domingo, 18 de março de 2012

GALO APROVEITA O RECUO DO LEÃO E VIRA O JOGO NO ALÇAPÃO

Naquele estádio de pouco espaço, gramado ruim, bem que o Villa Nova poderia tirar a invencibilidade do Galo e acabar com sua campanha 100% no Campeonato Mineiro. Melhor, ainda, entrar no G-4, ocupado naquele instante pelo Tupi. Fez um bom primeiro tempo e até marcou com Eliandro, que sobrou livre na área, após chute forte de Alex Santos. Pelas condições do estádio, o jogo começou e terminou faltoso, comandado por um juiz pouco ligado nos acontecimentos, distribuindo cartões amarelos à vontade. Fraquíssimo o juiz Emerson de Almeida Ferreira. Deixou passar uma cotovelada feia de Escudero em Henik. Pra vermelho direto e atleticano já estava até amarelado.
No segundo tempo, outro erro crasso: pênalti em André, seguro na área por Paulo Roberto e o soprador não deu nada. Por isso o apreciador do futebol corre dos estádios. Falta de conforto, falta de condições pra bola rolar, futebol de baixa qualidade e arbitragem ruim.
O Leão urrou até os 22m quando Neto Berola entrou no lugar de Mancini que já havia assustado o bom goleiro Elisson em três faltas de bem longe. No intervalo, Cuca tirou Richarlyson e Escudero amarelados; fatalmente seriam expulsos. Entraram Triguinho e Wesley. Contribuiram bem na virada do Galo, não tanto quanto o recuo do Villa Nova que deixou apenas Eliandro na frente. Tiaguinho entrou no lugar de Francismar e não viu a bola. Será que vou me decepcionar de novo? Outro foguete molhado?
Numa jogada com Wesley, Berola entrou pela esquerda e empatou. Aos 38m, Rafael Marques pegou rebote da defesa do Leão e fez o gol da vitória: 2 a 1.
Convém destacar que pelo terceiro jogo seguido e a quarta vez no campeonato, o Galo assusta a torcida ao sair atrás no placar. Mostrou poder de recuperação, mas até quando?
O Guarani conseguiu sua segunda vitoria espetacular no campeonato. A primeira contra o Cruzeiro, na Arena. A outra neste domingo. Derrotou o Uberaba por 2 a 1, de virada, no Estádio Uberabão, e chegou aos dez pontos na classificação. Assumiu a quarta posição do Campeonato Mineiro. Essa foi a segunda vitória seguida do clube de Divinópolis. Na rodada anterior, o Tamanduá superou o Democrata-GV por 3 a 1. Na estreia do técnico Paulo Cezar Catanoce, o Uberaba chegou a sair na frente, com um gol de Araújo, aos 22 do segundo tempo. O Guarani reagiu com gols de Leo Medeiros, aos 24, e de Alex, aos 44.
No próximo sábado, às quatro horas, o Guarani joga em Juiz de Fora, contra  o Tupi, concorrente direto à vaga na semifinal.
Já o Uberaba só volta a jogar na segunda-feira, dia 26, contra o Nacional, em Nova Serrana. Com cinco pontos, o Zebu corre risco de rebaixamento ao Módulo II.






Rafael Marques comemora o seu gol da virada do Galo sobre o Leão ( Foto de Marcos Michelin/DA -EM)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.