha muito medo quando eu vinha jogar aqui contra o Atlético”, de Wanderley Luxemburgo.

LUXA FALOU que “a torcida do Atlético carrega o time, empurra o time; ela passa 90 minutos incentivando seus jogadores” .

FALOU MAIS: “Quando estávamos com um jogador a menos, eu não vi aquela torcida que eu tinha medo de jogar contra. Eu sempre digo que a torcida como a do Atlético, não é o 12º jogador, é o centroavante da equipe. É o que bota a bola para dentro”.

COMO SEMPRE jogou contra, Luxa sabe que a melhor maneira de anular este centroavante que bota a bola pra dentro, é não deixá-lo jogar.

A TORCIDA DO Galo inspira-se na equipe. Quando perde “garra, garra”, não tá motivada e não devolve motivação pra um time desinteressado, entregue e insosso como aquele do primeiro tempo.

CONTRA O TUPI domingo o goleiro titular será o uruguaio Carini. Nada com relação à atuação de Aranha no clássico. Por sinal, muito boa.

A PREOCUPAÇÃO da Massa é outra: Obina vai jogar com Tardelli e Muriqui? Welder será titular até quando? Ricardinho e Junior vão ficar juntos?

A MAIOR de todas: o que mesmo Zé Luiz veio fazer na Cidade do Galo?

O CAMPEONATO Mineiro é de tiro rápido. Portanto, quem marcar bobeira dança e não terá tempo de recuperação.

NO SÁBADO, dois jogos: Ipatinga x Cruzeiro à tarde, no Mineirão; Uberlândia x América, à noite, no Triângulo.

OUTRA VEZ, a competição é ultrajada com privilégios aos grandes. O Cruzeiro joga em casa, porque o Ipatinga não tem estádio. Inversão de tabela é ato proibido em lei.

ALÉM DISSO tem o segundo jogo do Galo em casa – pode? Para os sábios fazedores da tabela da FMF pode. No último, o Coelho foi o mandante. Quero rir: rs,rs,rs,rs...

O NOVATO América-TO recebe o Ituiutaba. Este verá que pimenta nos olhos dos outros arde mesmo. Terá troco à altura do curral da Fazendinha que oferece aos visitantes.

O UBERABA, cheio de moral com a goleada sobre a BOA na Fazendinha, manda contra a Caldense, que parou, em casa, diante do Democrata-GV.

JÁ A PANTERA enfrenta o Leão, na Beira do Rio Doce. Deve ser jogo pra abalar a floresta da Usiminas.

MINHA INDIGNAÇÃO, não me permitiria comparecer ao Independência e no Mineirão pra solenidade da assinatura-de-sei-lá-o-quê.

QUERO DIZER: sei sim. Dinheiro grande pra reformar o Independência; grana altíssima pra reconstruir o Mineirão.

COMO APOSENTADO esquecido e desestimulado pelo Governador, estou naquele bloco cuja convocação transcrevi nesta Trincheira.

FARINHA POUCA, meu pirão primeiro: que Copa do Mundo que nada. Antes o Governador tem que cumprir a promessa de salários dignos aos ativos e inativos.

E AS NOSSAS MGs, hein? Na propaganda, estão ótimas; na realidade, buraco puro.

segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

POSTADO ÀS 7 HORAS E 7 MINUTOS

COMO O SÃO PAULO foi campeão da Copinha de Juniores, nos pênaltis, aproveito pra publicar, com certo atraso, é verdade, a mensagem de meu amigo e conterrâneo ALOIZIO GROSSI. Doctor Flávio, bom dia.
Não estou entre aqueles que gostam de dar pitacos, mas concordo com relação ao garoto Rafael. Foi o responsável direto pela eliminação do time, sem tirar, evidentemente, a responsabilidade dos treinadores. Já tinha tomado o primeiro por cobertura, ora!... o segundo também? Apesar dos comentários, tanto aqui quanto na paulicéia de que o São Paulo é melhor, ví o jogo e não achei essa brastemp toda não.
Não fosse o erro do menino Gabriel, diga-se de passagem, é um bom goleiro, não sei!...
O importante é que o time mostrou alguns bons valores.
Cordial abraço
Aloízio Grossi

FALTOU A MARCO AURÉLIO A OUSADIA DE LUXA

O GOLEIRO ARANHA reabilitou-se do gol que levou do América aos 5m do primeiro tempo, num chute forte de Rogério, mas que ele foi atrasado, chegou deitado e fez golpe de vista, ao evitar que o adversário anotasse outros. Saiu do clássico com a sensação do dever cumprido e que o Galo só não perdeu o clássico por sua causa.

FORAM VÁRIAS defesas difíceis de Aranha contra nenhuma de Flávio. Uma delas, que seria gol contra de Werley, mostrou que Carini terá uma briga feia pela frente se quiser recuperar a posição.

O EMPATE (1 a 1) apenas confirmou que o técnico Marco Aurélio mantém a cartilha conservadora, sem nenhuma ousadia, enquanto Wanderley Luxemburgo, já com três alterações feitas aos 22 minutos da fase final, ao contrário, não perdeu a coragem de ousar e de dançar conforme a música tocada na ocasião.

O COELHO FOI melhor durante grande parte do jogo. No primeiro tempo, viu o Galo perder Jonilson, expulso corretamente, aos 29m e criou boas chances. Na primeira, Moisés obrigou Aranha a uma defesa de estilo e aos 41m, Luciano acertou o poste superior, a bola quicou na trave direita e caprichosamente não entrou.

COM UM ATLETA a mais o Coelho não soube tirar proveito de transformar esta vantagem em gols. No segundo, Luxemburgo tirou Evandro que não jogava nada e colocou Fabiano. Na mosca!

DE CARA Tardelli deixou Fabiano na cara do gol e Flávio fez notável defesa com os pés. No rebote, Muriqui chutou pra fora o gol de empate. Aos 7m, o volante Nando repetiu Jonilson e foi expulso, também. Com 10 de cada lado, o jogo ficou melhor ainda.

O GALO NÃO DEU bobeira e empatou com Fabiano, após um rolo na área e a bola sobrou pra ele. Quase virou 5m depois, com Muriqui acertando a trave. Empatou tudo então: um jogador expulso de cada lado, um gol de cada lado e uma bola na trave de cada lado.

PORÉM O COELHO não se abateu e saiu pra cima com Luciano, Zé Rodolfo, Danilo ( uma grata surpresa no jogo)Moisés e Léo que entrara no lugar de Laércio. Também a entrada de Irênio no lugar de Rodrigo fez o time ficar mais rápido.

MAS ARANHA PAROU tudo. Na única fez que ficou pra atrás, num belo lançamento de Zé Rodolfo a Danilo, que tirou o goleiro e entrou livre pela área, o gol foi salvo por Jairo Campos, outra grande figura do clássico.

QUANDO TINHA tudo pra liquidar a partida, o América afinou e Luxemburgo aproveitou; trocou Leandro e Muriqui por Júnior e Marques, antes dos 22m, e equilibrou de novo o jogo.

O COELHO foi defender dentro da própria área, buscando o contra-ataque. Correu sério risco de levar a virada. Sua última oportunidade ocorreu aos 41m, num contra-ataque rápido que o assistente Helbert da Costa Andrade anulou, alegando impedimento, que não existiu.


MEU TWITTER: o juiz Cleisson Veloso Pereira apitou bem, mas seu auxiliar Helbert Costa arrebentou o Coelho em dois impedimentos. Guilherme Dias esteve legal.

PITACO. Quem apostou em bom Campeonato do Uberaba saiu na frente. O Zebu goleou a Boa (3 a 0), lá no Curralzinho da Fazendinha. Uma façanha, sem dúvida.

