domingo, 7 de abril de 2013

CAIU NO HORTO, TÁ MORTO: GALO NÃO PERDOA NEM O BOA


O Boa Esporte foi outra vítima do Atlético no Independência. Goleou de 4 a 0, mesmo sem contar com quatro titulares importantes: Ronaldinho Gaúcho, Rever, na seleção; Bernard e Diego Tardelli machucados.
Luan, substituto de Bernard, brilhou tanto quanto o titular. Marcou duas vezes e infernizou a defesa do time de Varginha com velocidade e dribles.
Outro destaque que manteve sua excelente fase foi Jô, autor dos outros dois gols do Galo.
Porém, o dono da partida, realmente, foi Guilherme que nem gol fez. Simplesmente deu a qualidade de passe que o time mantém com RG-10 em campo. Guilherme não errou um passe sequer e colocou várias vezes os companheiros na cara do gol adversário. Na foto de Juarez Rodrigues - DA Press/EM - Luan comemora seu segundo gol 
A partida marcou a 13ª vitória seguida do Galo na temporada, sequência iniciada após a derrota para o Cruzeiro, na reabertura do Mineirão, por 2 a 1. A briga entre os dois pelo primeiro lugar mantém-se na diferença de um ponto em favor do Cruzeiro. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.