domingo, 7 de março de 2010

TUPI DERRUBA TABU DE 23 ANOS

O TIME QUE Adilson Batista escalou em Juiz de Fora contra o Tupi foi uma verdadeira salada. Perdeu de pouco. Fez 1 a 0, num belo gol de Anderson Lessa e levou a virada com incrível facilidade. O gol de empate dos juizforanos foi um dos mais bonitos do Campeonato. O artilheiro da competição, Ademilson, pegou da intermediária, pelo lado esquerdo da entrada do campo cruzeirense, uma bomba de três dedos, no ângulo. Assustado, Fábio ficou sem reação. Adilson fez loucas mudanças no intervalo, entre elas tirar Anderson Lessa. A não ser que a cotovelada que o garoto levou na boca foi mais séria do que se esperava. Entrou Bernardo. Nada fez a não ser perder o gol de empate aos 47 minutos do segundo. A dupla Roger e Gilberto que mostrou algum acerto ofensivo, avacalhou com a marcação desde o primeiro tempo. Na arrumação da posição de Fabinho, pela direita e Pedro Ken na esquerda, cobrindo Jonathan e Gilberto, o Cruzeiro melhorou qualquer coisa e fez o gol. Isso no primeiro tempo. No segundo, com as saídas de Roger e Anderson, o Tupi mandou. Fez 2 a 1, com Fabrício Soares: 3 a 1 com Gedeão e este gol poderia ser 4 a 1 se a arbitragem comandada por Alício Pena Júnior não tivesse anulado mal aquele que então seria o terceiro tento do Tupi, sob alegação de impedimento. O Tupi ainda teve um atleta expulso e só levou o segundo gol cruzeirense, aos 43m, feito por Pedro Ken, após num sufoco danado. Aí, um minuto depois, Bernardo, de cabeça, perdeu o gol de empate.

NADA ALTEROU: o Cruzeiro mantem-se líder com 18 pontos; Ipatinga e Democrata-GV que, também, perderam ficaram em segundo e terceiro com 16. O Tupi, com 15, subiu pra quarto. O Galo tem 12 e sete jogo tá em quinto. Na quarta, se a FMF deixar, Deus ajudar, o Galo vai a TO completar os 20m restantes contra o América local. Da Capital, o Coelho confirmou a reação ao pegar de jeito o Ituituba( 3 a 1). A reação do Villa Nova parou na Caldense, numa goleada de 4 a 0. O Uberlândia apanhou do América-TO de 2 a 0 e corre sérios riscos de descenso. O Uberaba foi o time que não deixou o Tigre do Vale do Aço disparar com o placar de 2 a 0 no Uberabão e o Galo, no sábado, parou a Pantera de GV com um gol de Júnior e a vitória pelo placar mínimo. Mas fez a torcida sofrer.

NA PRÓXIMA QUARTA o Cruzeiro volta suas atenções pra Libertadores e vai à Venezuela enfrentar o Deportivo Itália que no campeonato nacional de seu País goleou de 4 a 0, enquanto o Cruzeiro perdia em Juiz de Fora.

A FMF analisa amanhã o pedido do Galo pra não jogar os 20m restantes em Teófilo Otoni, como se querendo limpar a barra pela besteira que fez de não cumprir o prático jogando no dia seguinte.


Ah, e o pessoal do Cruzeiro se segura aí na questão dos pontos da goleada sobre o Uberlândia, porque vão revelar novidades ainda hoje..

Um comentário:

  1. Presidente do TJD esteve agora à noite no programa meio de campo da rede aécio minas e disse que o Palestra foi absolvido porque não agiu de má fé. Então é só escalar o Leandro de boa fé contra o América/TO. Que palhaçada. Todo mundo sabe que é proibido matar. Mas é só matar de boa fé que estará absolvido.

    ResponderExcluir

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.