DÚVIDAS MANTIDAS quanto o futuro do Leão do Bonfim. Parou no estreante América-TO ( 1 a 1) no Penidão, onde acostumava a fazer medo em todo mundo.

O TRIO DE ÁRBITROS meteu a mão no Ipatinga, em Juiz de Fora. O jogador do Tupi que marcou o gol da vitória (1 a 0) estava num impedimento cabeludo. Na cara deles.

NO DUELO da experiência de João Francisco, da Caldense, e a juventude de Moacyr Júnior, do Democrata-GV, prevaleceu a boa fase do jovem: 0 a 0 foi bom pra Pantera.

OS MILANESES queriam mais de Ronaldinho Gaúcho, em grande fase, neste domingo no clássico da cidade. Mas sua estrela ofuscou-se diante da Internazionale de José Mourinho e de Julio César, Maicon e Lúcio. A derrota por 2 a 0 colocou a Inter disparado na liderança.

PRA COMPLICAR o domingo da estrela que todos pedem de volta na Seleção no final da partida houve um pênalti em favor do Milan que Ronaldinho cobrou e Júlio César defendeu.

ROBINHO busca de novo as manchetes internacionais sem mostrar futebol. Fez um golzinho mixo neste domingo e conseguiu a promessa do Manchester City de liberá-lo de graça, por empréstimo, para o Santos. Diz ele que é tudo que sonha no momento.

SE PREVALECER como verdade o que afirmou Adilson Batista antes da delegação do Cruzeiro viajar pra Bolívia, o Cruzeiro jogará desfalcado, também, de Jonathan nesta quarta-feira contra o Real Potesi.

JONATHAN VIAJOU com a delegação, mas não pára de reclamar de fortes dores na panturrilha que o afastaram do jogo contra o Uberlândia. Adilson afirmou que só escalará quem estiver 100% fisicamente.

sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

OBINA É MELHOR QUE E'TOO

SAMUEL E'TOO, numa fase de graça total no Barcelona ao lado de Ronaldinho Gaúcho; e Obina arrebentava no Flamengo. A irreverência carioca criou a brincadeira que chegou aos jornais e se espalhou entre os rubro-negros das gerais: "Obina é melhor que E'too".

EXAGEROS à parte, alguns técnicos acreditam que se, tá longe de ser um E'too, o atacante baiano tem qualidades que enchem a camisa de um centroavante de qualquer time. Cito dois treinadores: Ney Franco e Wanderley Luxemburgo.

O AVAL DE Luxemburgo na contratação de Obina é suficiente e a torcida devia acreditar nisso. Que não cometa os erros históricos iguais aos da contratação de Alex pelo Cruzeiro, com aval de Luxa, e condenada por todos nós. Quebramos a cara.

CLARO QUE não pretendo sagrar Luxemburgo como onipotente; deus do futebol que tudo sabe e tudo pode. Longe disso. Seus defeitos e suas qualidades têm iguais proporções.

NESTE CASO, Wanderley acerta na escolha de nomes que possam dar base ao esquema que procura pro Galo. Nada mais. Obina parece merecer a confiança do treinador atleticano.

ORLANDO AUGUSTO, meu chefe no Jogada de Classe da TV Horizonte, anunciou contratação de Roger, ex-Fluminense, hoje nas Arábias. Uma ressalva chegou ao programa de quinta-feira por meio de Marcos Guiotti, companheiro de bancada:

ROGER, com certeza, virá pra Toca da Raposa, desde que o Cruzeiro passe pelo Real Potosi e entre na fase de grupos da Libertadores. Com ele, viria outro reforço.

SERIA UM bom reforço, apesar das controvérsias. Roger amadureceu bastante e não é defeito algum correr atrás das beldades globais, quando se tem idade e dinheiro.

LUXEMBURGO, em Araxá, terra da paz e do descanso, na coletiva após o amistoso contra o time local foi grosseiro ao responder os repórteres vaselinas sobre Marques e Renan Oliveira. Aliás, atingiu os repórteres e os atletas. Coisa feia!

O GOLEIRO Gabriel, do time júnior do Cruzeiro, mostrou na derrota contra o São Paulo, pela Copinha paulista, que frequenta uma escola errada. Adiantado em todos os lances, levou dois gols decisivos de longe e fora do gol.

QUEM SERIA o treinador de goleiro do menino? Tem ensinado errado.

MARCO AURÉLIO, técnico do América, confirmou no Jogada de Classe o que eu já sabia: é filho, também, de Caratinga. Junto com Ney Franco, forma a galeria dos nomes famosos que honram a Santa Terrinha.

O PESSOAL do Ipatinga tá cuspindo maribondo com a Usiminas que teria cortado todo e qualquer apoio, inclusive publicitário, ao Tigre. Também, com Itair Machado na presidência não dá pra ficar do mesmo lado.


AO VIAJAR PARA a Bolívia, cercado de torcedores no Aeroporto de Confins, o Gladiador Kleber tinha a personalidade do Dr. Jekyll: estava calmo, falante, atendeu a todos com sorrisos abertos e até fez juras de amor à torcida celeste.

O FEROZ mister Hide ficou escondido no espírito conturbado do craque, que, no entanto, aos poucos se esvaenece com os ares de paz que só o amor é capaz de criar. Não é assim, também, com o Incrível Hulk?

GOSTEI MESMO quando Kleber revelou à imprensa que o Cruzeiro não tem que se preocupar com altitude não, porque tem um time de qualidade pra chegar lá em cima e fazer bom jogo "e sair com a vitória de lá". Saravá. Gladiador!

ADILSON levou 19 jogadores e deixou para atrás, por problemas médicos, dois nomes importantes: Caçapa e Fabrício. O beque foi vetado porque seu organismo tem alergia à altitude. Que pena! Ainda assim, Adilson optou apenas por dois beques.

MAS EM compensação leva Fabinho, Elicarlos e Henrique pra a eventualidade de Gil e Leonardo Silva sofrerem qualquer problema. Baixou a média de idade do time com os garotos Rafael, goleiro reserva; Diego Renan, Marcos, Pedro Ken e Bernardo.

quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

PUXARAM AS ORELHAS DE KLEBER NO INTERVALO

ALGUÉM PUXOU as orelhas do Gladiador no intervalo do jogo contra o Uberlândia. Não há outra explicação para a mudança do Kleber que passeou no gramado, chutou pênalti displicentemente pra fora e não comemorou o gol marcado ( segundo do Cruzeiro). Tudo isso no primeiro tempo. Pra expor o mau humor, não quis papo com a imprensa, passou tossindo no microfone da Globo ao sair de campo.

IMAGINEI que ele nem voltaria para o segundo tempo. Voltou sorridente e até convocou os repórteres para pedir desculpas. Não culpou ninguém, nem a torcida que ensaiou vaiar quando ele perdeu pênalti e outros gols após driblar o bom goleiro Felipe Sanches.

KLEBER DISSE que estava consigo mesmo. Não revelou o motivo que o chateara no primeiro tempo. Aí marcou mais duas vezes, sempre com vibração. Foi pra torcida e até homenageou a esposa grávida de dois meses. É assim que a torcida quer o Gladiador.

COM CERTEZA, Kleber falou com alguém lá dentro. Ou com a sua esposa, ou com seu empresário, ou teve as orelhas puxadas pelo Adilson Batista e por alguns companheiros.

NA VERDADE, exceto Diego Renan e Cláudio Caçapa que fizeram uma partida inteira séria e excelente, os demais, também, mereceram bronca de Adilson.

POR DEVER de consciência, vou tirar Fábio da relação. Só trabalhou uma vez no primeiro tempo e com competência. Evitou o gol do Uberlândia numa defesa bem difícil. Mas o Cruzeiro com 65% de posse de bola abusou do direito de perder gols.

