sábado, 7 de maio de 2011

CRUZEIRO TEM NOVIDADE. GALO VAI DE MAGNATA E MANCINI







SE NO CRUZEIRO, CUCA convocou 20 jogadores para a concentração, mas prefere dizerr que não tem o time escalado por causa das voltas de Wallyson e do volante Fabrício, no Atlético não existe segredo. Dorival Júnior confirmou que Magno Alves e Mancini estão liberados pelo Departamento Médico e passaram nos exames físicos.
Quer dizer que o Galo será escalado por Dorival com o time titular que treinou durante a semana: Renan Ribeiro, Patric, Rever, Léo Silva, Guilherme Santos, Serginho, Felipe Soutto, Geovani e Bernard; Magno Alves e Mancini. É neste time que a torcida tem confiado, segundo consta desta Trincheira que é o maior foro das grandes discussões do desporto nacional.
E como tem bombado! Por que neste pedaço os leitores acreditam. Não tem compromisso com banda alguma.
Bom, voltemos ao que interessa. Entre os azuis, Cuca chamou, inclusive, Diego Renan com quem bateu boca via Imprensa. Parece que, como no caso de Roger, a turma do deixa-disso ajeitou as coisas e Renan foi cuidar da vida na Toca da Raposa mesmo.
Fabrício será bancário, porém com grandes possibilidades de entrar. O problema é Henrique, que levou um soco no queixo do beque Henriques do Once Caldas. Wallyson será avaliado momentos antes do jogo – estratégia de Cuca? – pra saber se terá condições. Se for vetado, joga o menino Dudu que deveria ter jogado de cara contra os colombianos. Ortigoza está confirmado no comando do ataque.
Aliás, é bom explicar aos leitores o seguinte: contra o Once Caldas, por tratar-se de uma partida internacional, não se aplica a norma da CBF quanto ao número de estrangeiros. Por isso o Cruzeiro usou Victorino, Montillo, Farias e Ortigoza. No campeonato mineiro, a legislação só permite três estrangeiros. Então, Farias foi cortado.
Foto de Wallyson de autoria de Jorge Gontijo. Do Magnata e Mancini, do Euler Jr, ambos linha de frente do EM.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.