domingo, 5 de agosto de 2012

AMÉRICA DISPENSA GIVANILDO E ACREDITA EM MILAGRES


Marcos Salum e sua claque buscaram o caminho mais curto e o mais preferido das diretorias: dispensaram Givanildo de Oliveira após a derrota por 3 a 2, em Arapiraca, diante do Asa. Conforme minha bolinha de cristal previu na Trincheira, caso o América fosse derrotado e os outros resultados não o ajudassem, levaria um tombo feio na classificação.

Pois é, quem foi líder com folga há dias, agora amarga o sétimo lugar, superado por  Criciúma, 35; Vitória, 32; Goiás, 29; São Caetano,  29 – menos um gol no saldo –, ocupantes do G-4, mais Joinville, 27; e América-Natal, também, 27.  O próximo compromisso do Coelho é, também, muito difícil: pega o Vitória, no Independência.

Sobre o novo treinador, o diretor de futebol Jair Albano Félix disse que não tem ninguém contratado. No jogo contra o Joinville, no Independência, a torcida fez coro por Milagres, ex-goleiro e atual treinador das divisões de base do América. Essa hipótese, não descartada por nenhum diretor, pode acontecer interinamente enquanto a diretoria sai à procura de outro técnico, num mercado pra lá de escasso.

Não foi ainda que o Tupi conseguiu sua primeira vitória na Série C e manteve-se na zona de rebaixamento do Grupo B. O time de Juiz de Fora jogou de novo no estádio municipal Mário Heleno e não passou do empate sem gols contra o Santo André, do ABCD paulista. A nova oportunidade de ganhar a primeira ocorre no próximo sábado quando enfrenta o Brasiliense, também em Juiz de Fora.

O Ipatinga levou aquela goleada de 6 a 0 do Goiás e manteve a casa bagunçada. Dispensou Flávio Lopes, contratado outro dia mesmo, e chamou Eugênio Souza, treinador revelado nas bases do Cruzeiro e ex-zagueiro celeste, pra botar a casa em ordem. Tá difícil! Coitado de Eugênio e de seu assistente técnico, o ex-jogador de Cruzeiro e Atlético, Donizete Amorim. A estreia de ambos será contra o Bragantino nesta terça-feira, em Bragança Paulista.

Nesta segunda-feira, o Nacional pega – Superesportes informa que será o Figueirense, mas este não pode, joga na Primeira Divisão – o Friburguense, acredito, pela Série D do Campeonato Brasileiro, em Nova Serrana. Na sexta-feira passada, o Guarani derrotou o Aracruz por 2 a 0, atuando fora de casa, e saiu da lanterna do grupo.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.