NO SEGUNDO TEMPO, com seriedade até o apito final marcou quatro vezes e fechou o placar de 6 a 0. Kleber anotou mas dois, um deles de pênalti cobrado sem paradinha e sem rebolado como fizera no primeiro chutado pra fora.

CONTUDO, esta dicotomia de personalidade do Gladiador, tirou-lhe a condição de melhor em campo, apesar dos três gols. Cláudio Caçapa fez um e Diego Renan marcou o último da goleada; no entanto foram os melhores.

NÃO ENTENDI a saída de Bernardo – a surpresa de Adilson na escalação inicial, junto de Caçapa – porém gostei de Pedro Ken, tanto de volante como de lateral no lugar de Marcos, onde foi atuar, após a troca deste por Guerron.

VOU DESTACAR também Wellington Paulista. Entrou aos 38m do segundo tempo, não fez gol, mas vibrou em todos, até naqueles quando estava no banco de reservas. Este moço é um exemplo de profissional pra muita gente. Jogador de grupo.

ADILSON deu a dica aos repórteres antes de enfrentar o Uberlândia: podia até usar dois meias com a ausência de Fabrício. Ou escalar meramente o Fabinho. Acreditei mais nessa opção. Como sempre enganou todos nós e colocou Bernardo, que corria por fora.

DIREIS ENTÃO, em apoio ao Adilson: tem que ir aos treinos táticos, por que com certeza ele montou tal esquema na terça-feira. Posso garantir que eu não vou a treino nenhum e nem sou obrigado a ir.

MAS O REPÓRTER o repórter que vai também fica sem saber, e não pode passar a informação aos ouvintes. Adilson bate o portão na cara deles na hora do tático.

PITACO: se Cláudio Caçapa foi vetado pelos médicos pra viagem a Potosi pois seu organismo não suporta altitude tão grande, por que foi escalado diante do Uberlândia?

SE AQUI NO Mineirão falaram que a Raposa treinou no primeiro tempo e após a bronca jogou com seriedade, em Araxá a preocupação do Galo era apenas, realmente, treinar para o clássico contra o América, domingo.

EM RITMO de treino de luxo levou l a 0 do Araxá e virou pra 3 a 1, com destaque para o veterano Júnior. Mas a bomba mesmo veio pelo twitter presidencial: a contratação de Obina.

O NOME QUE rodava era o do paraguaio Cáceres, do Boca Juniors, e ex-beque do próprio Galo.

NO PAPEL o contrato de Obina é de três anos. Mas é bom lembrar que no Palmeiras o discutido atacante deveria ficar bom tempo, também.

CONTUDO Obina aprontou uma briga com o colega Maurício, durante o jogo contra o Grêmio e ambos foram expulsos d partida e dispensados do clube.

A CONTRATAÇÃO é responsabilidade de Luxemburgo que, também, o levou para o Palmeiras. Obina volta a fazer dupla com Diego Tardelli com quem jogou na Gávea.

MEU TWITTER: Kalil recompõe duplas que não brilharam no Flamengo – Obina e Diego Tardelli – e no Palmeiras – Luxemburgo e Obina.

O COELHO botou fogo no Campeonato Mineiro: anunciou logo a contratação de dois velhos conhecidos do futebol mineiro: Fábio Júnior, ex-Cruzeiro e Atlético, e que estava no Brasiliense, após correr o mundo, e Joãozinho, filho do famoso Bailarino da Toca.

FÁBIO JÚNIOR tem 32 anos e Joãozinho, 29. Ambos assinarão contrato, a princípio, até o final do Campeonato. Se mostrarem condições e vontade de ficar, renovarão até dezembro. Vale a pena o risco.

quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

POSTADO ÁS 6 E MEIA DA NOITE

CONFORME esperava a TRincheira, a Raposinha está fora da Copa São Paulo de Futebol Junior, com a derrota de virada diante do São Paulo (2 a 1). Os meninos celestes mostraram competência e fizeram 1 a 0, mas por pouco tempo. Levaram o empate cinco minutos depois. Nos dois lances, os destaques da competição - Thiaguinho do Cruzeiro, e Gaúcho, do São Paulo - apareceram com categoria. A virada veio num chute forte de fora da área. No segundo tempo, conforme previsto, os azuis lutaram muito contra os adversários e uma arbitragem bem caseira. O São Paulo agora enfrenta o Juventude na semifinal.

POSTADO ÀS 3 HORAS DA TARDE

O COELHO RESOLVEU BOTAR FOGO no Campeonato Mineiro e anunciou logo a contratação de dois velhos conhecidos do futebol mineiro: Fábio Júnior, ex-Cruzeiro e Atlético, e que estava no Brasiliense, após correr o mundo, e JOãozinho, filho do famoso Bailarino da Toca, ex-Cruzeiro e Ipatinga. Fábio Júnior tem 32 anos e Joãozinho, 29 e ambos assinaturão contrato, a princípio, até o final do Campeonato Mineiro. Se mostrarem condições e vontade de ficar, renovarão até dezembro. Vale a pena o risco.

POSTADO ÀS 2 HORAS E 30 MINUTOS

A EXPECTATIVA QUANTO AO SUCESSO DAS duas frentes de luta do Cruzeiro hoje é enorme neste instante. Direis: ora, Flávio, logo o Cruzeiro estréia no Campeonato Mineiro, praticamente com o mesmo time do ano passado que fez uma temporada respeitável. Joga contra o Uberlândia cheio de desfalques porque seus reforços não foram registrados, ainda. O jogo é em casa, no Mineirão. A expectativa,se existe, será de goleada. Mas, não é a questão da estréia, mesmo porque esta fase de classificação do Mineiro onde em 12 classificam-se oito não mete medo no Cruzeiro, certamente.

A EXPECTATIVA É QUANTO o procedimento tático do time que na semana que vem joga nas alturas de Potesi, contra o Real e com certeza Adilson usará a partida desta noite pra acertar o esquema de estréia na pré-Libertadores. Será que Pedro Ken substitui Fabrício, ou será Fabinho. Ou Kleber virá pro meio e Wellington Paulista entrará na frente.

PODE SER QUE hoje contra o Uberlândia, a Raposa esteja esfomeada e atue com mais um homem na frente. Duvido que seja assim em Potosi. Portanto, podem esperar Fabinho logo à noite no lugar de Fabrício e se à última hora Jonathan for vetado, Elicarlos será o lateral-direito. O Uberlândia será o primeiro degrau pro Cruzeiro chegar aos 3.960 metros de Potosi, na Bolívia.

NA OUTRA FRENTE, a Raposinha daqui a pouco terá sérios problemas com o São Paulo, pelas quartas-de-final da Copinha paulista de juniores. Se passar, terá feito uma proeza, coisa que sobre a qual tenho muitas dúvidas.

JÓBSON confessou ao STJD que fez uso de crack e não cocaína. Levou dois anos, por reincidência, (caiu duas vezes no antidoping) e deve botar a mão para o céu. Vai recorrer sujeito a ter a pena aumentada ou transformada em banimento do esporte. Infelizmente, este encerrou sua carreira e agora precisa de cuidados humanos de tratamento adequado pra viver normalmente sua vida cá entre os mortais. Ao anunciar sua entrada no mundo do crack desclassificou-se por completo.

A MOVIMENTAÇÃO ATRÁS DE INGRESSO pro clássico de domingo tá boo; ao menos no posto na sede do Galo. A cara do novo time, o time de Wanderley Luxemburgo, será mostrada hoje em Araxá, no amistoso contra o Araxá EC. O COELHO, vivo do jeito que é, ficará na moita, ouvindo e vendo tudo. O técnico Marco Aurélio, da escola de Ênio de Andrade, finge de morto, caído, pra pegar o adversário distraído. Fala que nem time ainda tem. Me engana que eu gosto!

terça-feira, 19 de janeiro de 2010

CRUZEIRO SÓ TEM UMA NOVIDADE NA ESTRÉIA

POSSO ENTRAR COM TRÊS na frente no Mineiro? Posso. Posso entrar com dois meias? Posso. Então, muda um pouquinho, mas não vejo como inovação”. Esta declaração de Adilson Batista confirma que em 2010 nada será diferente na ótica dele; inclusive no tratamento dissimulado com a turma que faz a cobrança diária na Toca da Raposa.

