terça-feira, 18 de setembro de 2012

DESFALQUES TIRAM SONO SÓ DO TORCEDOR. CUCA JÁ TEM SUAS OPÇÕES


-Flávio, não gostei do time contra o Náutico; me pareceu cansado, pesadão. Será que foi apenas o calor? Aí passei a imaginar como será contra o Grêmio, muito mais forte, time bem melhor que o Náutico, mesmo com o jogo sendo no Independência – esta preocupação do torcedor Antônio Souza Pires, também conhecido como Tonico de Ibirité, resume o estado de espírito de muitos outros. Cuca terá a turma da Seleção de volta, mas não contará com Júnior César e Marcos Rocha, suspensos.
Na cabeça do treinador, meu caro Tonico, o time está pronto com Richarlyson na esquerda. Na direita ele tem dúvida entre Carlos César, Serginho – o principal candidato – e Michel, jovem da base. Não vejo porque tanta preocupação! Outro jogador suspenso é o Rafael Marques, mas aí retorna Leonardo Silva que não atuou e fez falta contra o Náutico.
O Grêmio trata-se de um adversário pra lá de complicado. Tem levado tanto a sério este período de jogos que se encontra concentrado em Atibaia, do jeito que Vanderlei Luxemburgo gosta. Os gaúchos têm 48 pontos e estão em terceiro lugar, atrás do Galo (51) e o líder Fluminense (53). Portanto, é um dos sérios candidatos ao título. Este é outro leão na vida de Cuca na busca do seu primeiro título nacional. Será tão ou mais difícil que o Náutico lá no Recife.

TORCIDA PEDE FELIPÃO JÁ

Não é essa a situação ideal, todavia o que se há de fazer. Com o devido respeito à pessoa de Celso Roth, contra a qual não se tem um respingo sequer, mas a cada hora cresce a pressão e aumentam as provocações sobre o técnico do Cruzeiro. Tudo porque o time não rende e suas incoerências não cessam. Se contra o Vasco ele deixou Souza no banco e colocou Lucas Silva na lateral-direita na alteração de Ceará, agora como não poderá contar com Everton, suspenso, promete lançar Diego Renan na posição. Não seria nada ilógico o Diego Renan foi titular da posição por vários anos.
Só que contra o Vasco, foi cortado da relação até do banco. Aí, Ceará sem suas melhores condições físicas desde que aportou no Cruzeiro teve que sair. Diego Renan não estava no banco de reservas, apesar de atuar pela direita e pela esquerda. Leandro Guerreiro, suspenso, e Sandro Silva, lesionado, também desfalcam o Cruzeiro. Então a briga entre Diego Renan e Marcelo Oliveira pela lateral-esquerda cessa. Ambos jogam. Diego na lateral e Marcelo no meio. Santo Deus! E o Cruzeiro não vence o São Paulo há oito anos.
Numa enquete feita por órgãos de comunicação a torcida exigiu a contratação de Luiz Felipe Scolari já. A diretoria teria feito contato com Felipão, porém as bases de um contrato superam as possibilidades do clube, atualmente.

VITÓRIA DA SUPERAÇÃO
Poucos meses após retornar aos gramados o atacante paraguaio Salvador Cabañas( na foto à direita)  foi campeão da terceira divisão de seu país com o 12 de Octubre. Baleado na cabeça no dia 25 de janeiro de 2010 em uma boate na Cidade do México, ele ficou mais de dois anos sem jogador futebo. Entrou aos 40 minutos da etapa final no triunfo por 4 a 0 sobre o 3 de Febrero no último domingo, que garantiu o acesso à Segundona, informou jornal local “La Afición”.
Foram 810 dias sem jogar profissionalmente, e sem entregar os pontos. Cabañas lutava contra as opiniões médicas que encerram sua carreira e retornou aos gramados em abril na vitória sobre o Martín Ledesma, por 2 a 0. Desde então, participou de 12 das 22 partidas da sua equipe neste período como titular e, em outras duas ocasiões, foi a campo após sair do banco. Seu maior mérito é a superação, aos 32 anos. 
No episódio que quase perdeu a  vida, Cabañas, à época no América-MEX, foi atingido na testa, e a bala se alojou na sua nuca. O jogador sobreviveu e, durante os últimos dois anos, foi submetido a intensa recuperação em clínicas especializadas de México, Argentina e Paraguai.

