sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

FAMILIA INTEIRA DE OLHO NA RODADA

Os meus dois olhos não bastarão pra acompanhar esta rodada decisiva do Brasileiro que todos os jogos no mesmo covarde horário global das cinco da tarde – pra Mãe Natureza, quatro horas – com o sol a pino rachando a cabeça intumescendo os cérebros dos atletas, juízes e comissões técnicas. Quiças dos torcedores, também. Afe Maria!!! Então vou convocar os familiares e suas idiossincrasias, cada qual com a sua preferência, como meus olheiros imparciais. Conseguirão? Sei lá.
* Olho no Guarani pra sentir se o “bugre campineiro”, como diz Luciano do Vale, não fará uma entrega de conforme ao Fluminense; e no mistão do Goiás pra analisar bem seu comportamento diante do Corinthians.
MISTÃO DO PALMEIRAS
Nada valerá a pena, entrementes – como isso é bonito, gente! – se o Cruzeiro de Cuca não fizer a parte dele em campo, arregaçando o mistão do Palmeiras, na Arena do Jacaré, enquanto Perrela e Cia, de joelhos no vestiário, “com a humildade que lhes é peculiar (rsrsrsrs)” estarão pedindo aos deuses do futebol que interfiram nos demais jogos e façam os porcos magros sujarem a água.
* Como não tenho o famigerado pagar-pra-ver vou ficar de olho no Morumbi pra ver se o Galo cumpre a previsão de um torcedor fanático dita na Itatiaia: 4 a 1 em cima do SP.
SURTEI DE VEZ
Ousadia pura, surtei de vez. Na exposição Futebol Arte na Quadrum Galeria presenteei meu conterrâneo e amigo Zélio Alves Pinto, pintor, jornalista, escritor, grafista e escritor, com dois de meus livros: Profetas do Acontecido e Divinas Marias. E folheei o livro escrito por Enock Sacramento sobre ele: “Zélio 50 anos de Aventura Visual”. Ganhei um autografado em desenho.
* Senhor Bom Jesus do Galho! Só mesmo um cara louco que nem eu faria um negócio deste. Submeter duas obras suas ao Mestre Zélio.
SITE DA CONMEBOL
Você, torcedor cruzeirense, e colecionador de conquistas do seu time entre no site oficial da Conmebol que mostra o desempenho das 184 equipes que já participaram da Taça Libertadores, desde a primeira edição em 1960 até 2010. Cara, um apanhado sensacional das vitórias, empates, derrotas, gols feitos e sofridos, além do número de participações, títulos, pontos conquistados e aproveitamento de cada.
A tabela mostra número de jogos de todos os times, vitórias, empates, derrotas, gols feitos e sofridos, além do número de participações, títulos, pontos conquistados e aproveitamento.
* O Cruzeiro em 12 participações tem o melhor aproveitamento em pontos corridos entre todos os 130 times que disputaram mais de uma edição da Libertadores. Vale a pena conferir e discutir no bar do Salomão.
* São 120 jogos, com 71 vitórias, 21 empates e 28 derrotas, num total de 234 pontos e 65% de aproveitamento.
ROGER SEM HUMILDADE
Roger ou Gilberto? Ou então os dois e mais Walter Montillo? Na fórmula de Roger, o mais certo é ele continuar no time que tem jogado bem depois de sua entrada. Falta de modéstia? Não, auto-confiança. Autor de gols decisivos nas vitórias sobre o Vasco e o Flamengo, nas últimas duas rodadas do Campeonato Brasileiro, Roger cai, aos poucos, nas graças da torcida.
* Quem é bom não espera elogios de terceiros. Provoca-os.
QUERO AS MINHAS
As 43 mil velhas cadeiras do Mineirão – nem tão velhas assim – serão distribuídas por vários estádios do interior: Parque do Sabiá receberá 25 mil; o Penidão, 8 mil; o Mamud Abas, de Valadares, 5 mil; o de Pará de Minas, 2 mil e o do Usipa, 3 mil assentos.
* E o Salão, belo estádio do Fluminense da Rua do Sal, em Caratinga? Nem uma mísera cadeira? Tô fora da boca? Como se deu essa distribuição de bens públicos?

Um comentário:

  1. DOSSIÊ PERRELAS: O FANTASMA DAS TRANSAÇÕES
    FATOS QUE A IMPRENA PODRE DE MINAS VIVE ESCONDENDO POR MEDO E COMPROMETIMENTO!


    Todos estão carecas de saber que presidente de futebol é um cargo não remunerado.
    José e Alvimar Perrela eram pobres, do interior de Minas Gerais.
    Vieram para Belo Horizonte e tinham uma barraca no Mercado Central.
    Com o tempo, foram mudando de profissão e com isso, o patrimônio da família foi aumentando.
    Mas aí vem a pergunta que todos querem saber a resposta:
    Se presidente de futebol é um cargo não remunerado, como a família Perrela conseguiu tanto dinheiro, a ponto de terem carros luxuosos, apartamentos em bairros nobres?
    Resolvi fazer uma investigação rápida sobre as negociações do Cruzeiro, pois sempre duvidei do paradeiro da propina que recebemos pela venda de jogadores mas sempre tinham a desculpa que não era suficiente para manter o time.
    Vou citar algumas transações aqui com fonte em todas, em que o valor comprado do jogador não coincide com o valor vendido.
    1)
    Sábado 5 de Julho de 2008 o Cruzeiro anunciou a aquisição de 50% do passe de Gérson Magão.
    Quinta Feira 6 de Agosto de 2009 o Cruzeiro anuncia a venda de Gérson Magrão, e a informação é de que o Cruzeiro detém apenas 10% do passe do atleta.
    Aonde estão os 40% restantes Perrelas?
    2)
    Domingo 1 de Fevereiro de 2009 o Cruzeiro negocia o atacante Guilherme.
    O time detinha 85% do passe do atleta.
    Porém na venda, foi anunciado que apenas 42,5% do passe pertencia ao Cruzeiro.
    Nao estou com muito tempo pra investigar mais, pois trabalho amanhã cedo.
    Alguém que puder contribuir, por favor poste aqui mais negociações "fantasmas"
    TRANSPARÊNCIA JÁ!!!
    Fonte: http://www.players.com.br/forum/index.php?/topic/110409-dossie-perrelas-por-que-nao-estao-presos/

    ResponderExcluir

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.