VEREMOS até onde irá esta falta de inovação do técnico. No Flamengo, por exemplo, Andrade, recém guindado à prateleira superior dos treinadores, com o espetacular título que conquistou no Brasileiro, mostrou ousadia contra o Duque de Caxias.

CORRIGIU os erros cometidos na escalação da equipe com alterações certas e nos momentos decisivos. Sem medo. Já assumiu a responsabilidade de treinador de time grande, ainda que estivesse à frente da equipe reserva.

A FORMAÇÃO DO Cruzeiro nos jogos-treino mostrou que Adilson vai optar por dois meias; ambos canhotos: Pedro Ken e Gilberto. Não adianta ele contestar que o paranaense recém contratado seja segundo volante e substituirá Fabrício. Sempre o vi atuando como meia.

MAS, TAMBÉM, não me surpreenderia se em vez de Pedro Ken o Cruzeiro tivesse nesta quarta-feira, contra o Uberlândia, Kleber atrás e Guerrón na frente, ao lado de Thiago Ribeiro. É possível: Adilson tem, ainda, Anderson Lessa ou Eliandro, centroavantes puros, pra tentar esta nova fórmula.

PENSO QUE se eu estivesse no lugar de Adilson Batista agiria da mesma forma, sem mexer quase nada no time do ano passado, que deu certo, queiram ou não os chatos de plantão. Porém, botaria Caçapa na zaga e usaria a fórmula de Kleber no meio e Eliandro de centroavante.

PITACO: Teria dúvida quanto à titularidade de Thiago Ribeiro. Pequena, é verdade.

SERÁ QUE os meninos da Toca agüentarão a pressão que sofrerão de todos os lados no jogo desta quarta-feira contra o São Paulo pela Copinha paulista? Olho no apito amigo, gente!

VOU LEVANTAR o astral da Trincheira que tem recebido mensagens pessimistas demais e aquelas chatices de inconformados torcedores/leitores que acham que só eles têm direito de torcer por seu time querido.

UM ANTIGO leitor, Vinicius Silveira de Souza, volta à cena depois de um sumiço enorme. Diz ele:

“TUDO BEM! Espero que a Trincheira volte com tudo este ano de 2010. Bom, última semana de preparação de nossas equipes para mais um Campeonato Mineiro. Diferente de outros anos, não aconteceram contratações bombásticas e que empolgassem o torcedor.

“O ATLÉTICO investiu no comando técnico com Wanderlei Luxemburgo, terminando assim um namoro e sondagens que já vinham desde a época do ex-presidente Ricardo Guimarães”.

“CONFIANDO na equipe do ano passado e mexendo no grupo, Luxemburgo coloca seu método de trabalho e também inova no comando técnico, trazendo o ex-arbitro Wagner Tardelli e o ex-jogador colombiano Freddy Rincón como auxiliares.”
“ACREDITO que eles não acrescentarão nada no Atlético e que o Luxa irá acrescentar muito a eles”.

“COMO TODO início de temporada, a expectativa é a melhor possível, porém, de uns anos para cá, o Galo tenta apagar uma escrita de sempre montar equipes irregulares e brigar na metade da tabela para baixo”.

“ESTE É apenas o segundo de Alexandre Kalil como presidente do Atlético, mostrando ao torcedor tudo aquilo que os últimos presidentes não mostraram ao torcedor atleticano: muita seriedade, audácia e investimento buscando montar um Atlético vencedor.

“A IMPRESSÃO é a melhor possível, mas vamos aguardar os próximos capítulos, pois ainda tem muita água para passar por debaixo da ponte do Galo Mineiro”.

“DO OUTRO lado da Lagoa, o Cruzeiro inicia mais um ano com a cabeça voltada única e exclusivamente para um só objetivo. o tricampeonato da Taça Libertadores da America”

“PARA ISSO, a receita é a mesma do ano passado, investir na manutenção do grupo de jogadores do ano anterior e contratar jogadores para assumir a camisa cruzeirense e jogar”.

“SÓ QUE apenas uma parte desta receita foi mantida; a outra é que ainda não foi completa, o Cruzeiro ainda não trouxe nenhum grande jogador para assumir a titularidade da camisa azul celeste”.

“É BEM VERDADE que manteve o grande ídolo da torcida, Kleber, o gladiador azul, como diz o narrador Alberto Rodrigues, da Rádio Itatiaia”.

“CONTRATANDO jogadores que são conhecidos, mas ainda em busca de espaço no cenário nacional, como Anderson Lessa, ex-Náutico e Pedro Ken, ex-Coritiba, o Cruzeiro inicia a temporada como terminou o ano de 2009”

“PORÉM ACHO necessário um maior investimento da diretoria azul para esta temporada e também para empolgar mais o torcedor, que, mais uma vez, confia neste time para conquistar o tão sonhado tricampeonato da Libertadores”.

“VAMOS esperar muito sucesso das nossas equipes neste ano de 2010”. Parabéns, Vinícius, você foi tão discreto na sua análise que fiquei sem saber, exatamente, pra qual time torce. Parece que é atleticano.

segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

POSTADO ÀS 11 horas e 39 minutos da noite

CAIXA VAI ACABAR COM JOGOS DO FUTEBOL

Esta notícia eu peguei no sítio da Uai e vai do jeito que tá lá:

A Caixa Econômica Federal (CEF) quer substituir seus três jogos ligados ao futebol - Timemania, Loteca e Lotogol - por um outro produto, ainda não definido, mas que seja mais rentável. "Conversamos com o Ministro do Esporte e acho que ele deve estar procurando o Clube dos 13, os clubes de futebol", afirmou o vice-presidente de Fundos de Governo e Loterias da Caixa, Wellington Moreira Franco.

Os três jogos relacionados ao futebol são os que menos participação têm na arrecadação total das loterias da Caixa. "São três produtos que envelheceram", disse Moreira Franco. Ele afirmou que a instituição financeira vai continuar apoiando o futebol por seus jogos lotéricos, mas procura alternativas para "um jogo moderno".

Os recursos das loterias da Caixa destinados aos clubes de futebol caíram de R$ 33,141 milhões em 2008 para R$ 31,706 milhões em 2009. A queda de 4% foi atribuída por Moreira Franco ao mau desempenho de Timemania, Loteca e Lotogol. De acordo com ele, por se basear em números, o Timemania concorre com a Mega-Sena, produto de maior sucesso entre as loterias.

O vice-presidente não descartou a possibilidade de o novo produto buscado ser um jogo de apostas de resultados como os existentes em países como a Inglaterra, mas deixou claro que a Caixa ainda está longe de saber o que fará nesse terreno. "Acho precipitado dar uma indicativa de caminho", afirmou

A TRINCHEIRA pensa que estes produtos nas mãos dos clubes, principalmente Timemania e Loteca, renderiam grana. Nas mãos do Governo servem apenas pra dar emprego pra político derrotado – como é o caso do senhor Moreira Franco. Ele sim, envelheceu. A Timemania é coisa recente, menina ainda. O resto foi estragado pela Caixa com a quantidade de joguinhos vagabundos que oferecem e que tomam o dinheiro dos trouxas. Principalmente a tal de Mega Sena.