CLÁSSICO DAS AMÉRICAS

Compensa acompanhar este torneio só com jogadores que atuam nos países de origem,  em duas partidas, o tal Clássico das Américas entre Brasil x Argentina, a partir desta quarta-feira à noite, em Goiânia, tão-somente pra tirar algumas dúvidas. Por exemplo: funcionaria a dupla Luis Fabiano e Neymar? A camisa canarinho pesaria nos ombros do menino Bernard, ou ele ficaria apenas deslumbrado com a convocação? A dupla Rever e Dedé tem ficha pra ser titular na Copa do Mundo? E Marcos Rocha como se sairá na lateral-direita caso seja escalado?
O entusiasmo maior é do Fabuloso, que volta à Seleção Brasileira e sente-se em estado de graça por atuar ao lado da Jóia santista. No entanto, tem a concorrência de Leandro Damião, que goza de maior simpatia do treinador Mano Meneses. Luis Fabiano que homenageia Usain Bolt após marcar gol, garante que repetirá o gesto do arqueiro retesando o arco e flecha no estilo Bolt, ídolo olímpico.

ARGENTINA DECLARA GUERRA À CHINA!!!


José Calazans, narrador esportivo de sucesso em Goiânia, aqui em Beagá brilhou na Itatiaia e na Capital, colabora com a Trincheira com hilário email: “Após uma consulta popular feita na"Plaza de Mayo", a Argentina enviou uma mensagem à República Popular da China: "Chinos de mierda, maricones: les declaramos "Guerra": - tenemos 105 tanques, 47 aviones sanos, 4 barcos que navegan y 5.221 soldados".
O Estado chinês respondeu-lhes: “Aceitamos a declaração, temos 38.000 tanques, 16.000 aviões, 790 navios e 300 milhões de soldados."
Ao que respondem os argentinos:
-"Retiramos la declaración de guerra... No tenemos como alojar tantos prisioneros".

PITAQUEIROS DA TRINCHEIRA

Val Brito, do São Bento, torcedora do Atlético: “Ei Flavio, concordo com você; tem colunista que adora inflar o ego de jogadores, Bernard não decide jogo nenhum sozinho. Um time precisa de boa defesa, laterais, meio de campo e ataque pra funcionar. Por isso o Galo está no topo da tabela. Por falar em tabela, mesmo sendo atleticana fico triste em ver o futebol arrastado do Cruzeiro. Campeonato Brasileiro pra mim não resume em 3 pontos, gosto mesmo é do espetáculo”.

Rômulo Raimundo – BH –Editor do jornal Solidariedade: “Vergonha, a rede Globo em seu programa MG Esporte Clube:  a torcida do Cruzeiro encheu o estádio e a Globo mostrou só os gatos pingados da torcida  do Vasco. E terminou o programa mostrando a torcida do Vasco. Sabemos que o Bob e seu colega são atleticanos, mas a Globo deveria, primeiro,  cobrar imparcialidade dos dois e, segundo,  prestigiar os times mineiros. Ou, então, mudar o nome do programa”.
Mário Sérgio Carraro, Brasília, torcedor do Fluminense por herança: “Flávio, Victor tinha que ter sido expulso no lance do pênalti. Era o último jogador, foi driblado e era situação claríssima de gol. Saudações Caratinguenses”.
Resposta: E o Mário está coberto de razão!
Ernane Motta – BH – no blog: “Felipão é sim seria uma boa para o Cruzeiro. já que é um técnico vencedor, diferentemente da atual dentadura que ai está. Só que tem um problema, se vier o Felipão, esqueça do Alex talento. já que o mesmo guarda rancor do treinador pelo fato de ele não tê-lo convocado para a Copa 2002. Palmeiras e Curitiba sairiam na frente para ter o talento de Alex para o ano que vem”.
Resposta: Será que Felipão, treinador de R$ 700 mil mensais viria? Será que Alex Talento falando em encerrar a carreira no Coritiba viria?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.