quinta-feira, 24 de outubro de 2013

FOGÃO MASSACRADO POR FLA VAI DE ASTRAL BAIXO CONTRA O GALO





O Flamengo massacrou o Botafogo na Copa do Brasil. Como eu não via há muito tempo. Coisas do futebol! O artilheiro Hernani consegue atrair a bola como se tivesse imã nos pés. Seus chutes são mal dados e terminam nas redes adversárias. Marcou três gols na goleada de 4 a 0 sempre bem colocado ou com a bola triscando em todo mundo na defesa e sobrando pra ele na cara do gol. Cruzes!
Só não fez o quarto, no pênalti que sofreu e que provocou a expulsão do zagueiro Dória porque optou por homenagear o "capitão" Léo Moura, outro gigante no jogo e que aniversariava no dia; 35 anos.
O novato Jaime de Almeida, ex-técnico das divisões de base do Mengo, deu nó tático no veterano Oswaldo de Oliveira com uma escalação simples: Paulinho pelo lado esquerdo pra dar suporte a André Santos. Os dois liquidaram o Botafogo por aquele setor. Criaram todos os lances de gol de Hermane.
Fla aguarda decisão de Vasco x Goiás hoje à noite pra saber quem enfrentará nas semifinais.
Em Curitiba, num jogo dramático e violento, o Furacão passou às semifinais ao empatar com o Internacional em 0 a 0.
No primeiro jogo, em Porto Alegre, o empate foi por 1 a 1. O Furacão classificou-se pelo gol marcado fora. E enfrenta outro gaúcho: o Grêmio.
O time de Renato Portaluppi empatou em 0 a 0 com o Corinthians, na Arena gremista, lotada e venceu nos pênaltis por 3 a 2, graças às defesas do gigante Dida, especialista em defesas de pênaltis, aos 38 anos. Na cobrança final, Kleber bateu bem, sem chance pra Walter, do Corinthians.
Na sua cobrança, Alexandre Pato inventou, bateu fraco no meio da meta, e Dida pegou. A lambança de Pato pode custar caro pra ele e Tite. A torcida corintiana promete absurdos, como invasão do centro de treinamento e tirar satisfações com Pato.
Na Copa Sul Americana, depois da classificação da Ponte Preta, foi a vez do São Paulo, que passou os maiores apertos em Santiago do Chile, mas derrotou a Universidad por 4 a 3. Aloisio foi o nome do jogo, com dois gols, mas todos os méritos vão pra Murici Ramalho que mudou a cara do São Paulo.
No Recife, o Sport que já havia perdido por 2 a 0 em Assunção, de novo foi derrotado pelo Libertad, agora por 2 a 1. Está fora da Sul Americana e preocupado apenas com o acesso à elite.

ENCONTRO SENSACIONAL

Imagino como será o encontro entre Portugal x Suécia pela repescagem europeia. Pelo que jogaram Cristiano Ronaldo, autor de dois gols do Real Madri sobre a Juventus, na vitória por 2 a 1 pela Liga dos Campeões, e, principalmente, de Ibrahimovic, com quatro gols, no show do PSG, o bicho vai pegar.

Ibrha fez gol pra todos os gostos: de letra, de oportunismo e com uma bomba da intermediária, chute indefensável, uma obra prima. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.