segunda-feira, 28 de julho de 2014

FIM DE ROMANCE ENTRE RG-10 E GALO – JÁ HAVIA UM ADEUS EM CADA GESTO, EM CADA OLHAR E EU, DEFENSOR SEM CAUSA , NÃO ACREDITAVA

Enderson Moreira, dispensado

 
 

GRAMADO – Rio Grande do Sul - Secretamente, Ronaldinho Gaúcho reuniu-se com o "papai" Alexandre Kalil, mais o diretor Eduardo Maluf  e o empresário do atleta, seu irmão Assis, r decidiriam pelo rompimento do compromisso com o Atlético já. Portanto, Ronaldinho Gaúcho não é mais jogador do Galo. A confirmação veio numa mensagem do próprio clube, informando, ainda, que o jogador dará coletiva na próxima quarta-feira, na Cidade do Galo pra falar do assunto.

Não tenho nada com isso, apenas lamento que as partes tenham feito tanto jogo de cena pra revelar o que já se sabia nos bastidores. Eu mesmo entrei na conversa fiada de Alexandre Kalil ao acreditar na revelação do presidente de que RG-10 cumpriria o seu contrato até o fim. Só podia acreditar mesmo em Kalil, porque jamais iria acreditar em Assis ou em RG-10 que só fala o que o irmão e empresário manda.

O elenco sabia da saída de RG-10, contudo apenas Jô teve peito de revelar o assunto na coletiva depois da derrota no Recife pro Sport por 2 a 1. Segundo ele, a forma como RG-10 despediu-se dos companheiros dava sinais de saída. O técnico Levir Culpi foi mais enfático e afirmou que RG-10 é um ídolo de todos nós, é carismático, mas é assim que funciona. Ele está de saída e vamos seguir sem ele", declarou Culpi.

A ausência de Ronaldinho no treino de sexta-feira passada e sua falsa viagem pra jogar no amistoso da despedida de Deco, na cidade do Porto,  no amistoso contra o Barcelona, não passou de despiste ; ele sumiu e Levir não reclamou nada. Coube ao diretor Eduardo Maluf dar o primeiro grito da diretoria, e o presidente Kalil o último. Como isso, RG-10 antecipa sua ida para América do Norte a fim de jogar e tentar consolidar o futebol (soccer) no solo americano.

Além da Recopa conquistada na última semana, Ronaldinho ajudou o Atlético-MG a conquistar o Campeonato Mineiro de 2013 e a Libertadores no mesmo ano. De acordo com o site Soccerway, o meia fez 85 jogos e marcou 27 gols pela equipe de Belo Horizonte.

 

POR BAIXO DO PANO

 

Na verdade, nem os gaúchos acreditam no Dunga como treinador da Seleção a Brasileira. Aqui em Gramado e em Canela, onde mantive maior contato com a gente gaúcha, todos não se inibem em dizer que Dunga foi bom jogador no Internacional e na Seleção porém como treinador do Grêmio foi fiasco total. Sob forte emoção de ver fracassar o projeto de Enderson Moreira, no Grêmio, os treinador do tricolor gaúcho, então entre Felipão e Tite, com maiores chances pra Tite.

Felipão mandou seu assessor de imprensa informar que gostaria muito de descansar agora, até o final do ano, disse fazendo charminho. Disse, também. Que, por ser muito amigo do presidente Fábio Koff, caso houvesse um pedido do cartola, examinaria com a maior atenção de ser treinador no Olímpico.

 

A VERDADE APARECE SEMPRE  e não adiantou nada o novo coordenar de seleções da CBF, Gilmar Rinaldi, afirmar que desde que assumiu o posto não tem mais nada a ver como empresários de jogador de futebol e que abandonara a profissão de empresário bem antes de ser chamado pelos cartolas da CBF.  Mentira, contestou esta aguerrida Trincheira outro dia. Rinaldi enfrenta várias pendengas judiciais contra clubes que lhe devem por vendas de atletas Segundo ele disse, tal fato não gera conflito de interesses. Depende, né?

O canal de esportes ESPN, através de seu site.com.br transcreveu a resposta de Rinaldi, por meio de seu advogado, Diogo Souza: - "Não há conflito, mesmo com ele

Enfrentando várias pendengas judiciais contra clubes que lhe devem por venda de atletas. A ESPN teve acesso exclusivo a um processo contra o Palmeiras e outros dois contra o Botafogo, todos da época em que o Rinaldi ainda era agente".


