quarta-feira, 18 de julho de 2012

E AGORA, COMO FAZER COM REVER E GUILHERME?



                                                   (Foto LeonardoDosimoni_gcom)

As pessoas, torcedores de futebol, evidentemente, gostam de procurar chifres em cabeça de cachorro. Se encontrarem, não é cão. É bode. E se der bode, abram os olhos porque água pro morro abaixo, fogo pro morro acima, mulher casada quando afim do homem da vizinha não há quem evite. Dá rola, rola mesmo. 
Longe das metáforas: vocês pensam que se Cuca tiver a falta de juízo de namorar a mulher do alheio, do seo Absurdo, e ela topar o funga-funga, será macho de botar Rever no lugar de Léo Silva, sem que dê tremendo bode junto à massa atleticana?
Eu hein, falastrão! O que é que tem uma coisa com a outra? Explico: Silva tem se saído bem como titular, e voltou a ser dodói da torcida. A Massa passa os olhos nele e quase dá funga-funga de amor platônico. Não mexam nesse grandão!
Porém, vale lembrar que antes a vaga foi tomada de Léo Silva por Rafael Marques, enquanto Werley andou por lá e Léo no estaleiro. Depois Rafael Marques despachou todo mundo. Léo voltou da longa recuperação e quando pensavam que seria foguete molhado, eis que ele danou a jogar bem, a fazer gol e balançou coreto do capitão Rever. Os fofoqueiros de plantão botaram lenha na fogueira: Rever tá doente nada, ele faz forfait pra não cumprir os sete jogos e ser vendido.
O capitão, gaúcho de têmpera, convocou coletiva pra botar os pontos nos iis. Meu Deus, hoje estou num abuso só de lugares comuns!
Rever não jogou quatro partidas, não fez falta, porque Léo Silva foi bem. Melhor assim.  Reserva à altura. Só que a vaga é dele. Se Cuca tiver dúvida em voltar com o capitão contrariará tudo que tem dito sobre titulares capazes. Rever ao tem mais nada que mostrar ao treinador e à torcida, além de que seu futebol de Seleção é pra titularidade do Atlético. Ponto final.
Eis o que afirmou Rever: “Fiquei chateado porque os doutores vieram aqui e falaram da lesão. Não teve negociação, estou feliz e não quero sair tão cedo do Atlético. Não sabia de nada e fiquei sabendo pela imprensa que o Atlético teria sido procurado pelo São Paulo, mas a mim não chegou nada. Sempre somos (jogadores) os últimos a saber, como o marido traído. Mas são pessoas que querem ver o circo pegar fogo. Estou feliz e quero fazer história aqui no Atlético”

O caso de Guilherme( foto) é diferente e muito mais esculhambado, especulado, xingado, que qualquer outro do elenco, exceto Richarlysson. Guilherme estourou no arquirrival e foi negociado cedo pra Rússia. Grande sacada do presidente Alexandre Kalil que não teve receio de enfiar um bom dinheiro – uma transação, ainda, a maior do clube, 6 milhões de euros, ainda que depois tenham vindo o goleiro Victor e o craque RG-49. Guilherme é feijão sem bicho. A Trincheira sempre destacou isso desde seus tempos de Toca. Seu talento é enorme. Tem visão de jogo, é artilheiro de gols bonitos e feios, porém de grande técnica, como o último que marcou diante do Criciúma.
Quase ninguém reparou este detalhe de fundamento. A bola veio do lado direito e Guilherme bateu nela de bate – pronto, peito do pé pra baixo, evitando que subisse. Normalmente, quem se arrisca finalizar nesses lances, criados pela direita, sendo destro, chuta por cima ou fura. Guilherme até chutaria de canhota, acredito, e faria o gol.
Mas a confiança do artilheiro nato, craque em aprimoramento, é do jeito que fez o gol.
Pergunto: e por que essa implicância de chinelinho com Guilherme? Por que a especulação de que é um jogador bichado? Joga duas e para quatro? Guilherme que conheço e vi nascer no júnior do Cruzeiro, que várias vezes eu cobrei a presença dele como titular, como faço agora com Elber, é moço de berço, educado, vocacionado e de boa presença diante das câmaras e microfones.
Pode ser moço de seu tempo, com sua ferocidade masculina – parece-me que até é casado – nada fora da responsabilidade como atleta. Creio que os 24 anos de agora o tornam vulnerável ao crescimento técnico, cujo destino é a Seleção. Falta-lhe o quê, além de uma chance na hora provável?

Não existe problema se as pessoas me julgarem pernóstico, arrogante, etc, etc. Em cima do muro não fico mesmo. Este elenco que o Cruzeiro tem armado, ou seja, troca pneu de avião em pleno voo, por mais que Celso Roth critique as contratações do início do ano, também não foi reforçado por indicação do atual treinador tão bem assim. Falta a chance da base, de gente nova que não e canse tanto.
Levo fé no “negão” que chegou do Málaga, da Espanha, emprestado por um  ano, pra ser o  volante titular. Deixemos claro, em outra situação Sandro Silva, com Amaral, e pra ser mais incisivo, até mesmo Pierre, do Galo, não seriam titulares no meu time, nem de botão. Não gosto de brucutus.
Contudo, como no caso do Galo e agora do Cruzeiro, as condições exigem um limpador de trilhos, nego forte, parrudo e que com o corpo feche a entrada da área. Essa marcação do meio-campo pra trás, arrumada por Roth, não serve de nada, muito menos de cobertura à zaga e aos laterais.   
Sandro Silva (foto) chegou pedindo tempo. Quer 10 dias. Tempo é exatamente o que os azuis não têm. Não sou de pitacar, sem apresentar solução ainda que não agrade a ninguém, exceto meus filhos, minhas netas, meus irmãos e meus falecidos pais.
Anote, ô cabeça dura treinador do Cruzeiro. Seu time é uma peneira e pra continuar nessa fase intermediária da tabela dando graças a Deus pela vaga, longe do descenso, deve ser escalado assim: Fábio, Léo, Donato, Victorino – se tiver em forma – e Mateus. Aí está a autêntica linha de quatro. No meio-campo, Sandro Silva, Charles. Tinga e Montillo; Elber e Borges ou WP-9.  Num 4-4-2.
Gostaram? Quatro becões lá atrás. Este negócio de ala precisa acabar logo. Lateral terá de lateralizar, ou seja, primeiro marcar. 
Viram quantos atacantes? Tinga, Montillo, Elber e Borges ou WP-9. Pra que mais?

