domingo, 27 de maio de 2012

GALO JÁ BOTA TORCIDA NA ROTA DE CONFIANÇA DO TIME



A parte da torcida alvinegra que se recusava acreditar nas possibilidades do Galo de fugir até mesmo daquela disputa vergonhosa pra não cair começa a mudar de opinião. Não deve iludir-se com a vitória apertada ( l a 0) sobre o Corinthians no Independência, belo gol de Danilinho, de nuca e de costas, no segundo tempo, mas não está impedido de comemorá-la. (Foto de Rodrigo Clemente - DA Press/Uai)

Ainda que seja arriscada qualquer previsão neste momento, por se tratar apenas da segunda rodada do Brasileiro, um fato importante se fundamenta com a vitória sobre o campeão brasileiro: o Atlético não é este timezinho qualquer que os críticos acentuam. Principalmente, os que não amarram os burros nas mesmas estacas do presidente Alexandre Kalil.

Portanto, não descarte, meu Bom, a possibilidade de o Atlético – terceiro colocado atualmente, com 100% de aproveitamento – manter-se na disputa por vaga no G-4. Como qualquer outro time da competição no mesmo parâmetro da equipe de Cuca.

No confronto desse domingo houve equilíbrio na marcação e na disputa em geral. Atlético e Corinthians fizeram uma partida fraca tecnicamente e os mineiros mostraram aquele erro de sempre, a falta de meia armador e do isolamento de André na frente.

As alterações realizadas por Cuca no segundo tempo, as entradas de Junior César e Escudero nas vagas de Dudu Cearense e Mancini, fizeram com que o time crescesse no segundo tempo.

No gol, Réver mostrou parte de seu talento com perfeito lançamento a Danilinho. Livre na marca do pênalti, o Baixinho não saiu do chão; de costas e de nuca, sem olhar encobriu o goleiro Cássio. Aos 19m do segundo tempo.

As reclamações contra o atendimento no Estádio Independência não param. Desta vez, porém, foi contra a falta de preparo da Polícia Militar em indicar as direções certas e implicar com a imprensa esportiva. São policiais despreparados e bravos, tipo tropa de choque.

A solução tem de ser da BWA. Colocar gente sua na orientação fora do estádio e deixar a PM à disposição apenas pra cuidar de arruaceiros e batedores de carteira, suas especializações. Pelo menos aqueles praças enviados ao evento.

O inimitável Mário Henrique, em suas explosões alvinegras, informava que o Galo assumia a liderança com seis pontos e dois gols de saldo. Esqueceu-se do Botafogo que acabava de vencer o Coritiba, no Paraná, por 3 a 2 e que o Vasco, no sábado, passou pela Portuguesa por l a 0. O resultado deixou o Galo em terceiro lugar com 100%.

No Olímpico, num jogo bem disputado o Grêmio reabilitou-se no Brasileiro ao derrotar o Palmeiras por l a 0, gol de André Lima, aos 26m do segundo tempo. No primeiro tempo, Léo Gago chutou um pênalti na travessão. Porém, o nível técnico do jogo foi igual ao do Independência. Bem abaixo do confronto em Curitiba, no qual o Fogão derrotou o Coritiba por 3 a 2.

Esta rodada, por mais cedo que seja, mostrou que o campeonato brasileiro deste ano está bem equilibrado e assim ficará até o final. Por exemplo: o Fluminense não conseguiu evitar o empate (2 a 2) diante do Figueirense. Ambos ganharam na primeira rodada, e em campo havia 15 desfalques. Nove no Flu e seis no Figueirense.

No seu próximo amistoso a Seleção Brasileira, nesta quarta-feira à noite, terá pela frente a dos Estados Unidos. Enquanto o Brasil vencia a Dinamarca por 3 a l, os USA enfiavam 5 a l na Escócia.

A partida será no FedEx Field, em Washington. Sem compromissos com o Santos neste meio de semana, Neymar e Rafael já desembarcaram na arrogante terra de Tio Sam e tiveram alguns problemas, como acontece com todo mundo.

Meu bom, isso acontece com os simples mortais, bem dito. De acordo com testemunha, Neymar e Rafael tentaram “furar a fila” da imigração, entrando junto com a tripulação do avião. Foram barrados.

Alguém tentou convencer o agente da alfândega que Neymar “é um astro do futebol brasileiro” mas a resposta foi dura: “o melhor jogador é o Pelé. Se não for o Pelé, não pode entrar na frente”. Bem feito. .







4 comentários:

  1. De nuca, Flávio? Sua tv tá com defeito.

    ResponderExcluir
  2. Minha televisão pode estar com defeito ou eu estou enxergando mal. Tudo vale. Pq o Mário Henrique e o chato do Mexe Remexe podem dizer que foi "des costas" - gozação deles claro - e de nuca? E eles estavam lá, Você implicou com eles, ô Mala?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não ouvi nenhum deles. Apenas li sua coluna e assisti ao replay do gol. Não tive o prazer de ver o jogo, como atleticano que sou.
      E como ateleticano que sou, acho que dos poucos cruzeirenses que comentam com isençao e sem ser comentarista chapa-branca, falando amém ara tudo que a diretoria do Cruzeiro faz e diz, é vc. Pô cara e vc me chama de Mala?

      Excluir

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.