segunda-feira, 29 de julho de 2013

CRUZEIRO PEGA FLUMINENSE SEM ABEL BRAGA ,DISPENSADO, E EM CRISE

Não sei se é bom, ou ruim, enfrentar um time sem técnico. Sendo Abel Braga, minha dúvida aumenta mais ainda. Se ele deixa o clube após dois anos bicampeão carioca e campeão Brasileiro, com um cartel de 217 partidas, 117 vitórias, 44 empates e 59 derrotas  aí é que prefiro guardar minha boca pra comer minha farinha.
Direis: sem Abel à margem do gramado, orientando com aquela sua garra costumeira, o Tricolor perde mais ainda seu norte, que já não acha há cinco partidas com derrotas.
Sei não! É costume no futebol os "entendidos" de plantão garantirem que na troca de treinador uma equipe se fortalece de imediato. Não foi o que se viu no São Paulo, por exemplo.
Numa rápida regressão, veremos que o São Paulo trocou Ney Franco por Paulo Autuori e não melhorou nada.
É, podereis afirmar: o Vasco trocou Paulo Autuori por Dorival Júnior e venceu duas seguidas.
 Coincidência! Não será pela queda de Abel Braga que o Fluminense se transformará - de um dia pra outro - num bicho medonho, capaz de meter medo no Cruzeiro nesta quarta-feira no Rio.

RAPOSA E SEU PROBLEMA

Aquela entrada covarde e desnecessária de Richarlyson no menino Mike causou o  maior dano que o Cruzeiro poderá ter nesta partida no Rio, na defesa da liderança do Campeonato Brasileiro. Se não joga Mike, o técnico Marcelo Pacote terá a alegria de manter o time que terminou o clássico goleando o Time Alternativo do campeão da América por 4 a 1. Bem sem fôlego, Ceará será o substituto de Mike. Apenas essa alteração.

TEMPO PRA JÚLIO

O novo reforço dos azuis, o volante Júlio Baptista conversou com Marcelo Pacote e pediu três semanas de prazo pra adaptação do Málaga pro Cruzeiro. É justo. Depois de tantos anos no futebol europeu, Júlio Baptista, que saiu daqui jovem, precisa de tempo pra reaprender as malandragens brasileiras.
A minha dúvida principal é sobre quem sairá pra Júlio jogar?
Tenho outras:  volante ou meia armador mais parrudo que a meninada que joga no momento, Júlio Baptista não tirará a movimentação e a velocidade da equipe? Jogará tão avançado como o preguiçoso do Diego Souza ou voltará pra compor três volantes com Nilton e Souza?
As especulações comem à solta na Toca da Raposa entre os cumprimentos ao presidente Gilvan do Pinho Tavares pela contratação do rapaz de 31 anos.

NEY OU LUXA?

Nas Laranjeiras  falam, também, em Cristovão Borges, atualmente com ótimo trabalho no Bahia. Enquanto esteve desempregado, ninguém pensou em Cristovão. Agora passam a assediá-lo, colocando minhocas na cabeça do moço.
 Porém, os nomes mais fortes são os de Ney Franco e de Vanderlei Luxemburgo. Espero que a cartolagem tricolor não reviva tal defunto!

RICK NA BERLINDA

O pontapé dado no menino Mike pelo raivoso cão de guarda atleticano e que mexeu até com a cabeça de Cuca - obrigou-o  tirá-lo do jogo porque amarelado fatalmente seria expulso -  também mudou o conceito do técnico do Atlético quanto à titularidade da lateral esquerda do time. Grande parte da Massa agradece a decisão do treinador: Júnior César volta à posição e Richarlyson vai esquentar o banco de reserva.

