quinta-feira, 15 de maio de 2014

CUIDADO AGORA COM O BRASILEIRO

Eliminação considerada inesperada e prematura como essa que aconteceu ao Cruzeiro pode trazer efeitos colaterais indescritíveis. Em sexto lugar na classificação geral do Brasileiro, com sete pontos ganhos, a campanha azul é considerada razoável: foram apenas quatro jogos, sendo que em três deles, todos como visitantes, usou time reserva.

Na quinta rodada do Brasileiro, o Cruzeiro recebe um adversário perigoso, o Coritiba, às seis e meia da noite, neste sábado, no Mineirão. Só não poderá repetir "os equívocos, a infelicidade, e a falta de competência" que Marcelo Pacote Oliveira viu contra o San Lorenzo. Em qual desses adjetivos se encaixam ele e a sua Comissão Técnica?

Suas explicações teóricas esbarram num resultado prático. -Pacote definiu como apostas as entradas de Nilton e Marcelo Moreno como titulares e a mudança de função de Júlio Baptista. Até aí, tudo bem! Mas tirar o melhor passador da equipe apenas porque é jovem foi o fim da picada. Sem Lucas Silva, o meio-campo do Cruzeiro ficou totalmente perdido e entregue. Nilton e Júlio Baptista deram terra e apenas Moreno salvou-se nessa mudança.

Outra coisa terrível: o time considerado experiente, com a maioria dos jogadores acima de 30 anos, tremeu, ficou ansioso, aprontou uma correria desenfreada e levou o gol aos 9m por causa disso. Após o gol, perdeu-se inteiramente. Errou passes incríveis e não acertou nenhum chute a gol. Só no final, teve aquela bola do Moreno que andou em cima da linha, e bateu nas duas traves.

Marcelo tem muitas explicações a dar à torcida celeste. Por que abandonou sua fama de lançador de talentos, preteridos pelas estrelas em queda? Pressão de cima ou de empresários? Seria interessante que ele voltasse a pensar como antes, nos casos de Dedé, com Wallace na reserva; não mexer mais com Lucas Silva; arrumar logo espaço pra Maike, Alisson e Marlone, insistir com eles, como insiste com Júlio Baptista, Egídio, Ceará, Dedé e Borges.

GALO ATRÁS DE ROMERO
                                                                     
Enquanto pensa em novas piadas pra atazanar a vida dos cruzeirenses, o presidente Alexandre Kalil espera a resposta oficial do Cerro Porteño sobre o preço do atacante Angel Romero, revelação do futebol paraguaio.
Segundo o agente do craque, Daniel Campo, o interesse mais forte até agora é do Atlético. Qualquer proposta de empréstimo está fora de cogitação. O Cerro topa apenas negociar em definitivo.
Angel Rodrigo Romero Villamayor, um dos irmãos gêmeos do Cerro, tem 21 anos e joga pela Seleção de seu país. Foi eleito ano passado o Jogador Paraguaio do Ano, pelo Diário ABC Color. E o garoto é bom de bola, realmente.

Triste situação de momento do treinador Levir Culpi. nenhum dos 11 atletas entregues ao DM será liberado pra enfrentar o Santos domingo, na Arena Pantanal, pela quinta rodada do Brasileiro. Culpi está remoendo os miolos pra arrumar uma equipe. Que a torcida saiba que o Atlético não jogará mais na Capital. Até a parada pra Copa do Mundo, os jogos serão disputados no Ipatingão: contra Criciúma, no dia 25, e Fluminense, dia 28.

BELA DÁ TROCO


Fernanda Colombo (foto) pensa em processar dirigente do Cruzeiro, Alexandre Mattos. Afirmou que “há preconceito no futebol sim”. Em entrevista exclusiva à revista Marie Claire, a bandeirinha catarinense, 23 anos, que foi alvo de uma declaração machista do cruzeirense após erros de arbitragem em jogos brasileiros, credita a repercussão do caso e o julgamento negativo a sua beleza: “Fui crucificada por ser bonita”.
Abalada com a repercussão do caso, Fernanda até cogita entrar com um processo por injúria contra o dirigente do time mineiro. "O advogado da minha assessoria me informou que é cabível uma ação indenizatória, bem como um procedimento criminal por injúria”, disse em entrevista exclusiva por e-mail à Marie Claire.

AZAR DO AMÉRICA


O sonho de Moacir Junior e dos jogadores do América de passar pelo Bahia e seguir em frente na Copa do Brasil, durou até os 46m do segundo tempo. O Coelho fez 1 a 0, tomou o empate e como a primeira partida terminou em 0 a 0, estaria classificado pelo gol marcado fora de casa. Porém tomou a virada nos últimos minutos. Azar, né? Agora o América volta a pensar na Série B, porque enfrenta o Vila Nova-GO, neste sábado, no Horto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.