quarta-feira, 17 de setembro de 2014

PACOTE, CUIDADO HOJE COM ESTE ATLETICO QUE VOCÊ CONHECE TÃO BEM

TAÍ UM JOGO que me faz tremer nas bases. Será preciso de uma dosagem maior de vontade do cabeça pensante da equipe, Everton Ribeiro e que Júlio Baptista use toda a sua experiência pra substituir bem um dos goleadores do Campeonato, Ricardo Goulart. Acima de tudo, paciência: da torcida, dos atacantes na cara do gol, dos zagueiros nas intervenções, notadamente o afoito Dedé, e estratégia de Marcelo Pacote Oliveira não mexendo no time aos 15m do 2º tempo, como sempre faz, pro bem ou pro mal, mas desnecessariamente.  Ainda que seja no Mineirão, este jogo contra o Furacão mete medo. Alguns analistas falam em queda momentânea do time de Pacote, só porque perdeu pro São Paulo, no Morumbi, e venceu APENAS por 2 a 1 o Bahia. Neste jogo teve tudo pra enfiar uma goleada nos bons baianos.  Vejam os dados do jogo abaixo:

Ficha Técnica do Jogo: Cruzeiro x Atlético

Cruzeiro - Fábio; Mayke, Dedé, Leo e Egídio; Henrique, Lucas Silva, Júlio Baptista, Everton Ribeiro e Alisson; Marcelo Moreno. Técnico: Marcelo Oliveira
Atlético-PR - Weverton; Sueliton, Cleberson, Gustavo e Willian Rocha; Deivid, Hernani, Marcos Guilherme e Bady; Douglas Coutinho e Marcelo.
Técnico: Claudinei Oliveira
Motivo: 22ª rodada do Campeonato Brasileiro
Data: 17 de setembro, às 19h30
Estádio: Mineirão
Árbitro: Marcelo Aparecido de Souza
Auxiliares: Marcelo Carvalho Van Gasse e Rogério Pablos Zanardo


CRUZEIRO X ATLÉTICO-PR


ESTATÍSTICAS

Jogos: 50

Vitórias do Cruzeiro: 19

Empates: 17

Vitória do Atlético-PR: 14

Gols do Cruzeiro: 79

Gols do Atlético-PR: 65

Saldo de gols do Cruzeiro: 14

 












CAMPEONATO BRASILEIRO

As equipes se enfrentaram 38 vezes pelo Campeonato Brasileiro, desde 1968. O Cruzeiro venceu 14, o Atlético-PR ganhou 10 e houve 14 empates. O Cruzeiro marcou 64 gols e sofreu 50.

Recordes do Campeonato Brasileiro:

- Maior número de pontos ganhos (100) – 2003
- Maior número de vitórias (31) – 2003


MINAS GERAIS
Cruzeiro e Atlético-PR se enfrentaram 25 vezes no estado de Minas Gerais, em Belo Horizonte (estádios Independência e Mineirão) e em Sete Lagoas (Arena do Jacaré). O Cruzeiro conquistou 11 vitórias, 8 empates e perdeu 6 jogos. A Raposa marcou 41 gols e sofreu 29. Pelo Brasileirão, em Minas Gerais, foram 20 partidas, com 8 vitórias da equipe mineira, 7 empates e 5 vitórias do time paranaense. O Cruzeiro marcou 32 gols e sofreu 22.


MINEIRÃO
Foram 20 partidas no Mineirão. O Cruzeiro ganhou 10, empatou 6 e perdeu 4, com 34 gols marcados e 23 sofridos. No Mineirão, pelo Campeonato Brasileiro, houve 16 confrontos entre as duas equipes, com 7 vitórias da Raposa, 5 empates e 4 triunfos do adversário, que fez 18 gols enquanto o time celeste marcou 26.


DECISÕES
Cruzeiro e Atlético-PR se enfrentaram em duas decisões. Em 1999, o Atlético-PR foi campeão do Torneio Seletivo da Libertadores, com vitória por 3 x 0, em Curitiba, e derrota por 2 x 1, em Belo Horizonte. Em 2002, o Cruzeiro foi campeão da Copa Sul-Minas com duas vitórias, 2 x 1, em Curitiba, e 1 x 0 em Belo Horizonte.


Marcelo tem pedido muita atenção da zaga e, principalmente, de Dedé. Egídio volta, o que dá uma tranquilidade a mais, porque é jogador da posição e Júlio Baptista substitui Ricardo Goulart, eu teria preferido alguém mais leve e mais rápido, time William. (Foto de Edésio Ferreira/EM-DA Press). 




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.