VOLTAM AS FERAS
Foto de Alexandre Guzanshe - DA Press e EM 

Inclusive Bernard (foto) estará de volta ao time do Atlético como personagem principal de mais um capítulo de sua nove "Vai ou desocupa a moita". A quem diga que na entrevista coletiva de terça-feira o Bambino de Ouro falou em tom de despedida. Mas há quanto tempo não tem sido assim? Pelo andar da carruagem o Urso Bravo só vai mesmo liberar Bernard no fim do ano.
Contra o Atlético "Furacão" nesta quarta-feira, no cemitério do Horto ninguém terá refresco. Cuca já decidiu que Rick perde o lugar pra Júnior César e o resto do time será aquele de sempre. Os dois Atléticos não estão bem na classificação o que torna a partida de vida ou morte. Mais de morte pro Furacão. Afinal, caiu no Horto...

NETO BEROLA

Outro assunto: Neto Berola que deixou o banco de reserva no clássico logo após Cuca fazer a terceira substituição. O atacante não gostou de ser ignorado até pro time B. Cuca ficou de conversar com ele.
Só que o risco de Berola receber cartão vermelho aplicado por Alexandre Kalil, sempre duro nos casos de indisciplinas, é grande.

ESCOLHA ESTRANHA

   Será que o estafe de Cuca pensa igual a ele? Com Maluf e Cuquinha.  Foto de Alexandre Guzanshe - DA Press-EM

Não gostei e parece que grande parte da torcida não gostou, também, de ouvir Cuca em sua entrevista coletiva destacar que o planejamento até o final do ano quando o Atlético disputará o Mundial inter Clube, em Marrocos, a Copa do Brasil deverá ser priorizada até o torneio mundial. Pergunto: a Copa do Brasil é mais importante pro Atlético que o Brasileiro?
Segundo Cuca, o Galo já tem lugar garantido ano que vem na Libertadores como campeão da última competição. Muito bem. Qual é o objetivo da Copa do Brasil senão levar o vencedor à Libertadores?
Ao Atlético restou no Brasileiro restou o título que vale tanto, na opinião dos torcedores, quanto a Copa Libertadores, ainda que pro Galo não lhe ofereça este benefício.
Estaria na Libertadores e, quem sabe, de sobra com o título Brasileiro que o clube não ganha desde 1971. A opção pela Copa do Brasil, que me desculpe o Cuca, vale tanto quanto trocar um fusquinha velho por um Mercedes zero.

DEU NO GLOBOESPORTE.COM
                 

MORTE NO CATAR   
                                          

O atacante equatoriano Christian “Chucho” Benítez, do El Jaish, do Catar, morreu na madrugada de domingo pra segunda-feira após sofrer parada cardiorrespiratória. A informação foi confirmada pelo clube árabe, que havia contratado o jogador do América, do México, há apenas três semanas.
De acordo com os primeiros relatos, Benítez, um dos grandes nomes da Seleção do Equador, começou a sentir dores na região do abdômen e foi levado a um hospital, com apendicite.Ninguém sabe porque morreu.
Eu, hein! O pessoal tarado pra jogar no Catar tome como exemplo essa triste morte de um rapaz sonhador.

THIAGO SILVA RENOVA

 O zagueiro Thiago Silva deu mais um passo pra se consolidar no PSG. Neste sábado, ele acertou renovação de contrato até 2018, recebendo aproximados 12 milhões de euros por ano.
Convertendo pro câmbio atual, este valor se aproxima dos R$ 3 milhões mensais, totalmente livres de impostos. Com isso, o Barcelona desistiu de vez da contratação do zagueiro brasileiro.

POR FALAR NO BARÇA

Neymar trabalhou no Barcelona pela primeira vez. O atacante se apresentou ao clube, fez alguns exames médicos e conheceu o técnico Gerardo Martino, contratado do Newell’s Old Boys na semana passada.

Martino, apelidado de “Tata”, reuniu todo o grupo no meio do campo 1 e fez um discurso inicial. Nele, o comandante falou sobre a preparação do plantel pra mais uma Liga, que começará oficialmente no dia 18 de agosto, contra o Levante. Neymar ficou o tempo todo encostadinho em Lionel Messi. Não é bobo este santista!

                      Foto de Pedro Figueira/Photocamera e Gustavo Granata - Agif


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.