terça-feira, 26 de agosto de 2014

CRUZEIRO COMEÇA SUA CORRIDA ATRÁS DO QUINTO TÍTULO NA COPA DO BRASIL

 Campeão Brasileiro de 2013 e líder disparado atualmente da competição deste ano, o Cruzeiro estreia nesta quarta-feira no torneio em que é o maior campeão: a Copa do Brasil. Ao  lado do Grêmio, o Cruzeiro o time azul ganhou quatro títulos. A busca do quinto título começa contra o desconhecido Santa Rita-AL, mas nem, por isso, menos perigoso. A Copa do Brasil é pródiga em oferecer zebras e o próprio Cruzeiro já sentiu tal situação na pele. Em 17 participações, o clube celeste foi campeão em duas oportunidades invicto. Em outras duas vezes, o artilheiro do torneio foi um cruzeirense. O retrospecto fornecido pelo Superesportes, mais números e curiosidades,está em seguida: 
Número de participações: 17
Títulos: 1993, 1996, 2000 e 2003
O retrospecto:
113 jogos
58 vitórias
32 vitórias
23 derrotas

230 gols marcados (média de 2,04 gol por jogo)
108 gols sofridos (média de 0,96 gol por jogo)
Campanhas dos títulos:
1993: 5 vitórias, 4 empates e uma derrota
1996: 4 vitórias, 5 empates e uma derrota
2000: 8 vitórias e 5 empates (campeão invicto)
2003: 8 vitórias e 3 empates (campeão invicto)
Maior vitória em casa: 
Cruzeiro 7 x 0 Corinthians-RN - 2003
Cruzeiro 7 x 0 Sergipe – 2005

Maiores vitórias fora de casa:
Amapá 1 x 7 Cruzeiro – 1998
Rio Branco 0 x 6 Cruzeiro – 2012

Maior derrota: 
Goiás 4 x 0 Cruzeiro – 1990

LOCAL DEFINIDO - Nem o Estádio Rei Pelé, em Maceió, nem a arapuca da cidade Boca da Mata, a 70 km da Capital, sede do Santa Rita. O Cruzeiro jogará a segunda partida da Copa do Brasil em Arapiraca, no Estádio Coacary Fonseca, a que fica 62 km mais à frente. É o estádio utilizado pelo ASA de Arapiraca cuja fama no cenário nacional é disparada maior que a do Santa Rita, até então um desconhecido.
No entanto, este jogo só acontecerá dia 3 de setembro. na volta. É que primeiro o Cruzeiro precisa se preocupar com o Santa Rita aqui no |Mineirão, nesta quarta-feira, às sete e meia da noite. O Santa Rita só não quer levar uma goleada aqui e atrapalhar a renda da segunda partida. No ataque, tem Reinaldo Alagoano que jogou no Cruzeiro em 2008 e na defesa o beque Adriano, ex-Atlético. Cheio de marra, informou que jogou pelo Atlético entre 2004 e 2005 e enfrentou o Cruzeiro cinco vezes.Ganhou mais que perdeu: 3 a 2.

