sexta-feira, 25 de maio de 2012

MANO COMEÇA A PREPARAR O BRASIL DAS OLIMPIADAS CHEIO DE PROBLEMAS.




O maior deles é um dos melhores atacantes do mundo, Neymar. Apesar de suas péssimas atuações nos últimos jogos do Santos. A Jóia da Vila Belmiro está liberado para as semifinais da Taça Libertadores das Américas. Só se apresenta para os amistosos nos Estados Unidos. Seu companheiro de Ganso é outro desfalque. Além de passar por uma artroscopia hoje também está liberado.

Por causa disso, Mano Meneses inventou. O time para o amistoso deste sábado, em Hamburgo, na Alemanha, contra a Dinamarca, terá um ataque singular: Oscar, Lucas, Leandro Damião e Hulk. Na realidade, Oscar e Lucas ficarão com a incumbência de botarem os artilheiros na cara do gol. Mas como? Lucas é velocista e Oscar é meia atacante e não arma nada.

Também o zagueiro David Luis, do Chelsea, está fora dos amistosos; reclama dores nas pernas. Juan, ex-Flamengo, jogará ao lado de Thiago Silva. A provável escalação do Brasil é a seguinte: Jefferson; Danilo, Thiago Silva, Juan e Marcelo; Sandro, Rômulo, Oscar e Lucas; Hulk e Leandro Damião. Santo Deus, com este time treinado apenas por 30 minutos, Mano Meneses expõe o Brasil a tomar goleada dos dinamarqueses.

Este jogo faz parte da preparação do Brasil na busca do título que jamais conquistou: medalha de ouro. Serão oito jogadores com idade olímpica e a sequência de jogos inclui no território norte-americano contra o México, Estados Unidos e Argentina, com Lionel Messi e Cia. Melhor assim que enfrentar seleções fracas que apenas criarão falsas expectativas. Também podem colocar o cargo do treinador, agora sem apoio de Ricardo Teixeira, na beira do precipício. A Seleção Brasileira vem de uma sequência de seis jogos de invencibilidade.

AMEAÇAS DE MARIN

O presidente da CBF, José Maria Marin, conforme eu escrevi acima, tem dito que a avaliação da comissão técnica dependerá de resultados, em insinuações de que não há como ficar mais tempo esperando. Marin é claro: seu objetivo é ganhar a Copa do Mundo de 2014 e não apenas organizá-la.

BOA ESPORTE VOLTA A EMPATAR

O goleiro Max foi o grande nome do Boa Esporte no empate de 0 a 0 com o Guarani, no Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas. Como não venceu o Avaí na abertura da Série B do Campeonato Brasileiro, empate em 2 a 2, o Boa na realidade perdeu quatro pontos nesses dois jogos. No campeonato de pontos corridos isso conta bastante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.