GRÊMIO DECIDE HOJE QUEM ASSUME no lugar de Enderson Moreira que pediu pra sair e não foi demitido, como foi  anunciado pela imprensa do Brasil. Foram 5 vitórias, 4 empates e 3 derrotas e 53% de aproveitamento. Enderson foi embora muito amolado. Aqui no Rio Grande dizem que Tite é o mais cotado pra assumir, porém penso ser jogada de Fábio Koff que quer, mesmo, é Felipão no comando do Grêmio que não ganha um título há cinco anos.

 

COELHO B VENCEU RAPOSA B num jogo-treino. O treino foi entre os reservas de Cruzeiro e do América, dentro dos preparativos de ambos pros seus próximos jogos nas Séries A e B do Campeonato Brasileiro. O Coelho venceu por 2 a 0, na toca da Raposa II com gols de Júnior Negão e Magrão. O meia Tchô foi o responsável por dar as duas assistências.

O Cruzeiro teve cinco desfalques. Recuperado de lesão no joelho, Alisson fez treino físico em outro campo. Elisson, Bruno Rodrigo, Júlio Baptista e Borges permaneceram no departamento médico. Por outro lado, o time contou com o retorno de Nilton, que treinou pela primeira vez depois de curar uma torção no joelho.

 

O AMERICA DESFALCADO, TAMBÉM: não tinha o meia-atacante Henrique, que ficou no CT Lanna Drumond aprimorando a parte física. Em contrapartida, Ricardinho e Diney foram as novidades no ataque. O último se livrou das dores na coluna que o tiraram das duas últimas partidas e figurou no banco de reservas.

O destaque do primeiro tempo foi o armador Tchô. Ele deu duas assistências para os gols do América. Aos 32 minutos, Júnior Negão recebeu lançamento de Tchô e completou para as redes na saída de Rafael. Aos 42, Magrão anotou o segundo tento do Coelho em chute da entrada da área.

Tanto Marcelo Oliveira quanto Moacir Júnior mexeram nas equipes no intervalo. No Cruzeiro, MaykUm jogo-treino entre reservas marcou o início das preparações de Cruzeiro e América para as Séries A e B do Campeonato Brasileiro. As equipes se enfrentaram na tarde desta segunda-feira, na Toca da Raposa II. O Coelho venceu por 2 a 0, com gols de Júnior Negão e Magrão. Tchô foi o responsável por dar as duas assistências.

 

O DESTAQUE DO PRIMEIRO TEMPO foi o armador Tchô. Ele deu duas assistências para os gols do América. Aos 32 minutos, Júnior Negão recebeu lançamento de Tchô e completou para as redes na saída de Rafael. Aos 42, Magrão anotou o segundo tento do Coelho em chute da entrada da área.

Tanto Marcelo Oliveira quanto Moacir Júnior mexeram nas equipes no intervalo. No Cruzeiro, Mayke e Willian saíram para as entradas de Eurico e Neilton. Do lado do América, Thiago Santos substituiu Diego Henrique.

O próximo compromisso dos azuis na Série A será sábado, contra o Botafogo, às seis e meia da noite, no Maracanã. No mesmo dia, pela Série B, o Coelho recebe o ABC no Estádio Independência, às quatro e meia.

 

CRUZEIRO 0x2 AMÉRICA

 

CRUZEIRO: Rafael; Mayke (Eurico), Manoel (Bruno Viana), Alex (Leo Boni) e Samudio; Willian Farias, Nilton, Tinga (Hugo) e Marlone; Willian (Neilton) e Dagoberto (Judivan). Técnico: Marcelo Oliveira

AMÉRICA : João Ricardo; Júnior Lemos, César Lucena, Renato Santos e Eduardo (Diego Henrique); Diego Henrique (Thiago Santos), Doriva, Magrão e Tchô (Lucas Silva); Júnior Negão (Rubens) e Ricardinho (Diney). Técnico: Moacir Júnior

Local: Toca da Raposa II

Gols: Júnior Negão, aos 32, e Magrão, aos 42 do 1ºTempo

 


 [B1]

2 comentários:

  1. Amanhã olharei para trás e direi: um mito, uma lenda do futebol mundial vestiu e honrou a camisa do Atlético.

    ResponderExcluir
  2. Dunga foi treinador do Inter, e não do Grêmio. E não foi um "fiasco total". Ganhou o gaúcho de 2013 e teve aproveitamento de 60% (52 jogos: 25V, 18E, 9D), o qual corresponde aproximadamente ao do quarto lugar do brasileirão desse ano. Ainda teve 77% de aproveitamento na seleção principal (60 jogos: 42V, 12E, 6D), ganhando Copa América de 2007 e Copa das Confederações 2009, e 89% na seleção olímpica (9 jogos: 8V, 0E, 1D). Não sou fã de Dunga, mas não gosto de injustiças. Reconheço que ele fez um ótimo trabalho como treinador por onde passou até agora.

    ResponderExcluir

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.