domingo, 1 de julho de 2012

TIME IMPROVISADO DE ROTH ENTREGA LIDERANÇA E INVENCIBILIDADE


O Cruzeiro mal arrumado não conseguiu superar o São Paulo, no Independência,  perdeu a invencibilidade e a liderança do Campeonato Brasileiro. O tricolor paulista nem tomou conhecimento do estádio lotado e nem da posição azul no campeonato, enquanto ele saia de uma crise interna com a dispensa do treinador Emerson Leão.
Este filho de Dona Geralda cansou-se de alertar durante a semana que o treinador interino Milton Cruz sempre deu sorte quando veio a Beagá nessa circunstância. Só que eu, também, não contava com os erros individuais do Cruzeiro, desde o técnico Celso Roth que escalou mal e trocou mal, como as do zagueiro estreante Rafael Donato e do sistema defensivo, como um todo, bem fragilizado.
O São Paulo chutou quatro vezes no gol de Fábio e em três marcou, sempre no contra-ataque. Rafael Donato  surpreendeu como atacante e marcou os dois gols cruzeirenses, porém participou direta ou indiretamente dos três paulistas. 
E olha que Fábio ainda defendeu pênalti cobrado por Luiz Fabiano! Roth falou que o placar de 3 a 2 foi injusto. Que nada! A incompetência defensiva do Cruzeiro, do outro lado o São Paulo compacto na defesa, exceto nas bolas altas contra Rafa Donato. Se costurar os buracos que voltaram a aparecer na defesa, no jogo em Porto Alegre, sábado, contra o Internacional, haverá nova decepção. Luis Fabiano, Lucas e Jadson marcaram para os paulistas, enquanto Rafael Donato, de cabeça, marcou os do Cruzeiro. Além de tudo que perdeu, Roth vai ficar sem Wellington Paulista e Fabinho.
Rafael Donato muito nervoso nos minutos iniciais entregou o primeiro gol, aos 6m, pois se enrolou com uma bola cruzada pela direita, apanhou dela e Luiz Fabiano aproveitou pra fazer l a O. No entanto, ele se redimiu e marcou o empate um minuto depois, numa cobrança de escanteio Donato aparece na área e bombardeou Denis com fulminante cabeçada.
O São Paulo botou água na fervura, aos 15m. Victorino e Donato foram combater Luiz Fabiano na intermediária. Ficaram batidos. O Fabuloso tocou a bola pelo meio para Lucas, que driblou Everton e fez 2 a 1. Enquanto isso, os zagueiros cruzeirenses voltavam do meio-campo com aquela corridinha de urubu malandro.
O antes de fechar o primeiro tempo, o Cruzeiro perdeu Fabiano, por lesão séria; ele puxava bem os contra-ataques pela esquerda. Também por contusão, o São Paulo ficou em Rhodolfo. Roth colocou Souza. Time melhorou um pouco.. Os paulistas entraram com Paulo Miranda que foi bem.
Na volta do segundo tempo, Roth vestiu um santos e desvestiu outro: tirou Léo da direita e colocou na esquerda pra marcar Douglas e Lucas. Aí ficou a avenida pra Cortez entrar. Aos 4m, Cortez apareceu na cara de Fábio que fez grande defesa. No rebote, a defesa ficou olhando Jadson chutar e marcar 3 a l.
 Desesperado, o Cruzeiro partiu pra cima e marcou de novo com Rafael Donato. Cobrança de escanteio, Léo desviou e Donato, de peixinho, fez 3 a 2.Aos 12m Celso Roth tirou Charles e Wallyson.
Tristeza pura. Fora de forma, desinteressado, Wallyson só fez numero. Deveria ter entrado com o garoto Elber, rápido e que se mexe bastante. Ajudaria muito ao isolado e marcado Montillo. Time mais ofensivo e a defesa mais escancarada. Aos 18m, contra-ataque e Lucas é derrubado na área por Souza. Pênalti claro. Luiz Fabiano cobrou e Fábio defendeu, espalmando pra escanteio.
Motivado pela defesa de Fábio, foi atrás do empate.  Tinga desperdiçou duas grandes chances. Roth de paciência esgotada com ele, fez o pior: colocou William Magrão no seu lugar. 
E o garoto Elber? Continuou sentadinho no banco de reservas. Santo Deus, quando será que esses forasteiros irão entender que aqui, também, se pode colocar atleta da base pra jogar. Basta pedir licença ao BMG, ao Ricardo Guimarães e ao ZZ Senador, que são os dois reais da meninada dos juniores.
No desespero, Roth mandou Rafael Donato jogar na área. Sem jogo de cintura, sem traquejo, sem técnica, o becão fez figura ridícula lá no ataque. Mesmo assim, sofreu pênalti claro de Paulo Miranda que o juiz ignorou. Só em pelada a gente vê o que Celso Roth fez com o guarda-roupas Donato! Na foto de Douglas Magno/Vipcomm, Donato aparece ao lado de Montillo.

















Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.