terça-feira, 24 de dezembro de 2013

QUARTO REFORÇO CELESTE ASSINOU CONTRATO COM DOIS TIMES


( GloboEsporte.com) De posse de um pré-contrato de trabalho e outro de direitos de imagem, o Flamengo avalia as providência que tomará sobre o caso do volante Rodrigo Souza, anunciado pelo Cruzeiro na sexta-feira passada. A diretoria rubro-negra tem os documentos assinados pelo atleta em 20 de novembro, e o descumprimento prevê o pagamento de multa no valor de R$ 2 milhões. Rodrigo Souza, de 26 anos, foi um dos destaques do Boa Esporte na Série B 2013 e pertencia ao Sampaio Corrêa carioca. 
O empresário Fernando Garcia, o mesmo que colocou o ex-vascaíno Marlone na Raposa, comprou os direitos econômicos do atleta e o cedeu para o atual campeão brasileiro. 
Por enquanto, o Flamengo não se pronuncia sobre o episódio, mas ainda este ano os departamentos de futebol e jurídico vão começar a tomar providências. O clube pretendia contratar Rodrigo por empréstimo de um ano, mas viu o volante fechar com o Cruzeiro por quatro. 
O nome de Rodrigo Souza foi apresentado ao Flamengo pelo empresário Jorge Moraes, que também tem um contrato firmado com o atleta para agenciá-lo - segundo o agente, assinado em 20 de novembro. Moraes confirma que Rodrigo assinou com o Rubro-Negro, mas desistiu por considerar a oferta celeste melhor. O empresário também vai estudar que medidas tomar e critica a postura do atleta.
Foi falta de respeito dele comigo e com o Flamengo. Avisei a ele que o Flamengo tem os contratos e cabe ao clube buscar seus direitos. 
Jorge Moares, empresário
 - Fiz um trabalho com o Rodrigo desde a passagem dele pelo Madureira e também pelo Nova Iguaçu. Acabei valorizando o jogador, e ele não teve responsabilidade. Tinha que ter me procurado para conversar sobre isso, sobre a proposta do Cruzeiro. Poderia perguntar se o Flamengo seria capaz de cobrir a oferta. Quando houve a valorização dele, o Sampaio Corrêa-RJ aumentou o preço para emprestar o jogador, e o Flamengo concordou. Foi falta de respeito dele comigo e com o Flamengo. Avisei a ele que o Flamengo tem os contratos e cabe ao clube buscar seus direitos. Mais uma vez um grupo de investidores atrapalha um clube. Na minha visão, ele teria muito mais condição de fazer sucesso no Flamengo, com todo respeito ao Cruzeiro. Mas ele é maior de idade e tem de responder pelo que faz. Mas fiquei chateado - disse Jorge Moraes. 
Procurado pela reportagem do GloboEsporte.com, Rodrigo mostrou-se tranquilo e disse que não teme que o caso atrapalhe o negócio com o Cruzeiro. 
- Já está resolvido. Não vai ter problema nenhum, nem vai melar nada. Essa história com o Flamengo não dependia só de mim - disse, por telefone. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.