sexta-feira, 29 de abril de 2011

GALO X COELHO GUERRA POR UMA VAGA




O PASSO QUE O GALO DEU PRA SER FINALISTA DO CAMPEONATO MINEIRO é bem grande. Não do tamanho daquele dado pelo Cruzeiro que joga no domingo, às quatro da tarde, com transmissão pela tevê, na Arena do Jacaré. Os azuis botaram sete gols de vantagem no Dragão de TO na goleada de 8 a 1. Podem perder até por 8 a 0. Já o alvinegro de Dorival Junior venceu por 3 a 1 e cai fora se o Coelho fizer 3 a 0, por exemplo. Não creio numa virada na situação deste sábado, ainda que o América vença o jogo. Penso que o Galo é finalista junto do Cruzeiro.
Apesar da excelente vantagem, no Atlético só se falta em respeito. Claro que isso é importante sim por tratar-se de clássico. Falou Dorival Junior: "Temos exemplos claros de que, se você começar a pensar um degrau acima, acaba nem fazendo sua obrigação. Temos uma vantagem, mas que é momentânea e pode ser revertida em 90 minutos". O alvinegro dá como exemplo o Fluminense, que tinha poucas chances de avançar na Copa Libertadores, mas fez sua parte e hoje disputa as oitavas de final do torneio continental.

Para confirmar em campo a classificação, o Atlético terá duas mudanças em relação ao time que iniciou a partida de ida contra o América. O zagueiro Leonardo Silva, suspenso, dá lugar a Werley. No ataque, Magno Alves, que estava lesionado, reassume a vaga, saindo Ricardo Bueno. O volante Richarlyson, recuperado de contusão, vai ficar no banco de reserva. O jovem Fillipe Soutto tem agradado e segue como titular do meio-campo alvinegro.

Acreditar sempre. Se no Galo o discurso é respeitar no Coelho só se fala em entrega e confiança, nas comemorações neste sábado dos seus 99 anos de fundação. Seria um histórico presente de aniversário. O Coelho nunca conseguiu inverter uma desvantagem de três gols de diferença em mata-matas. Porém. o técnico Mauro Fernandes, a missão não é impossível e ele acredita na determinação de seus jogadores para bater o Galo. Disse: "Nós mesmos, aqui no América, já enfrentamos muitas situações difíceis. Nada é impossível no futebol e temos ainda mais 90 minutos pela frente. Sabemos da vantagem e do grande time que tem o Atlético, mas pode ter certeza que o América, neste jogo, vai ser um time completamente diferente do que foi na última partida" . (FOTOS DO SUPERESPORTES)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.