segunda-feira, 15 de outubro de 2012

CORTE DE MARCELO FAZ MANO IMPROVISAR LATERAL ESQUERDO NA SELEÇÃO


Até na Seleção Brasileira, cuja convocação é ao bel prazer do treinador, a contusão de um atleta faz o técnico improvisar. No amistoso desta terça-feira, contra o Japão, Mano Meneses está em dúvida sobre o substituto de Marcelo, do Real Madrid, lesionado no treino de domingo e ameaçado de só voltar ao futebol ano que vem. Mano está entra Leandro Castan e Thiago Neves. No caso de Castan, zagueiro canhoto, a defesa ficará mais composta e de Thiago, meia-atacante, será invenção pura, que nunca seria usada num jogo oficial.  
Adriano, que tem atuado na direita, e Alex Sandro foram tirados da lista inicial por lesões e Mano não chamou ninguém. Errou. A intenção do treinador para o amistoso marcado às 9h10 (de Brasília), em Wroclaw, na Polônia, seria manter a base que goleou O Iraque, mas não será possível. Ramires, também, é dúvida.
Na frente, o quarteto que funcionou contra os iraquianos, Oscar, Kaká, Neymar e Hulk, será mantido. Desta forma, o Brasil deve jogar seu penúltimo amistoso do ano – ainda tem um a realizar em novembro, contra a Colômbia –, com: Diego Alves; Adriano, David Luiz, Thiago Silva e Leandro Castán (Thiago Neves); Ramires (Sandro), Paulinho, Oscar e Kaká; Neymar e Hulk.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.