sexta-feira, 2 de março de 2012

NOS PÉS DE MONTILLO E NAS MÃOS DE FABIO O CARGO DE MANCINI.

Se depender de esquema tático ou de uma boa formação de equipe o Cruzeiro terá as dificuldades atuais pra derrotar o aguerrido América-TO neste sábado na encalorada Sete Lagoas. Nem se pode afirmar que os azuis terão o apoio de sua apaixonada torcida, desanimada com a incompetência da Comissão Técnica, a paradeira da cartolagem e a falta de expectativa quanto ao futuro do time.
A torcida só pode acreditar no futebol de Walter Montillo, nas defesas milagrosas de Fábio e em algumas intervenções do uruguaio Victorino. E qualquer coisa do Roger, se estiver com motivação.
Aliás, dona Deborah Secco tem dito nas suas entrevistas que em julho muda pra Porto Alegre, cidade que ama e adora. Com o maridão a tiracolo.
Cruzeiro e América-TO se enfrentaram quatro vezes, nos campeonatos de 2010 e 2011. Os azuis venceram todas, aqui e lá. Na semifinal do Estadual de 2011, golearam o Dragão do Mucuri, no Estadinho Nassri Mattar, por 8 a l. Na volta, enfiaram outra sonora goleada: 5 a l, na Arena do Jacaré. No final, o Cruzeiro foi campeão. A torcida saudosa afirma: “bons tempos”.
Mancini comandou apenas um coletivo na semana e definiu – coisa mais que óbvia – pela escalação de Roger ao lado de Montillo, na armação. O resto será aquele de sempre.
Nesse treinamento o pouco caso com os atletas que não vieram na lista da ação entre amigos e mais o menino Élber, pedido pela torcida, nem treinaram. Desprezo total sob os olhares complacentes dos diretores.
Querem um motivo maior pra dispensar o técnico. Mandem logo embora. Ou então dispensem Cribari, Jackson, Élber e Fábio Lopes desprezados por Mancini.
ENQUANTO O VILLA NOVA comete a besteira sem tamanho de demitir o treinador Wellington Fajardo, cujo trabalho a gente pode conferir contra o América e deu nota oito, o Cruzeiro anda a passos de cágado ( por favor acertem o acento!) e mantém Vagner Mancini e sua ação entre amigos. Apesar de o tempo suficiente que teve este ano Mancini não montou sequer uma equipe razoável na Toca.
Já Fajardo conseguiu a quarta posição pro Leão e o manteve invicto até o jogo contra o América. Ou a cartolagem de Nova Lima decidiu jogar a culpa da bela virada do Coelho em cima do Wellington?
Esqueceram de valorizar as mudanças promovidas por Givanildo de Oliveira, a qualidade dos meninos do América, e os gols perdidos pela dupla Robson e Eliandro. Dizem que o pau quebrou no vestiário após a partida entre Wellington e Eliandro que não gostou de ser substituído, desacatou o treinador na saída e foi tirar satisfações com ele nos vestiários. A diretoria desmente que o desentendimento do treinador com o atacante Eliandro depois da partida tenha sido o motivo. Se foi por causa do futebol, tem gente lá com não entende nada do riscado.
Em quatro jogos no Estadual, Wellington Fajardo teve duas vitórias, diante de Guarani, na estreia, por 2 a 1, e América-TO, na terceira rodada, pelo mesmo placar, e um empate contra Uberaba, por 2 a 2, além da derrota para o Coelho por 2 a l.

OLHA OS HOMENS DOS TABUS AÍ, GENTE! Segundo os estatísticos e caçadores de tabus, fazer gols não é obrigação do pessoal da defesa. Porém, em outros times a turma lá de trás tem ajudado bastante o pessoal da frente. Sem esquema, ou jogadas ensaiadas, no Cruzeiro zagueiro fazer gol é coisa rara.
Há dez meses, ou seja, antes mesmo de Mancini chegar, a defesa do Cruzeiro tenta apenas evitar – sem muito sucesso – gols adversários. Nem jogador da retaguarda celeste marcou gol, revela o pesquisador do Superesportes. E tem mais.
“ A última vez em que isso aconteceu foi no segundo jogo da semifinal do Campeonato Mineiro, em goleada por 5 a 1 sobre o América de Teófilo Otoni. Naquela partida, disputada em 1º de maio de 2011, o zagueiro Edcarlos, que já deixou a Toca da Raposa, marcou dois gols”.
“Desde então, os defensores cruzeirenses vivem um jejum de 47 jogos. Em 2010, laterais e zagueiros passaram em branco em todo o Campeonato Brasileiro.”
Tropa de incompetentes!

OLHA A CHUTAÇÃO AÍ, GENTE! Meu amigo Alexandre Kalil não tuiutou. Nem confirmando, nem desmentindo. Portanto é especulação fajuta. O Atlético estaria trazendo o meio-campo chileno Matías Fernández, do Sporting, por 6 milhões de euros. A informação teria sido do jornal La Tercera, de Santiago. Para a imprensa portuguesa, o Banco BMG do Dr. Ricardo Guimarães estaria numa parceria com o Galo. Meio a meio? Ainda assim é grana que não acaba mais. Se Kalil confirmar a transação em andamento, acredito que ela saia. Fernandez tem contrato até junho/13 com o Sporting de Lisboa..

ESTE AFONSO É MADEIRA DE DAR EM DOIDO. Veja a mensagem que ele me enviou, transcrevendo o convite que fez á Assessora do Extraordinário ( creio ser da Secopa, afinal não existe ninguém extraordinário nesse governo do dr. Anast-azia).
“Flávio estou lhe mandando o e-mail que enviei a assessoria do Extraordinário para comparecer ao meu programa. Mas pelo visto, a turma lá não tem muita coragem de enfrentar a gente. Um abraço.Afonso Alberto”.
DE:
Data: 1 de março de 2012 11:28:21 BRT
Para: alexandra.gonzaga@copa.mg.br
Cc: Afonso Alberto
Assunto: Convite
“Quando vcs vão mostrar a cara criando coragem para enfrentar um programa de uma hora de duração ao vivo comigo no comando falando sobre Copa do Mundo, Mineirão e as lambanças que estão sendo feitas no Independência? Secretario, justifique a sua secretaria se não quem vai ficar mau é o competente Governador Professor Antônio Augusto Anastásia. Secretario, se o meu convite não chegou ao Sr. demita a sua assessoria porque ela é incompetente e o prejudica. Acorda, Secretario”.
Resposta: nunca vi convite mais louco. Você pensa que desta forma o homem aparece por lá?

SOBRE O CLÁSSICO DE DOMINGO E SOBRE A ARENA DO JACARÉ escrevo na próxima Trincheira, segunda-feira. Afinal, estarei in loco, com absoluta mordomia sem ônus pro Dr. Ricardo Raso, além de sua gentileza em vir buscar-me em casa e encaminhar-me à Arena.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.