ENQUETE DESAPROVA “REFORÇOS” DA COMISSÃO

PODEM CONSIDERAR o assunto requentado e enjoado. Também penso assim. Todavia, em respeito àqueles que participaram da enquete que sempre faço no meu blog www.flavioanselmodepeitoaberto.blogspot.com devo anunciar que as contratações patrocinadas por Wanderley Luxemburgo pra Comissão Técnica levaram bomba.

QUE DANEIRA ! Além de aproveitar de assunto requentado caio no óbvio. A desaprovação tá manifesta em quase todas as declarações de torcedores alvinegros. A Trincheira chegou atrasada e sua enquete, também.

TUDO BEM! Me perdoem, mas, por dever de ofício, publico o que decretaram os meus leitores que não saíram de férias: 46% desaprovaram as contratações de Freddy Rincón e Wagner Tardelli; 38% entendem que os dois somarão bastante na Comissão; 15% disseram que tanto faz.

POR OUTRO LADO, analisando com a peculiar imparcialidade deste filho do Sodico, a Trincheira vê uma manifestação positiva: a diferença é pequena - 46 a 38% - e, de repente, os dois “reforços” são aprovados com os 15% do “tanto faz”.

NO JOGO-TREINO da última quinta-feira, contra o Villa Nova, Luxa teve longa conversa reservada com o goleiro Aranha. No treino deste domingo, com o Guarani, de Divinópolis (goleada de 7 a 1) Aranha esteve entre os titulares na primeira fase.

NA SEGUNDA FASE, Wanderley colocou o time B e o goleiro foi Carini. Sinal de mudança pra domingo, contra o Coelho, na estréia do Mineiro?

EXISTE, SEM DÚVIDA, um novo Galo, bem diferente não apenas no aspecto tático, mas, também, na relação de nomes, comparado àquele que terminou o Brasileiro na direção de Roth.

VEJAM AÍ: Aranha, Coelho, Jairo Campos, Werley e Leandro Silva; Jonilson, Correa, Ricardinho e Evandro; Muriqui e Tardelli. Taticamente será 3-5-2, espichando pra 2-5-3.

NO PRIMEIRO, Jonilson seria outro beque, pelo meio e os dois de dentro cobririam as saídas dos alas Coelho e Leandro, que, mais avançados, estariam ao lado e à frente de Correa, Ricardinho e Evandro. Este, com maior liberdade até de encostar em Muriqui e Tardelli.

NO SEGUNDO, pra liquidar o adversário, seriam dois beques fixos; Jonilson cobriria o lado direito e Ricardinho a esquerda. Correa marcaria o centro e o ataque teria Muriqui, Evandro e Tardelli.

NOS JOGOS-TREINO os dois esquemas funcionaram: daí as duas goleadas- 5 a 1 no Villa Nova e 7 a 1 no Guarani.

MEU TWITTER: Luxemburgo descarta a contratação de Edmilson.

QUEM TEM VISTO aprovou com restrições a presença de Pedro Ken de segundo volante entre os titulares do Cruzeiro. Não o vi, ainda, em atuação com a camisa celeste.

JÁ É UMA dificuldade aguentar 90 minutos ou mais de futebol, imaginem assistir jogo-treino no reduto dos Perrelas.

NESTE DOMINGO, o Villa Nova, atual desdentado Leão do Bonfim, tomou nova goleada. Desta vez na Toca da Raposa, e o algoz foi o time de Adilson Batista. Os titulares fizeram 3 a 0 e os reservas, na segunda etapa do treino, 2 a 0.
PITACO TRISTE: Pelas apresentações e resultados do Leão na Cidade do Galo e na Toca da Raposa é de se prever triste campeonato mineiro pro simpático time de Nova Lima.

NO CRUZEIRO, entretanto, o entusiasmo renova-se. Por isso, Adilson praticamente tem a equipe definida pra estréia nesta quarta-feira contra o Uberlândia. A defesa será a mesma do ano passado: Fábio, Jonathan, Léo Silva, Gil e Diego Renan:

NO MEIO-CAMPO, a novidade de Pedro Ken na vaga de Fabrício, lesionado; e mais Henrique, Gilberto e Marquinhos Paraná. O ataque será de Kleber e Thiago Ribeiro. Aqui o entusiasmo azul se arrefece. Faltará o homem de área.

A RAPOSINHA já está entre os quatros finalistas da Copa São Paulo de Juniores. Venceu a Inter ( 1 a 0), em Limeira e nesta quarta vai pro seu maior desafio: enfrenta o São Paulo.
Afe Maria...

MENTIRA: a Gazeta Press informou que um emissário do Palmeiras veio neste final de semana com R$3,5 pra comprar 40% dos direitos de Kleber e que o Cruzeiro respondeu que só vende 100%. A mentira é que ninguém esteve aqui.

PRA CONHECIMENTO de Zezé Perrela: o cartola palmeirense Gilberto Cipulli afirmou à Imprensa paulista que “estão falando em 8 milhões de euros (cerca de R$20,4 milhões),. Por esse valor eles (Cruzeiro) não venderão Kleber nem para o Exterior”.

NÃO SEI se Perrela achará a declaração do Cipulli boa ou ruim. Mas, será que nem assim a gente ficará livre destas malas paulistas?

ENORME DOR de cabeça pra Dunga: Kaká à meia-bomba, por causa da operação no púbis e Ronaldinho Gaúcho em plena forma no Milan.

A ÚLTIMA DELE: marcou três gols na goleada sobre o Siena (4 as 0) e voltou a praticar o futebol alegre dos tempos de Barcelona. Merece voltar à Seleção, Dunga?

VENDER UM goleador por R$ 250 mil como foi o caso de Bruno Mineiro, ainda que se tenha garantido uns raquíticos 10%, é dar um tiro de escopeta no próprio pé. O América fez isso ao ceder 40% dos seus direitos ao Atlético Paranaense.

A LUSA começou a fazer das suas no Paulistão ao atropelar o São Paulo (3 a 1) no Morumbi. Eu assisti Santos 4 x Rio Branco 0 e me impressionou mais uma vez o menino Paulo Henrique Ganso, descoberta de Geovani, em Belém do Pará.

ALIÁS, OS DOIS foram os protagonistas de um belo gol. A classe do veterano Geovani ao dominar a bola e virar em cima do marcador; o passe preciso pra Ganso e a saída dele de seus perseguidores até ficar na cara do goleiro.

NO CARIOCA, destaco a maturidade de Andrade, que assumiu ares de treinador adulto, na mexida que resultou a virada rubro-negra sobre o Duque de Caxias ( 3 a 2) e a atuação extraordinária do argentino Conca na vitória (3 a 0) do Fluminense sobre o Americano.

NAQUELE GRAMADO horrível de Campos, o tricolor mostrou excelente toque de bola. Além de Conca, vale destacar a estréia de Júlio César, ex-Goiás e Cruzeiro, autor do último gol. Adilson Batista não terá nem uma dorzinha de cotovelo?

domingo, 17 de janeiro de 2010

POSTADO ÁS 11 HORAS E 28 MINUTOS DA NOITE

PELOS JOGOS TREINOS a gente pode avaliar como será o campeonato mineiro: o Villa Nova em dois deles levou 10 gols. No primeiro, na Cidade do Galo levou de 5 a 1; no segundo, neste domingo, tomou outra goleada: 5 a 0. O Time A do Cruzeiro fez 3 a 0 na primeira fas e o time B ganhou de 2 a 0 na última parte.

ENQUANTO ISSO O GALO aplicava 7 a 1 no Guarani, de Divinópolis, na Cidade do Galo, placar que o Cruzeiro fez no Itaúna, no meio da semana. Só que Guarani e itaúna são times da Segunda Divisão.

O CRUZEIRO estréia no Mineiro nesta quarta-feira, contra o Uberlândia, no Mineirão e o time deve ser o que goleou nos dois últimos treinos: Fábio, Jonathan, Léo Silva,Gil e Diego REnan; Henrique, Pedro Ken, Marquinhos Paraná e Gilberto; Thiago Ribeiro e Kleber.

