quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

ESSE NEGÓCIO DE RANKING ME ATEMORIZA

Ao abrir qualquer jornal, ou site, e dar de cara com um desses rankings que publicam pelai, sem lenço, nem documento, me dá vontade de enfiar a cara na areia, feito avestruz. Um ranking do tipo da ATP Associação dos Tenistas Profissionais tem lá suas razões e credibilidade. Surge da soma de pontos dos atletas, conquistados nas quadras, e administrado por gente do meio, confiáveis. Me diga lá, meu senhor: é confiável um ranking de uma entidade comandada por Ricardo Teixeira?

* Entre os afins e os cabos, ainda me pergunto: pra que m. serve tal ranking nacional dos clubes? Dá dinheiro pra eles?

DOIS ENTÃO COMPLICAM - Se um ranking já é detestável, dois então nem se fala. Otrodia, a Internet desovou um ranking que mereceu texto jornalístico explicando que “finalizado o Campeonato Brasileiro, última competição da temporada 2010, a CBF divulgou o Ranking Nacional de Clubes para 2011. O time mineiro mais bem colocado é o Atlético, com 2.032 pontos, na sexta posição. Quem lidera é o Grêmio, com 2.159.

* O Cruzeiro aparece em tal ranking em novo lugar, com 1950 pontos

HISTÓRIA MAL CONTADA - Segundo a matéria do site, “o ranking considera participações dos times no Campeonato Brasileiro (Séries A, B, C e D) e Copa do Brasil. Primeiro campeão brasileiro, em 1971, o Galo também chegou 14 vezes entre os quatro primeiros colocados da elite do Nacional. Interessante que a matéria nem cita o Cruzeiro.

* Confira os dez primeiros do ranking e as posições das equipes mineiras: 1 - Grêmio – 2159; 2 - Corinthians – 2137; 3 - Flamengo – 2086; 4 - Vasco - 2086
5 - São Paulo – 2049; 6 - Atlético – 2032; 7 - Palmeiras – 2012; 8 - Internacional - 1996
9 - Cruzeiro – 1950; 10 - Santos – 1829

AÍ VEM OUTRO - De repente, o mesmo site divulga outro ranking. E diz sobre ele: “o vice-campeonato brasileiro do Cruzeiro, em 2010, valeu ao clube celeste não só a classificação à Libertadores 2011, como também o deixou em segundo lugar no ranking do Brasileirão de pontos corridos”.

* A lista soma os pontos obtidos pelos clubes desde 2003, quando foi adotada essa fórmula de disputa.

PONTUADORES - O São Paulo, campeão em 2006, 2007 e 2008, já fez 568 pontos no Brasileiro desde 2003. Mesmo tendo ganho o título apenas uma vez, o Cruzeiro é o time mais regular no campeonato depois dos paulistas, com 527 pontos. Só em 2003, ano do título, o clube somou 100.

* Os azuis superaram o Inter de Poá que até 2009 figurava no segundo posto de novo ranking. Agora só de pontos corridos. O Colorado não conquistou nenhum título nessa fase. mas foi vice-campeão em 2005, 2006 e 2009. Soma 517 pontos.

* O quarto lugar é do Santos, campeão em 2004 e que somou 511 pontos. O Flamengo, campeão de 2009, é o quinto, com 463. O Fluminense, vencedor deste ano, fez 455 e ocupa o sétimo lugar, enquanto o Corinthians, detentor do título de 2005, é apenas o nono da lista, com 431 pontos. E o Galo, sem nenhum título? Tá em 12º lugar.

* Ou seja, a jogada da CBF só tem um efeito, ao publicar dois rankings com fórmulas diferentes de disputa. Provocar a latente rivalidade estadual. Só isso; mas o bastante pra encher o nosso saco.

OLHA O BERNARDO CUCA - Há controvérsias quanto a passagem de Bernardo pelo Goiás. Titular com Leão, teve momentos bons e ruins, como de resto todo time. Caiu em desgraça com Artur Neto. Não terá seu empréstimo renovado e foi devolvido ao Cruzeiro. Convém Cuca ficar de olho nele, antes que os bocas azedas da Toca da Raposa encham a cabeça de Perrela e Bernardo seja negociado de graça. Está na lista do Figueirense.

* Bernardo foi afastado por Adilson Batista que entre as seus poucos tá a impaciência no trato com a Imprensa e com o pessoal da base.

* No Goiás , Bernardo fez 31 jogos – não é tão pouco assim – e marcou sete gols, além de dar 12 assistências. No Cruzeiro fez 45 jogos e marcou sete gols. Tem gente lá dentro, cheio de prestígio que não conseguiu tal feito.

GRANDE PERDA - Adilson Batista tanto fez que conseguiu desfalcar o Atlético para 2011. Ao acertar com o Corinthians, não conseguiu levar o preparador de goleiros Oscar Rodrigues, que o acompanhou na saída da Toca da Raposa. Oscar preferiu aceitar proposta do Galo, onde teria um desafio enorme. Que venceu, ao preparar devidamente o garoto Renan Ribeiro pra ser titular inconteste da equipe de Dorival Júnior.

* Agora, no Santos, Adilson Batista conseguiu quebrar a resistência de Oscar. Lá foi ele! Segundo Ramon Salgado, “um baita preparador de goleiros, o melhor do País”. Confio no Ramon, visto nem conhecer o Oscar, eu conheço.

VEZ DA BASE - sem lamentar a saída de Oscar Rodriguez, preferiu pitacar a respeito do preparador de goleiros do juniores: William de Castro. E o avalizou: “desde quando cheguei ao Atlético a minha formação de base foi com ele”.

* Ação entre amigos, coisa comum no futebol.

MENSAGEM DO LEITOR - Vem de Rênio Carlos Garcia, ferrenho defensor de Uberlândia e das coisas do Triângulo Mineiro. Diz ele: “E creia também, Sr. Flavio, que caso o Cruzeiro chegue a uma semifinal e necessite jogar no Sabiá terá torcida contra. A choradeira do Cuca, mais essa pressão da imprensa da Capital para que os jogos não venham para Uberlândia, está aumentando ainda mais a distância entre a torcida do interior e o time celeste. Uma pena, pois era um momento único de resgate do Cruzeiro com Uberlândia e por que não dizer com o Triângulo? Vale ressaltar que, até eu, uberlandense convicto, comprei camisa do Cruzeiro para meu filho”.

* Viu, né Dimas Fonseca, o que vocês da diretoria do Cruzeiro foram arrumar. Eu apenas dou pitaco e nem quero ver o circo pegar fogo.

3 comentários:

  1. Uma coisa tem q ser dita o aletico tem q dispensa no minimo 5 jogadores q são :
    os equartorianos jairo campos e mendes os laterais edir macedor e rafael cruz e o atacante ricardo buenor , o kalil tem contratar 5 jogadores para suprir essas dispensa pois as laterais do galo são mais preocupantes não so de agora mais ja bom tempo, quem não se lembra do RONILDO o lateral q ficou no atletico quase 5 anos q so acertou 3cruzamentos certo nas semi-finais do brasileiro de 1999 e mais nada.......
    KALIL vamos contratar certo pois não podemos perde mais um ano pq desde 2000 o galo nem se q dispulta uma libertadores ISSO É UMA VERGONHA PARA HISTORIA DO CLUBE ATLETICO MINEIRO q mesmo estando mal nessa era de pontos corridos o galo se mantem em 6 lugar no ranking da cbf , isso pra mim nem é novidade pq o galo já foi até o primeiro descer ranking.

    ResponderExcluir

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.