segunda-feira, 4 de agosto de 2014

DE VOLTA AO MUNDO REAL - QUE TRISTEZA QUE DÁ!

Após uma semana numa cidade limpa, cheirosa, bonita, de clima agradável, gente educada, onde se pode andar a pé a qualquer hora do dia e da noite, porque violência não entra lá, e o Distrito Policial fecha na hora do almoço, não abre aos domingos e fecha às oito da noite, diariamente. Eu estava em Gramado, na Serra Gaúcha. Curti adoidado. Já na volta ao inferno, tive um pega com um imbecil que cismou de encarar-me porque, ao tirar o carrinho do aeroporto da frente da porta do ônibus da Conexão, dei um passo à frente, de lado, na fila. O cara que já vinha me encarando desde SP achou que podia me dar uma dura. Me justifiquei e ele disse que eu queria ganhar no grito como faço na tevê. Eu o mandei à merda e já estava pronto pra pegar minha mochila, afinal, o cara tinha uns dois metros, quando ele abaixou a voz e afinou. Pensei comigo: que volta triunfal; quero retornar em definitivo pra Gramado. Estou aqui, como sempre.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.