NA COPA SÃO PAULO, o Cruzeiro venceu a Inter de Limeira (1 a 0) e passou às quartas de final. Enfrenta o São Paulo na próxima quarta-feira.

DE SÃO PAULO, aliás, vem outro arrebite costumeiro: alguém do Palmeiras estaria em BH pra oferecer R$ 3,5 milhões por 40% dos direitos de Kleber. O Cruzeiro teria respondido que só vende 100%.

A INFORMAÇÃO DA GAZETA PRESS é mentirosa: ninguém do Palmeiras veio a esburacada Beagá do doutor Márcio Lacerda, comprar Kleber.

DUNGA PODE TER sua dor de cabeça minimizada quanto à possibilidade de perder Kaká, lesionado seriamente e operado. RONALDINHO GAÚCHO mostrou que está realmente recuperando sua forma. Marcou três gols na goleada do Milan sobre o Siena e jogou como nos velhos tempos. Cheio de Malandragem.

NO CARIOCA, o Mengão estreou bem com os reservas e venceu apertado o Duque de Caxias ( 3 a 2) mas quem mostrou as armas realmente foi o Fluminense. Meteu 3 a 0 no Americano lá em Campos. Com direito a um show de bola de Conca e do estreante Julio César, ex-Goias e Cruzeiro.

NO PAULISTÃO, a Lusa desbancou o São Paulo no Morumbi ( 3 a 1). VI SANTOS 4 x RIO BRANCO DE AMERICANA 0 e me impressionou o moço Paulo Ganso, descoberto pelo veterano Geovani, que estreou sob aplauso e fez uma linda tabela com o seu apadrinhado no terceiro gol santista.

sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

Postado às 6 e meia da noite

Ola amigo Flavio bom dia.Estou em solo Capixaba na famosa Guarapari com osol a pico,graças á Deus,mas ontem ouvi a entrevista de Welington Paulistadada a radio itatiaia ao reporter Arthur Morais e fiquei indignado assimcomo outros membros de minha família.Como pode no primeiro treino coletivodo ano o reporter colocar tantos problemas no fato de um jogador poupadopor lesão ser colocado como mais importante que o próprio coletivo contrao Itauna.Tudo bem que esse coletivo não aponta favoritismo nem tampoucopreocupação com o restante do ano,mas dai como foi triste e deprimente verum reporter plantar tanta discórdia e problema em uma situação tão normalem um clube de futebol.Estou conectado á internet diariamente e esperoouvir mais alguem pontuar essa situação.Graande abraço e grande 2010 para todos nós.

quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

KLEBER LEVANTA BANDEIRA BRANCA

FOI BEM SENSATA a entrevista coletiva de Kleber e com certeza botou um ponto final nesta chatice sobre sua saída do Cruzeiro. Quem perguntar alguma coisa pra ele sobre isso, corre risco de ir pro trono da burrice. Kleber falou o óbvio, que todo mundo tá cansado de saber, menos a turma pelassaco: não é jogador inegociável, como qualquer outro do elenco, segundo o Midas Zezé Perrela..

TRADUZINDO PRA turma de QI zero: se o Palmeiras, ou o Flamengo, ou o Fluminense da Rua do Sal de Caratinga chegar com R$ 10 milhões na bucha leva o craque. Sem isso na frente, é puro papo furado.

NO BRASIL nenhum clube tem tal fortuna disponível. Alguns contratam atletas no exterior trocando papagaios. O clube europeu deve tanto ao brasileiro e transfere a dívida pra outro daqui. Então libera o atleta.

SE O DONO aqui vai receber a dívida transferida é outro assunto. Kleber não está nessa situação. Casou com Débora Favarini, mineira, jornalista de Beagá, e tem feito bons amigos. Claro que gosta das notícias, faz bem ao seu ego.

PORÉM, se eu que não tenho nada com a questão, estou de saco cheio, imaginem o Gladiador. Na entrevista revelou-se cheio com as especulações distorcidas e mentirosas da Imprensa.

ENTRETANTO, penso que a Imprensa só tem repassado as informações que lhe chegam. Um mestre em plantar tais informações é o aparício do empresário de Kleber, Giuseppe Dioguardi. Não passa um dia sem que esta mala sem alça apareça nos noticiários. É ou não é verdade?
ABRO A INTERNET e lá está ele de novo, informando que Kleber só deve deixar Belo Horizonte se o Cruzeiro receber uma proposta do futebol estrangeiro. Ô Dioguardi, por que você não vai enxugar gele lá no Pólo Norte?

O NOVO GALO de Luxemburgo mostrou parte de sua cara no jogo-treino de ontem na goleada (5 a 1) sobre o Villa Nova. O sistema de frente funcionou de acordo, mas a cozinha, ainda incompleta, deu dor de cabeça para o Professor. Muriqui foi o destaque.

TAMBÉM o Cruzeiro de Adilson, sem maiores novidades, goleou no jogo-treino: 7 a 1 no seu parceiro Itaúna. Não deu pra avaliar melhor, porque Fábio, Fabrício e Wellington Paulista ficaram de fora, poupados.

EM COMPENSAÇÃO, Thiago Ribeiro nadou de braçada com três gols. Adilson, seu protetor, tá rindo à toa.

ROGÉRIO OLIVEIRA, de BH, me pergunta: “quem nasceu primeiro, o ovo ou a galinha? “ Sei lá, cara.

MAS, NA REALIDADE, Rogério, leitor fiel, quer tirar uma casquinha em Adilson, na possibilidade de nova pendenga dele com os repórteres que a Trincheira previu a continuar esta besteira de comparações entre os treinadores do Galo e do Cruzeiro.

DIZ MAIS: “ Esta máxima cai bem na pendenga latente entre Adilson e alguns repórteres. Esses meninos foram marcados por momentos de intolerância do treinador e agem, consequentemente, com um certo rancor quando entrevistam-no”.

SERÁ, ROGÉRIO? Se isso fosse uma regra geral, Luxemburgo e Murici, sem falar no Mestre Telê e Felipão, teriam rancor com a maioria dos papagaios da imprensa tupiniquim. E tava esquecendo do Levir Culpi.

ESTAS HONORÁVEIS figuras deixaram marcas de desavenças e “de intolerância” com a Imprensa por onde passaram. Isso não vai acabar nunca, a não ser que a maioria dos coleguinhas aprenda a perguntar e se impor; os treinadores deixem de pensar que são pauteiros de redação e que entendem de jornalismo, também.

POR FIM, Rodrigo convoca o leitor pra briga: “mineiro tem um que rancoroso, habitante que é do alto das montanhas e da beira de rios. E sua famosa hospitalidade tem limites.

O SENHOR Adilson é um visitante , mais provisório do que pensa , se depender de 30% da torcida esclarecida cruzeirense. (Há controvérsias, caro Rogério.)

“E CERTOS meninos da Imprensa , tiram partido da diferença abissal existente entre Wanderley e o Iniciante”. Não deviam, porque se trata de uma constatação tão óbvia que só um despreparado desconhece.

JÁ GUTEMBERG Fischer, de Santo Antônio do Monte, manda um recado pra Leopoldo Siqueira, da TV Alterosa, por meio da Trincheira: “Leopoldo Siqueira,
você precisa de orações, pois se mostra bastante sofredor com seu time (Atlético)”.

“NOTAMOS SUA incansável necessidade de distorcer os fatos em favor do seu time, o que é irreal e não se sustenta; tenho pena de você que como a maioria das pessoas que trabalha na mídia esportiva não noticia os fatos , omite as notícias que não favorece seu interesse atleticano e tenta a todo custo criar um cenário favorável ao seu interesse e isso é uma atitude muito pequena”.

