sábado, 6 de abril de 2013

ENFIM BRASIL DE FELIPÃO VENCEU. LONGE DA ALTITUDE BOLÍVIA É CACHORRO MORTO

No primeiro tempo, Ronaldinho Gaúcho e Neymar ditaram o ritmo contra o fraco time da Bolívia, que na disputa das eliminatórias sul-americanas é a última colocada, levando o time de Luiz Felipe Scolari, só com jogadores que atuam no Brasil, à sua primeira vitória sob o comando do novo treinador.

O placar foi de apenas 3 a 0 nesse período, mas poderia ser maior. RG-10 participou das principais jogadas.

A Bolívia não teve a vantagem da altitude neste amistoso, que rendeu bom dinheiro porque o Estádio Ramon Aguillera, de Santa Cruz de la Sierra estava lotado. Se falou que a renda seria pra família de Kevin Espada, o garoto morto em Oruro. Porém, a Conmebol e a CBF informaram que a renda seria dividida em três partes.

Os cartolas não deixam de levar o seu, claro.

No primeiro gol, foi ele quem roubou a bola no meio-campo e a entregou pra Jadson. O volante Jean, adaptado por Felipão à lateral direita, apareceu livre pela ponta. Recebeu a bola e cruzou forte, rasteiro. O artilheiro Leandro Damião empurrou pras redes.

No segundo gol, tabela genial pelo meio entre Neymar e RG-10, que devolveu a bola ao santista, sem olhar pra ele e o colocou na cara do gol. O toque final do Joia foi perfeito, por cima do goleiro. Brasil, 2 a 0.

No terceiro, Ronaldinho enfiou a bola pra Jadson pela ponta-direita e ele cruzou na medida pra Neymar que entrava livre pela ponta-esquerda: Brasil 3 a 0, resultado final da primeira fase.

Felipão tirou vários jogadores, entre eles Neymar, Ronaldinho e Jadson. O time caiu de produção, mas mandou na partida. Só no final, entretanto, marcou o quarto gol, fechando a goleada, após a troca de passes entre Osvaldo e Paulinho pela esquerda e a bola chegou ao palmeirense Emerson, livre,  na direita. Brasil 4 x 0.

 

 



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.