quarta-feira, 24 de abril de 2013

FMF BAGUNÇA SEU PRÓPRIO CAMPEONATO. CÉUS!


Periga eu estar aqui a criticar o imbróglio que aprontaram nas semifinais do Campeonato Mineiro e a medida já ter sido derrubada por outros caminhos.
No entanto, a decisão do Presidente do Tribunal de Justiça Desportiva da FMF em adiar a rodada deste final de semana, a pedido da procuradoria do órgão, é a mais correta.
 Por autorrecreação, FMF, clubes e Rede Globo decidiram tirar os jogos do interior trazendo pra Capital.
Villa Nova x Cruzeiro, Tombense x Atlético, originalmente, estavam marcados pros seus currais - estádios pequenos, apertados e que têm capacidade pra pouca gente, não me interpretem mal, por favor.
No instante em que os mandantes, ou aceitantes , toparam mudar seus mandos pra jogarem no Independência, ou Mineirão, atrás de grana, feriram a lei desportiva. Ela proíbe inversão de mando de campo.
 Só o jurídico da FMF não sabia disso.

AGORA VEM REMENDO

A confusão já está posta. Daqui pra frente tudo será remendo. O torcedor mais uma vez ficou grilado: os jogos serão ou não realizados? Adquiro ou não o meu ingresso? Vou pra onde: Independência ou Castor Cifuentes? Tombos ou Beagá?
Sabem qual será o argumento dos cartolas: futebol é dinheiro, conforto, prazer e, por isso, é preciso atender os interesses dos clubes, ainda que fira mortalmente as leis do CBDF.
Ora bolas, se já sabiam que inverter mando de campo é proibido porque aceitaram - e assinaram - um regulamento que estabelece mata-mata nas semifinais, com um jogo na casa do mandante e outro na casa do melhor colocado?
O fato de o Villa Nova estabelecer dois campos de jogo - Nova Lima e Sete Lagoas - porém optar por Beagá, e o Tombense no início do certamente apresentar Ipatinga - a 300 k - de Tombos e agora BH já dá ao campeonato da FMF, comprado pelo Rede Globo, as características de um torneio de pelada, daqueles que se promovia nos campos de terra do Bairro Rodoviário em Caratinga. Profissionalismo de m. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.