sexta-feira, 5 de abril de 2013

FIFA TOMA O BRASIL DE ASSALTO. SÓ ELA MANDA AQUI


 

Chegou o momento do nosso Ministro do Esportes ameace devolver o chute no traseiro do futebol brasileiro, conforme falou há tempos, o secretário geral da Fifa. Na época, o Ministro soltou os cachorros e a presidente Dilma teve que intermediar a paz. Agora a Fifa proíbe que o governo de Brasília coloque o nome de "Mané Garrincha" no estádio local onde se jogará a abertura da Copa.

 

Não se pode aceitar qualquer justificativa além da intromissão indevida da entidade privada nas determinações de um governo estadual no País. Diz a Fifa que se o Estádio se chamar "Mané Garrincha" atrapalhará o negociado com patrocinadores da Copa e, portanto, não haveria jogos naquele local. Durma-se com uma zorra dessa, meu Bom!

 

GOIANO MANDA NO APITO

 

O ex-árbitro goiano Antônio Pereira da Silva, por sinal gente boa, mas na sua época como apitador era um tremendo vaselina, assumiu o comando da arbitragem nacional. Substitui Aristeu Tavares que saiu em fevereiro.

 

ABRE O OLHO KALIL

 

A CONMEBOL prepara um golpe no Atlético por causa dos acontecimentos no Independência, após o jogo contra o Arsenal. Os cartolas da entidade esperam a chegada do relatório do delegado do jogo. O secretário-geral da Conmebol, o argentino José Luiz Meiszner, baixou o pau na PM mineira, "e alegou que o ocorrido foi um caso de má aplicação  das medidas de seguranças". Já anunciou que medidas serão tomadas.

Pergunto: sobrará pra quem? Claro que pro Galo, o melhor time da Libertadores, em briga com o argentino Velez Sarsfield pelo primeiro lugar geral. Pra Polícia Militar de Minas Gerais, que agiu dentro dos conformes, é que não vai – e nem pode – sobrar nada.



Flávio Anselmo
Email - fanselmo@msn.com
Twitter: @fganselmo
Facebook: Fanselmo Fanselmo
Blog:    flavioanselmo.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.