“MAS AS PESSOAS podem melhorar, eu torço que você seja feliz e tente fazer um exame de sua consciência e viva na verdade...Só tenho uma pergunta: vocês querem ver o Kleber do Cruzeiro bem longe de BH, por quê?

“ESTÁ FICANDO chata a sua insistência com isso. E ainda edita as reportagens do Kleber, não publicando as verdades que o jogador diz”.

CONCORDO numa coisa: também estou de saco cheio com esta história de Kleber deixar a Toca da Raposa. Não existe outro assunto?

A RAPOSINHA tá fera brava na Copa São Paulo: venceu o Paraná (1 a 0) e passou às oitavas de final. No domingo, joga em Limeira, contra o Internacional local. Nova pedreira para os garotos azuis.

quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

POSTADO ÁS 11 HORAS E 2 MINUTOS DA NOITE

O AMERICA foi eliminado da Copa São Paulo de Futebol Júnior. O time de Hamilton não suportou a superioridade do Corinthians, em clima de festa com o Projeto do Centenário, e caiu fácil por 2 a 0. Na competição resta apenas o Cruzeiro que enfrenta o Paraná nesta quinta-feira. Se vencer, passa às oitavas de final.

O PROJETO do Centenário do Corinthians começou à tarde com a goleada (3 a 0) sobre o Huracan, da Argentina, que chegou a São Paulo apenas às 10 horas da manhã do jogo. Roberto Carlos, Tcheco, Iarley e Danilo não jogaram. Entraram em campo, jogaram beijos pra torcida e foram para as sociais onde se juntaram ao Fenômeno.

terça-feira, 12 de janeiro de 2010

DESVENDANDO MISTÉRIOS DO ATLÉTICO

TORCEDORES DO GALO têm dito que Wanderley Luxemburgo e o elenco atual só dão pra ganhar o Mineiro. Caros amigos, não sejam tão céticos! Vou botar de novo minha colher-de-pau nesta polêmica porque ela se esticou à questão das contratações de Freddy Rincón, como auxiliar-técnico, e o ex-juiz Wagner Tardelli sei lá pra quê.

E EU ADORO fuzuê! Maior estultice não existe que aquela justificativa de que os dois entram no custo de Wanderley, como se o clube não tivesse ônus algum. Me poupem! Quem imagina que Luxa meterá a mão no bolso pra pagar os caras?

O LEITOR Reginaldo, por exemplo, otrodia sentou a pua na Trincheira porque eu chamei Rincón de “desequilibrado”. E Reginaldo respondeu: “o Fred Rincón não é mais jogador, portanto "desequilibrado".

ENTÃO DESVENDEI o mistério da vinda destes senhores. Rincón ensinará ao pessoal do meio-campo e ataque como ser “desequilibrado” (mas jogando muito) pra se chegar à vitória. E Tardelli ensinará como bater, brigar, xingar, sem ser expulso. Ou seja: um morde, o outro assopra. Tá certo!

SEGUNDO MISTÉRIO: a diretoria atleticana bateu o martelo num acordo com o senhor Ricardo Guimarães credor de R$ 94 milhões no clube. Bonzinho, como todo banqueiro que empresta dinheiro sem risco aos aposentados, Guimarães topou a moratória nos juros até julho de 2012.

ENQUANTO ISSO, receberá 15% do valor líquido de cada negociação de atleta que o Atlético fizer. Nada mais justo e inteligente das partes. Afinal, a participação não será tão grande assim, por meio da EGL Empreendimentos, da qual Guimarães é sócio.

SÓ NÃO ENTENDI porque Wanderley ficou tão bravo quando lhe questionaram sobre a sua participação no acordo, afinal só ele é capaz de viabilizá-lo revelando os atletas da fonte atleticana que, de repente, secou.

A PREOCUPAÇÃO, portanto, do momento é montar uma equipe experiente e forte para as competições do ano, sem grandes investimentos, e que dê suporte à meninada das divisões de base, esta sim a mercadoria que vai gerar os 15% e outros tantos pra quem estiver vivo no projeto.

CAPAZ DE o Atlético ganhar bom dinheiro no projeto se ele sair conforme o planejado nos bastidores.

FRANCISCO BESSA, diretor geral da Alvorada/FM, manda mensagem comunicando que a emissora fechou 2009 com excelentes números no Ibope. Campeoníssimo na direção da Alvorada, Bessa cumpre uma rotina mensal. Seu time não perde nunca.

AINDA BEM que jogo do lado dele, treinado por Flávio Carvalho no Só Esporte, todos os dias às nove da noite. Exceto aos sábados e domingos.

ESTE PEDIDO é uma ordem: Zélio Alves Pinto, meu contemporâneo na ex-rua das Flores, em Caratinga, manda que eu divulgue a peça do seu filho Fernando Alves Pinto, “uma bela montagem, inteligente, criativa de um grupo liderado por uma mineirinha que está botando as manguinhas de fora. Vale a pena ver!”

SE ZÉLIO falou convém ouvir. Afinal, Zélio, de quem Ziraldo é irmão, é um dos intelectuais tupiniquins mais conhecidos lá fora. E meu amigo...

A PEÇA TEM o título de “A mulher que ri”. Será mostrada nos dias 15 e 16, sexta e sábado, às nove da noite e domingo, 17, às sete horas no Teatro da Oi, na Afonso Pena, 4001, Mangabeiras.

COM FERNANDO, estão Eloisa Elena e Plínio Soares. Vou lá conferir.

O PROFESSOR Haydn Pimenta acha que pra Imprensa talvez seja cedo pra falar da Seleção. “Não é hora de a Trincheira abrir espaço pra se discutir a convocação: “tratarmos de alguns jogadores os quais, diria eu, são um tanto ‘come e dorme” na seleção”.

E APRESENTA sua lista: “1 – Robinho, o jogador mais improdutivo, diria, de todos os tempos. Craque, sem dúvida, cuja inteligência, porém, não é lá essas coisas, além de extremamente egoísta e peladeiro. 2 – Elano, o ‘sumidaço’ ou ‘dorminhoco’, raramente aparece na partida. 3 – Lucas, acredito que, se fizermos uma estatística, deve ser um dos ou o mais faltoso e pouquíssimo produtivo de toda a turma”.

PITACO: o que vocês pensam da opinião do professor Haydn? Pode entrar no meu blog www.flavioanselmodepeitoaberto.blogspot.com.br e dar seu pitaco.

ZEZÉ PERRELA que se cuide porque alguns torcedores cruzeirenses estão p.da vida com o seu pão-durismo. E em outubro tem eleição. Francisco Moreira, de Beagá, usa de novo a Trincheira pra reclamar. Diz ele:

“NO PROGRAMA Jogada de Classe, os comentaristas, sobretudo Ramon Salgado, afirmaram que o Cruzeiro não contrata um meia - camisa 10 - porque no mercado não existe este jogador. Em que pese eu admirar estes comentaristas, inclusive o simpático Ramon, com o devido respeito, acho que estão querendo tapar o sol com a peneira e proteger a falta de iniciativa dos Perrelas”.

“JOGADORES existem sim, aos montes. O que não existe é pechincha, jogadores de graça ou baratos. Exemplos disto estão nas contratações dos times brasileiros: O São Paulo contratou Marcelinho Paraíba e o Corinthians, contratou três meias; isso mesmo Tcheco, De Federico e Danilo - sem falar que tem no elenco o Morais”.

“ATÉ NOSSO rival de Vespasiano contratou o meia Ricardinho. Jogadores têm aos montes , seja no Brasil - Diego do Palmeiras; seja na América do Sul - Riquelme; seja fora da América - o Alex na Turquia, por ex., dentre outros”.

segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

PUA NA TRINCHEIRA DEMOCRÁTICA

CONFORME PROMETI logo na coluna de volta, a primeira de 2010, ela estaria enfoguetada este ano. O fato de as novidades de reforços não saírem das especulações a guarda da cartolagem abriu-se. O Cruzeiro não tem novidade: tanto que o assunto da mídia não passa do Gilberto ou da insistência do Palmeiras em levar Kleber. No Atlético, as “grandes” novidades do ano são Rincón e Wagner Tardelli.

