terça-feira, 15 de outubro de 2013

TÁ ESCRITO NAS ESTRELAS: COELHO É INDIGESTO FORA DE CASA

Ninguém mais se surpreende com o América vencendo fora de casa. É uma coisa normal na campanha americana: empatar ou perder no Horto e vencer como visitante. Desta vez a vítima foi o Sport do Recife, lá na Ilha do Retiro, onde o leão pernambucano costuma urrar bem forte e alto.
O Coelho não ouviu o brado do Leão do Norte e apesar de levar 1 a 0, com o meia Marco Aurélio, saiu pro vira-vira.
Ainda no primeiro tempo, Ilsinho aproveitou uma bola lançada na área, antecipou a zaga pernambucana e empatou. No segundo tempo, só deu América e seu excelente meia Bady.
Bady completou a virada em 2 a 1 e quase no final, numa cobrança de falta ensaiada, marcou 3 a 1, placar final. O resultado, combinado com outros da noite, levou o Coelho ao quinto lugar com 47 pontos, bem perto do G-4.
O próximo compromisso do América será contra o Ceará, em Fortaleza,a sexta-feira.
Outro resultado excelente pro futebol mineiro foi a vitória do Boa Esporte, em Varginha, por 1 a 0 - gol contra o zagueiro Naldo - sobre o Joinville.

GRANA LIBERADA


Alexandre Kalil voltou ( foto de Rodrigo Clemente, DA Press, EM) de Brasília rindo à toa. Fez acordo com a Fazenda Nacional e definiu a situação do dinheiro bloqueado pela venda de Bernard ao Shakhtar da Ucrânia.
Segundo Kalil informou no seu twitter, o Galo deve botar a mão em 25 milhões de euros até o final de outubro.

POR FALAR EM GRANA

(Foto de Rodrigo Clemente - DA Press, EM e Superesportes)

O Internacional entrou na Justiça pra cobrar R$ 5,3 milhões do Cruzeiro relativos à transação de Dagoberto.  É dinheiro pacas pra futebol tão curto no momento.
O processo correrá na 17ª Vara Cível de Porto Alegre.
Tal informação tá no Portal Clic RBS, segundo informa o site Superesportes, que teria entrado em contato com o diretor de comunicação do Cruzeiro - logo quem! - e foi informado que o clube não comentaria o assunto.
Tem nada que comentar mesmo. Tem é que pagar. Já o presidente do Inter, Giovani Luigi, disse que "não falaria publicamente sobre questões íntimas entre os clubes".
Que resposta mais bonitinha e doce, gente!
A negociação envolve o total de R$ 7 milhões, que deveriam ser pagos em 12 parcelas. Pelo visto, o clube celeste deu cano em todas.
No Cruzeiro, Dagoberto disputou 32 jogos, marcou 11 gols e deu nove assistências. No momento anda numa preguiça de fazer dó.

É O QUE DISSERAM

Tonico de Ibirité - "Virtualmente, o  seu Cruzeiro será o campeão do Brasileiro, não tem como tirar dele aquela gordurinha macia, conquistada com muitos méritos...Mas, sem fanatismo...é muito bom ganhar do líder com um time desfalcado, tava difícil confiar na vitória do Galo contra aquele time completo, cheio de marra, poderoso!
Essa coisa de Horto pra mim é bobagem...nem vi tanta pressão assim...
O que gostei mesmo foi de ver o Galo vencer o virtual campeão ...dá um gostinho bom!!!"
Adilson Salgado - BH - Olá Flávio, velho conhecido de Caratinga. Acho que vc tem todo o direito de escolher o Atlético como seu clube preferido,  mas penso que deveria ser mais discreto nas suas crônicas jornalísticas. Às vezes vc exagera no seu amor pelo preto e branco.
O Marcelo tem sido muito alfinetado  e devo confessar que a princípio não gostei de sua contratação pelo Cruzeiro, mas tem feito um bom trabalho e merece mais crédito. Um abraço e boa sorte no lançamento de seu livro". 

ELIMINATÓRIAS EUROPEIAS

Os ingleses estarão na Copa do Mundo do Brasil. Confirmaram sua participação com a vitória sobre a Polônia por 2 a 0, em Wembley e terminar como primeiro do Grupo H. A Ucrânia arrasou San Marino por 8 a 0, porém terminou em segundo do mesmo grupo e terá de enfrentar agora a repescagem.
A Espanha, campeã do mundo, também, carimbou seu passaporte pro Brasil. Passou fácil pela Geórgia, no Grupo I, em Albacete, pelo marcador de 2 a 0. Os espanhóis precisavam apenas do empate.
Este resultado da Fúria, botou ventilador na farofa da França, que venceu a Finlândia por 3 a 0, gols de Ribéry, Benzena e Giroud. mas acabou em segundo no Grupo I e foi pra repescagem.Pode cruzar com Portugal nessa decisão.

LES BLEUS JOGARAM MENOS

Existe, no entanto, o seguinte piripato:  os franceses tentam mudar este critério da Fifa, porque a Seleção de Didier Deschamps disputou as eliminatórias num grupo de apenas cinco equipes, enquanto os demais tinham seis. E consequência pontuou menos que os demais segundo lugares.
França conhecerá seu adversário no confronto decisivo somente após o sorteio da próxima segunda. Antes, vai esperar o novo ranking da Fifa, nesta quinta-feira, para saber se será cabeça de chave no emparelhamento.

No momento, os Bleus estariam entre os “menos favorecidos” e poderiam enfrentar uma seleção como Portugal, Grécia, Croácia ou Suécia no duelo pela vaga na Copa, em novembro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.