domingo, 10 de abril de 2011

PENÚLTIMA RODADA DO MINEIRO DEFINE TIMES DO G-4

A virada do América sobre o Democrata Pantera (4 a 3), na Arena do Jacaré, a vitória tranquila do Galo (2 a 0) sobre a Caldense e a manutenção da invencibilidade do América Dragão como mandante, em Teófilo Otoni, derrotando o Villa Nova (2 a 1) definiram de vez quem jogará a outra fase do Campeonato Mineiro.
Na realidade, esperava-se apenas a decisão de quarta vaga.
As colocações serão definidas na última rodada. Isso porque o Galo pode ficar com o primeiro lugar caso vença o América-TO, na Arena do Jacaré e o Cruzeiro deixe de vencer o Uberaba, no Triângulo.
Com 23 pontos, atualmente, os alvinegros ultrapassariam os azuis que têm 25 pontos.
Se empatar, entretant o, o time de Cuca fica com o primeiro lugar por causa do excelente saldo de gols.
O Coelho pode ser o segundo colocado caso o Galo tropece no América-TO – empate ou derrota – e ele vença o Villa Nova, em Nova Lima.
Chegaria a 25 pontos, e deixaria o Atlético pra trás. Dragão de TO não deixará o quarto lugar, o que já tá danado de bom. É o campeão do interior.
A briga permanece braba no descenso. O Guarani livrou a cara ao vencer o Funorte, em Divinópolis (2 a 1) e atingiu 10 pontos.
Com 5, o Funorte terá de comer grama diante do Democrata Pantera já quase atolada com 4 pontos. Este jogo será domingo em MOC. Os dois devem morrer abraçados.
O Ipatinga, conforme previu a Trincheira, pulou fora da zona de rebaixamento, mas não fugiu do fantasma. Goleou (4 a 0) o Uberaba no Ipatingão e chegou a 7 pontos.
O Tigre enfrenta o Tupi domingo que vem, novamente no Vale do Aço, e se salva com a vitória.
Registro apenas porque recebi um email de Poços reclamando. Mas lá reclamam de tudo no futebol.
Torcedor alega que a arbitragem ajudou o Galo ao expulsar um jogador da Caldense aos 26m do primeiro tempo. O placar estava em zero a zero.
Só não fala o que o distinto fez. Rezando, com certeza, não estava.
De qualquer forma, fico com uma pulga atrás da orelha. A Caldense era franco atirador. Não corria risco algum nem disputava nada. E o Galo ainda briga pra ser o primeiro. Como nossa arbitragem anda pela hora da morte!!
Acompanhei América 4 x Pantera 3. Ótimo jogo. A fatalidade ajudou o Coelho na contusão de Netinho. Mauro Fernandes teve de colocar Preto na zaga e deslocar Otávio pra lateral esquerda.
Arrumou a defesa que já tinha levado dois gols e podia levar mais. O Democrata, com Eli Tadeu, Vander e Fernandão, dando uma canseira no Coelho imaginou o jogo ganho.
O bom goleiro Vilar aceitou o primeiro gol num chute de longe de Leandro Ferreira. Tentou segurar pelas penas e não conseguiu. A primeira fase virou em 2 a 1.
Na segunda, o Coelho infernizou-se fez a virada em 4 minutos com Leandro Ferreira, Fábio Júnior e Irênio. Aí relaxou de novo e tomou o terceiro gol , o segundo de Fernandão.
Gostei de novo do Leandro Ferreira que define bem de fora da área com fortes arremessos de perna esquerda. Dudu impressionou-me: não fez uma falta sequer. Fábio Júnior marcou seu 12º gol.
Porém gostaria de destacar que Marcos Rocha continua sendo o melhor lateral que o Atlético tem. E está fora da Cidade do Galo. Absurdo, né?
OPERAÇÃO DO FILHO TIRA MONTILLO DA REVANCHE contra o Estudiantes, nesta quarta-feira, em La Plata, última partida da fase de grupos da Libertadores.
O atacante ficará em Belo Horizonte para acompanhar a cirurgia de coração do filho Santino, no mesmo dia da partida.
O plano B anunciado por Cuca prevê Everton no lugar de Montillo pra Gilberto ter liberdade de atuar na armação.
Senhor Bom Jesus! Que falta fará o argentino, mas sua causa é maior!
Havia a possibilidade de a operação ser adiada pelos médicos, por causa da pneumonia sofrida pelo garotinho na última semana.
Montillo foi liberado pelo clube e ficou à espera da confirmação, sem interferir na decisão dos médicos.
Sem Montillo e tendo de usar Everton, é provável que os cotovelos de Cuca e de alguns dirigentes do Cruzeiro doem com a informação de que Bernardo marcou seu sexto gol em dez partidas pelo Vasco.
E que seu pai e empresário voltou a afirmar que o ciclo de Bernardo encerrou-se na Toca da Raposa, enquanto faz carreira de ídolo em São Januário.
Só a cartolagem do Cruzeiro não sabe que o que é bom vem do novo, como diz meu amigo Fernando Vanucci.

2 comentários:

  1. A questão do zé luiz e ricardinho eu vejo o seguinte, o atletico deveria fazer essas dispensas realmente não agora e sim no meio do ano quando se abre a janela na minha opinião veio no mal horA ESSAS duas dispensas pq queira ou não os dois fazem falta nesse meio de campo nessa reta final de mineiro e copa do brasil nesse primeiro semestre(Q JÁ FOI PEDIDO A MUITO TEMPO), e mais uma vez essa diretoria do atletico q por mim estava indo muito bem agora vai indo muito mal mais uma vez atirando no seu proprio pé!!!!!
    VOU CONCORDA COM TORCEDO DIZ Q RESUMI TUDO, O KALIL ESTA BRICANDO DE FAZER FUTEBOL NO ATLETICO.

    ResponderExcluir
  2. cruzeiro vai violar o anus do atletico ainda nas semifinais... tenho ate do do time falido do atletico.

    ResponderExcluir

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.