NÃO PRECISAVA dessa apelação com a vinda de Wanderley Luxemburgo. Aqui sim, o Galo incendiou 2010. O resto é bombinha de São João. Ou melhor, busca-pé dos que agarram nos calcanhares do Luxa pra sobreviverem às próprias insuficiências.

REGINALDO VIEIRA de Souza, do Bairro Copacabana, nesta Capital do doutor Lacerda, cujos IPVA e o IPTU tiveram os maiores índices de aumento do País falido, discorda deste titular absoluto da Trincheira. E solta a pua...

“ANTES DE qualquer coisa, desejo felicidades, saúde e paz em 2010 ao "comentarista de peito aberto". Bons tempos, heim Sr. Flávio Anselmo? O
senhor fazia um programa na Alterosa (se não me engano) junto com o
Kafunga no horário do almoço. Bons tempos”.

(NA TV ITACOLOMI, meu caro Reginaldo, e eu substituía o Sasso de vez em quando no Papo de Bola).

“AO RECEBER a sua coluna hoje estranhei o início do seu comentário com
relação às contratações do Wanderley. Não chamaria de estranhos e nem
"enfiado" goela abaixo, pelo contrário achei interessante e tem tudo para
dar certo”.

“LEMBRANDO que o Fred Rincón não é mais jogador, portanto "desequilibrado" quando jogava, hoje é um assistente técnico e é outro papo, outra categoria, ou seja, ele não vai entrar em campo, Sr. Flávio”.

“PELO QUE fiquei sabendo, o auxiliar que com quem o Wanderley tem o costume de
trabalhar, não quis sair do Atlético Paranaense e o Rincón já trabalhava
no Corinthians como auxiliar. O que tem de estranho ai?”

(PRA VOCÊ não há nada de estranho. Respeito. Pra mim é maça podre num balaio de boas frutas).

“E ELE SERÁ apenas um auxiliar, ao contrário do senhor, acho que vai acrescentar muito pela experiência e não podemos negar, foi um vencedor como jogador.... jogava
muito!! Ah... tem mais, ouvi jornalista dizer que o Kalil está
"engordando" a folha de pagamento”.

“PAPO FURADO de jornalista mal informado, já que essas contratações de auxiliares já estavam prevista e são necessárias, com certeza. Vejo que a "perseguição" é contra o Rincón, porque se fosse qualquer outro "Zé da Couves" contratado, ninguém
comentaria nada disso”.

(VOCÊ TÁ CERTO, Reginaldo: a folha não vai inchar porque Rincón e Tardelli virão trabalhar de graça. Ou, por acaso, sem os dois a folha não seria menor?)


“EU APROVEI e fazer comentário pessimista antes é pura burrice e perseguição de mau gosto. Outra coisa é sobre a contratação de Wagner Tardelli como instrutor de
arbitragem que também aprovei. Poucos entenderam e sabem o que será feito.Ele, Tardelli, irá orientar; ser um instrutor desde as categorias de basee não só aos profissionais”.


“BOA IDEIA, já que jogador entende pouco de regras e jornalistas também. Ele desenvolveu programas de orientações e esperava a chance de demonstrar e realizar. O futebol brasileiro precisa de renovação, de novidades, pois está ultrapassado demais. Tanto que o
Goiás já fez o mesmo que o Galo, contratando um ex-juiz e outros farão”.

“SABE DE UMA coisa, tem jornalista que acha defeito em tudo e acha que o
futebol tem que continuar no tempo deles, onde se jogava futebol com bola
de meia. Me ajude ai, vamos renovar, criar fatos novos para deixar o
futebol mais profissional, chega de amadorismo”.

(ESTA HISTÓRIA de ex-juiz trabalhar em clube é mais velha que rascunho da Bíblia, Reginaldo. Será que você imaginou que eu e outros jornalistas críticos desta besteira achassem que o Galo tivesse contratado este cara pra fazer dupla com o outro Tardelli. Ainda bem que temos você pra sanar nossas dúvidas).

“VEJA COMO as coisas são engraçadas, jornalistas criticam tanto, pedem tanto organização no futebol, cobram profissionalismo, cobram dos dirigentes a transformação do
clube em empresas etc e tal e quando começam a renovar, a criar fatos para
tornar a coisa séria desde as categorias de base, vem gente criticar e
achar que é "malandragem" para ganhar no apito”.

“NÃO É ... é para fazer a coisa ficar mais profissional e acabar com reclamações de jogadores no futebol e ensiná-los as regras. Eu aprovei... boa ideia Galo, boa ideia
Wanderley. Os jornalistas deviam esperar os resultados e não começar a
criticar antes das coisas começarem a funcionar. Calma.... vamos com
calma, certo Sr. Flávio Anselmo?”

“ESPERO QUE não me leve a mal, afinal admiro seu trabalho há anos... e não
sou tão velho assim, viu?...rsssss”.

POR QUE eu ficaria com raiva, Reginaldo? Você me ajudou a fazer a coluna de hoje. Pena que não sobrou espaço para o pessoal do contra, que amanhã ocupará esta tribuna democrática.

AS TROMBETAS já anunciam: Freddy Rincón e Wagner Tardelli mudaram a cara do Galo e os resultados apareceram. Se alguma mudança positiva acontecer e os créditos forem para os dois, não serei eu nem os demais jornalistas que ficaremos na berlinda. Será Wanderley Luxemburgo. Rincón e Tardelli serão assados na sua fogueira da vaidade.

domingo, 10 de janeiro de 2010

VOLTO NO MEIO DE "SEM NOVIDADES..."

POSTADO ÀS 9 horas e 44 minutos desta noite...

SÓ PRA AVISAR que voltei das férias e bem esquentado. De pilhas novas...

TIRANTE OS ESTRANHOS reforços que Wanderley Luxemburgo enfiou goela abaixo, de supresa, no torcedor atleticano ( o desequilibrado colombiano Freddy Rincon e o ex-árbitro Wagner Tardelli, de triste lembrança no apito contra os mineiros ) o futebol mineiro não me trouxe nenhuma novidade. Volto das férias e encontro tudo como antes.

O ATLÉTICO TEM mais um reforço " bem próximo" da Cidade do Galo como tantos outros que foram ventilados e nem desceram em Confins. Agora é o beque Rodrigo jogador do Dínamo de Kiev e que defendeu o São Paulo ano passado no Brasileiro.

TARDELLI vai ensinar o que mesmo aos atletas do Galo? Como ter jogo de cintura no campo do adversário sem demonstrar que é "caseiro"?

O CRUZEIRO ainda dispensa os jovens que trouxe ano passado, mas não vingaram aqui. Traz outros garotos,(Pedro Ken e Anderson Lessa) por indicação de Adilson Batista. Não terão destinos diferentes: negócios ou moedas de trocas.

O COELHO saiu na frente. Prepara-se há mais tempo pro Mineiro. Fez um jogo-treino hoje de manhã contra o Brasiliense e venceu por 3 a 1. O destaque foi o menino Léo, revelação da base. Aliás, os juniores do América e do Cruzeiro seguem firme na Copa São Paulo da categoria. Ambos estão na segunda fase.

FALANDO EM BASE, pegou bem o Adilson liberar Jancarlos e Patric, reservas de Jonathan e abrir chance para o garoto Marcos, que disputou com sucesso o Brasileiro da Segunda Divisão pelo EC Bahia.

ALGO PODE estar mudando na cabeça do Capitão América...