terça-feira, 31 de janeiro de 2012

GILVAN FALA O QUE NÃO DEVE E LÊ O QUE NÃO QUER. CRISE ABERTA NA TOCA POR FALTA DE TATO DA DIRETORIA

Outro dia, em declaração pública durante entrevista coletiva na Toca da Raposa, o inexperiente e mal assessorado Presidente do Cruzeiro, Gilvan Tavares, rechaçou uma possível cobrança dos atletas – de um direito deles, diga-se de passagem – dos salários atrasados. Usou uma expressão irônica, imprópria de um dirigente: “Essa miséria que os jogadores ganham, se atrasar três dias, faz muita falta”.
Demorou um pouco, porém os atletas deram a resposta. Com certeza esperando que o pagamento prometido para o dia seguinte fosse feito e como não aconteceu entregaram uma carta à Imprensa rebatendo a ironia presidencial. Confira na íntegra:

“Estamos indignados com a declaração irônica do presidente (Gilvan de Pinho Tavares) sobre o atraso de salários.
Fomos completamente surpreendidos com a matéria publicada na página do Cruzeiro no globoesporte.com, principalmente porque até o presente momento nenhum atleta do elenco comentou sobre esse assunto publicamente, nem tampouco deixou de realizar os trabalhos propostos pela equipe técnica nesta pré-temporada, muito pelo contrário!
Estamos há mais de 15 dias concentrados realizando todas as nossas obrigações, focados em nosso objetivo para 2012 e entendemos a complicada situação que o Clube se encontra.
Sendo muito ou pouco, o salário é um direito de todo o trabalhador. Gostaríamos de deixar claro que independente da nossa insatisfação perante tal declaração, continuaremos cumprindo com nossas obrigações - com ou sem quitação de salário na data prometida. Ass: Atletas”

A liderança do movimento esteve com o capitão Fábio. Apesar de justa, não teve resposta dos dirigentes porque todos se esconderam. Com certeza, Gilvan deve lamentar profundamente não ter seguido o plano original de despachar Dimas Fonseca e chamar Alvimar de Oliveira Costa para a vaga de diretor de futebol. Aceitou calmamente a imposição de ZZ Senador, que queria mesmo Dimas na presidência. E aí Alvimar não aceitou e nem deixou. Os Perrelas andam trocando chumbos.

Um comentário:

  1. Marco Antonio Rocha31 de janeiro de 2012 13:37

    Flavio, confio na sua etica jornalistica(sobejamente demonstrada), para não permitir que colunistas "amigos" tentem explicar essa atitude BURRA e INCOMPETENTE do seguidor do Perrella, Gilvan Tavares.

    ResponderExcluir

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.