quarta-feira, 29 de agosto de 2012

AMERICA DE VEXAME EM VEXAME TOCA A VIDA NA SEGUNDONA


Não dá pra acreditar numa recuperação do América a esta altura do campeonato. Quem esteve na liderança por tanto tempo e com gordura de sobra pra queimar agora despenca feito fruta podre não deixa boas perspectivas aos seus torcedores. O Coelho é nono colocado após levar de 3 a 1 do Ceará, em pleno Independência, e na próxima rodada pega o CRB, sábado, nas Alagoas. Outra parada de gerar calafrios na Avacoelhada. A esperança do treinador Marco Antônio Milagres é de que as novas contratações o atacante Ewerton e os armadores Marquinhos Paraná e Geovanni (foto de Juarez Rodrigues/EM), ambos ex-Cruzeiro, além das possíveis volta de Rodriguinho e Gilberto possam colocar ordem na casa.

Com a derrota pro Ceará o Coelho ampliou o jejum de vitórias. Já são três jogos consecutivos que não soma três pontos - antes também caiu contra o Ipatinga e empatou com o América-RN. Pois é, meu Bom, pra melhorar o astral o site oficial do clube anunciou mais uma contratação de veterano: o meia Geovanni, que rescindiu seu contrato com o Vitória.

Geovanni começou a carreira no Cruzeiro, em 1997. Ele atuou em apenas alguns jogos, mas fez parte do grupo que conquistou o Campeonato Mineiro. No ano seguinte, o meia ajudou o time na campanha de mais um título estadual e também levantou a taça da Recopa Sul-Americana. Na mesma temporada, o jogador foi emprestado ao América e disputou 15 partidas da Série A com a camisa alviverde.

A primeira rodada do returno não foi nada boa para os mineiros, exceto para o Ipatinga que conseguiu o empate de 2 a 2, no finalzinho da partida, contra o ABC, em Natal. Porém, o resultado não o tirou do G-4 do mal. O Boa Esporte chegou a vencer o Avai por l a 0, na Ressacada, mas permitiu a virada pra 2 a 1  e continua no meio da tabela de classificação. Seu próximo jogo é contra o Guarani, de Campinas, em Varginha, nesta sexta-feira.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.