GALO FAZ ACORDO COM RECEITA.
Entre mortos e feridos salvaram-se todos. Depois de uma luta enorme contra a Fazenda Nacional, o Atlético conseguiu recuperar sua autonomia financeira e poderá ter dinheiro em caixa pra pagar os salários atrasados e outras dívidas. Alexandre Kalil , junto com Rodolfo Gropen, competente diretor de planejamento do clube, acertou, enfim, o acordo com o Leão. O Galo se comprometeu a deixar os R% 25 milhões da venda de Bernard presos pela Receita na conta do Governo, como entrada de um acordo da dívida total, cerca de R$ 270 milhões.
TOMBO NA DÍVIDA - Com o acordo, a dívida caiu pra R$ 190 milhões, no qual serão abatidos os R$ 25 milhões do Shakthar da Ucrânia.  e será dividida em 180 meses que representa 15 anos. Como estavam bloqueados, na realidade, R$ 36 milhões da venda de Bernard, sobram cerca de R$ 11 milhões que serão liberados pra diretoria atleticana cumprir seus compromissos e Alexandre Kalil respirar em paz. Os benefícios oferecidos pelo governo federal proporcionaram um abatimento de R$ 80 milhões. E mais, agora o Galo poderá negociar à vontade.
SUPER MARIO É INGLÊS - Mario Balotelli  quase escondido entre capotes, fugindo do frio de Londres, acompanhou a derrota do seu novo clube, Arsenal, diante do Manchester City nesta segunda-feira, pela liga inglesa.  A negociação vai render 16 milhões de libras (R$ 60,5 milhões) ao Milan. "Estou muito feliz. Nós conversamos muito sobre vir aqui, e agora estou feliz por estar aqui. O Liverpool é um dos melhores times aqui na Inglaterra, e o futebol é muito bom aqui. É um ótimo time com jovens jogadores, e é por isso que eu vim", falou o jogador que no Liverpool usará a camisa 45.
ENFIM UM CANTINHO - Após ser recusado por vários clubes brasileiros, Ronaldinho Gaúcho tá prestes a definir sua vida. O pé esquerdo tá fora e o direito tá dentro do Palmeiras, dependendo da palavra final do treinador Gareca. Pelo que consta, RG-10 não quer nenhum contrato longo, apenas até o final do ano pra aproveitar sua vida por aqui. Ano que vem, junto com uma turma de estrelas do passado irá jogar nos Estados Unidos, em uma nova tentativa de erguer o soccer na Terra de Tio Sam.
CRAQUE DE FORA - Na Copa do Mundo no Brasil o meia Di Maria teve atuação mais destacada que o seu compatriota Lionel Messi. Só que Messi fez gols e foi, equivocadamente, eleito o melhor jogador do torneio. No seu clube, Real Madrid,  Di Maria perdeu espaço e foi considerado dispensado. 0 Barça estava de olho nele, porém o argentino está optando pelo Manchester United. Está na Inglaterra acertando a transação.
OUTRO CRAQUE FORA - Outro craque que não pode brilhar na Copa do Mundo no Brasil por força de contusão foi o colombiano Falcão Garcia que joga no futebol francês. Seu clube, o Mônaco, cujo dono é um milionário árabe, no entanto que diminuir as despesas e anuncia que tem interesse em negociar o craque. Chelsea é o primeiro candidato.
ENQUANTO ISSO, NO BRASIL - A mais cara transação do Santos não tem dado certo e desceu da prateleira de cima pra de saída. É bem provável que Leandro Damião seja emprestado, visto que ninguém se interessa em comprá-lo pelo preço que o Santos pagou. O Milan, que se livrou de Balotelli, e o Benfica aparecem na relação dos interessados.
BOCA ABERTA NA BALADA - Pegou mal pacas a foto mostrada nas redes sociais do centroavante André dormindo, de boca aberta, na madrugada de domingo, numa boate de Beagá. Em condições normais, isso não seria nada de mais. Cada pessoa, no seu livre arbítrio faz o que bem entende de sua vida, como um jogador faz com a sua noite de folga. Sem dar satisfação a ninguém. No caso do referido atleta ele não tem justificado os R$ 350 mil mensais que ganha no Atlético e pelo que mostra em campo, sua má performance é fruto das baladas como esta flagrada no domingo de madrugada.
LONGE DAS REDES - Os donos das estatísticas calculam que a seca de Jô e de André já dura 1.500 minutos. Ou 25 horas. Então, a Massa ao ver a foto de André cai em desgosto profundo e cobra soluções urgentes. Por parte de Levir Culpi, a coisa se encaminha pra melhor solução: Diego Tardelli assume aquela função e dentro do futebol moderno tem condições de exercê-la melhor que os dois fracassados artilheiros.
Pelo que já foi mais do que dito a ideia não agrada ao craque que gosta mais de atuar pelos lados de campo, bem solto nas laterais. Levir terá de convencê-lo a mudar de atitude com o argumento de que ele ficará mais próximo da meta inimiga sem ser este tipo de "poste" que atrapalha mais que ajuda fixo no meio dos zagueiros adversários.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.