terça-feira, 19 de maio de 2015

TRIBUNAL DA CONMEBOL MANTEM PUNIÇÃO DO BOCA E PERFUMO, EX-ÍDOLO AZUL, AGORA COLUNISTA DO OLÉ, ESCULHAMBA CRUZEIRO


Cruijff, capitão da Holanda, e Perfumo, capitão argentino cumprimentam-se na decisão de 1978

PRATO QUE COMEU - Talvez eu pudesse afirmar que Roberto Perfumo, ex-zagueiro do Cruzeiro por quatro anos (71 a 74) esteja cuspindo no prato que comeu ao desancar o seu antigo time e o futebol brasileiro que rotula como o pior do mundo. Perfumo, que na época era considerado o melhor beque do mundo, revelou sua surpresa ao ver os azuis classificados para as quartas de final, com a vitória nos pênaltis sobre o São Paulo.

BOCA AZEDA - Claro que Perfumo, revelado pelo River Plate, tem direito de expor seu ponto de vista como quiser. Mas pegou firme na sua coluna no jornal portenho Olé. Ou foi dor de cotovelo, ou jogada pra intimidar os mineiros e botar mais lenha de otimismo na fogueira do River. Afirmou, também, que o desempenho do Cruzeiro na atual temporada é lamentável, e que o River deve portar-se como favorito durante todo o confronto de 180 minutos.

RIVER FAVORITO, GARANTE PERFUMO. -" O meu time enfrentará o Cruzeiro, uma das minhas equipes como jogador (quatro anos tentando jogar bem - e  jogou - tem registrado desempenho lamentável, como todas as equipes do futebol  de nossos vizinhos, atualmente, um dos piores do mundo.
HORÁRIO CORUJÃO  - Com um desempenho muito pobre, o Cruzeiro perdeu para o Huracán. Ele ganhou do horrível São Paulo, mas foi  surpresa.  Cruzeiro e River Plate iniciam a decisão por uma vaga na semifinal da Copa Libertadores nesta, às 10 da noite, em Buenos Aires.. O segundo jogo será no dia 27 (quarta-feira da que vem), no Mineirão.

GAUCHÃO TRÊS FACAS DE PELOTA NÃO RESISTIU PRESSÃO NO GRÊMIO E PEDIU O BONÉ. FELIPÃO TÁ DESEMPREGADO - Se Felipão pediu pra sair ou se o presidente do Grêmio, Romildo Bolzan mostrou de dedo em riste a serventia da casa, que a porta da rua, pouco a lamentar-se. Felipão arrastou o Grêmio pra uma crise complicada, com a sua arrogância, sua soberba de sabe tudo e a resposta da diretoria não poderia ser outra: "Professor, RUA!"

LUPI FAZ FESTA NO TÚMULO - Luiz Felipe não é mas treinador do Grêmio, e Lupicínio Rodrigues, torcedor gremista fanático - autor do belo Hino o Grêmio - "Até a pé nós iremos pra o que der é vier. mas o certo é que nós estaremos, com o Grêmio onde Grêmio estiver"., fez festa no túmulo, porque, certamente, esse não é o Grêmio que gostaria de ver no gramado do Olímpico.

ADEUS PAMPA MIA - E o Brucutu gaúcho, campeão mundial em 2002, carregava nas costas ainda, o fardo dos 7 a 1 que levamos da Alemanha, no Mineirão, quando foi convidado pra assumir o Grêmio. De lá até aqui, Felipão acumulou 51 jogos, com 26 vitórias, 12 empates e 13 derrotas. Aproveitamento de 58% O perigo de ele ficar disponível é ser chamado, de novo, pra Seleção Brasileira. Arre!

FAIR PLAY, COISA DE FRESCO - Imagino que Chicão, becão do time de Dom Lara, que jogava descalço e furava a bola com um bicudo pro alto, teria a dizer sobre o fair play, ou se o árbitro parasse  o jogo pra atender um falso contundido caído no meio-campo. Sua primeira providência já sei: "daria um telefone no atrevido árbitro que inventou uma falta contra seu time" e o segundo "seria levantar o machucado, acima da cabeça pra atirá-lo sobre o pessoal do banco de reservas". Mais ainda: chegava o dedo no nariz dos bandeiras e gritava pra toda massa torcedora do Dom Lara, em delírio, ouvir: "Futebol é pra homem; Esse tal de frerprei é coisa de veado". 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.