Jogador repatriado, depois de anos no exterior, craque de seleção, imagina na volta ao seu País, antes “grande e bobo”, como gosta de escrever o excelente Eduardo de Almeida Reis, aporta pisando grosso, chutando a balde, pedindo tempo pra jogar visto a boa protuberância estomacal, produto das longas férias européias.
É o caso do zagueiro Juan. Acertou com o Internacional, posto que o dinheiro lá é tão bom quanto o da Europa – ou melhor – e não atrasa como no Flamengo, time que o revelou.
Até aí, tudo bem! Fez escolha certa. Mas pra quê sentar a pua no Flamengo e no pobre do Zinho? Diz Juan, 33 anos, que se sentiu desvalorizado pelo rubro-negro que não botou Zinho atrás dele.
“O Flamengo era minha prioridade, mas saí da Roma e Zinho não falou mais comigo”. Bela desculpa com grande zagueirão. 

De graça até injeção na cabeça, dizia meu saudoso Pai. O Palmeiras pode ter um reforço de última hora pro confronto contra o Coritiba, nesta quinta-feira, à noite na bela Curitiba. O atacante Obina assinou contrato até 31 de dezembro deste ano, e pode ser escalado se seu nome sair no BID.
O Palmeiras não pagará ao Shandong Luneng, da China, pelo empréstimo, e Obina virá com preço fixado se houver interesse do pessoal do Porco em comprar seus direitos econômicos. No início o Palmeiras pagaria cerca de US$ 300 mil (R$ 620 mil) aos chineses. O valor foi bancado por um fundo de investimentos que pretende iniciar parceria com o Verdão.
Ao saber da informação, Urso Bravo urrou na Toca, em que pese já ter-se redimido junto à torcida pela saída de Obina, ao trazer André – que pode ir embora – Guilherme e Jô. Num momento de mea culpa ano passado, ao se justificar de seus atos junto à torcida, numa coletiva, Alexandre Kalil disse que seu único arrependimento era ter liberado Obina.

O menino Denis teve seus 15m de fama na meta do São Paulo e agora, com certeza, não consegue dormir direito ao ver na manhã Rogério Ceni treinando forte e cada vez mais perto de voltar ao gol titular do São Paulo, recuperado da cirurgia no ombro direito.
Ney Franco não é repetir cordeirinho diante das legendas de qualquer time. Denis, Leonardo e Léo, os outros goleiros do São Paulo estão em boa fase de aperfeiçoamento técnicos. Será a melhor oportunidade pra Ney agir com a costumeira justiça como em casos similares.
Que dinheirão o Internacional vai botar no cofre, graças a  Oscar vencido ao Chelsea! O São Paulo tem rejeitado quase também uma fortuna por Lucas. Duas perguntas: será que o SP, clube revelador de Oscar, leva uns trocados na transação? Será que Lucas não forçará sua saída com tanto dinheiro em jogo?

                                            (foto de Rafael Ribeiro)
Oscar mal chegou a Londres e seguiu direto para a sede do Chelsea. Ainda no aeroporto de Heathrow, o jogador foi liberado pela seleção brasileira para ser examinado no clube inglês e finalizar os últimos detalhes da negociação. A imprensa britânica noticiou nesta terça que o Chelsea pagou £ 25 milhões (R$ 79,2 milhões) pelo brasileiro.

4 comentários:

  1. O Criciuma está na 2ª Divisão, o gol de Guilherme foi contra o Figueirense...

    ResponderExcluir
  2. Esse é o Flavio Anselmo velho de guerra!
    O campeão voltou, de peito aberto e soltando o verbo!
    Se me permite a ousadia precisa dar uma caprichada na revisão
    ou colocar alguem pra faze-lo, além de trocar figueirense, também
    colocou Kalil (velho urso) na toca!
    Tenho notado essas pequenas trocas com mais frequentes,
    com tantos inimigos raivosos, melhor não deixar buracos na defesa, não é mesmo?
    Abraço, continue rasgando o verbo!

    ResponderExcluir
  3. Também acho esse negócio de ala esquisito, se tiver um Maicon ou um Cafu tudo bém (mas quem tem?). No Cruzeiro andou +/- com o Gil como um *lateral* esquerdo e o Diego Renan (com cobertura) de 1/2 ala direito. Qual a necessidade de simetria? Se um lado tem (pelo menos +/-) e do outro não, que assim se use.
    Além disso lembro a forma que Saldanha montou o time de 1970, quem tem bola tem vaga, não importa muito a poisição "original" do cara.

    ResponderExcluir
  4. Pô, Rochael, grato pela correção do absurdo erro. É verdade MARCO PEIXOTO nessa dei milho a bode, munição aos desafetos. tenho momentos e dias de puro esquecimento e distração. Aguentem aí e me corrijam por favor. Abs

    ResponderExcluir

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.