quarta-feira, 25 de novembro de 2015

Jornal argentino revela que Cruzeiro procurou diretoria do Godoy Cruz atrás de atacante


Leandro Fernandez é um meia goleador, do jeito que o Cruzeiro quer

A Imprensa argentina noticiou que o Cruzeiro sondou ao clube Godoy Cruz quanto valeria o passe do meia Leandro Fernández  que marcou 14 gols em 2015.Depois de destacar o interesse dos azuis na contratação do artilheiro Leandro Fernández, o jornal “Olé” informou que o clube celeste encontrará concorrência no mercado pelo atacante de 24 anos.
San Lorenzo aparecia como favorito para levar o ponta”, informou o jornal em matéria publicada nessa terça-feira. Cruz Azul, do México, e Gymnasia, da Argentina, seriam outros rivais na disputa. A diretoria cruzeirense, no entanto, nega que tenha procurado alguém para tratar sobre Fernández".
Fernandéz chegou ao Godoy Cruz em julho de 2014 contratado ao Defensa y Justicia, clube da cidade de Florêncio Varela, da Província de Buenos Aires. Em 2015, o atacante registra bons números na Argentina: foram 27 jogos, 14 gols marcados e duas assistências na Primeira Divisão do país.
Natural de Santa Fe, o jogador estreou no futebol profissional em 2009 e também já defendeu as cores de Tijuana, do México, Ferro Carril Oeste, da Argentina, e Comunicaciones, da Guatemala.

FABRÍCIO QUER FICAR NA TOCA DA RAPOSA 2

Aquele episódio de ofensas à torcida do Internacional foi motivadora da chegada de Fabrício(foto) à Toca da Raposa. No Cruzeiro, o lateral-esquerdo se afastou das polêmicas e encerra a temporada como titular. Para ele, " entre briga com torcedores colorados e afirmação no time celeste, 2015 tem saldo positivo".

Fabrício veio  emprestado gratuitamente pelo Internacional ao Cruzeiro até 31 de julho de 2016. Caso o clube gaúcho receba alguma proposta do exterior pelo lateral, o clube celeste é obrigado a liberar o jogador, a não ser que cubra a oferta imediatamente.
Embora tenha mais sete meses de contrato com o Cruzeiro, Fabrício já planeja prorrogar sua permanência no clube:
 “A minha prioridade é permanecer no Cruzeiro. O Cruzeiro tem essa força, já que vim de empréstimo. Isso é conversado entre o Cruzeiro e o meu empresário, mas tudo caminhará certo para eu permanecer”, disse.

Em 2015, o último jogo de Fabrício pelo Cruzeiro deve ser neste domingo, contra o Joinville, no Mineirão. Na rodada seguinte, a última do Brasileirão, o time celeste enfrenta justamente o Internacional. Assim, o lateral fica fora do compromisso em Porto Alegre. “É o último jogo aqui dentro. Não sei se poderei jogar contra o Inter, mas tenho de fazer um bom papel contra o Joinville”, comentou.

TRINCHEIRA - Não poderá, não, caro Fabrício. Existe um contrato entre Cruzeiro e Inter que impede você de jogar.

MURICI CADA VEZ MAIS PERTO DO GALO

Daniel Nepomuceno, presidente do Atlético, e Eduardo Maluf, cartola remunerado do clube, pararam de dar declarações sobre a vinda de Murici Ramalho(foto) e a permanência de Levir Culpi. Mas são fatos reais: Murici vem e Levir vai, talvez pro Internacional ou pro São Paulo.
Com vaga garantida na Copa Libertadores, o Atlético planeja desde já a temporada 2016. A grande indefinição tá em quem comandará a equipe. O presidente Daniel Nepomuceno não procurou Levir Culpi pra renovar o contrato. Enquanto isso, nos bastidores, o nome de Muricy Ramalho ganha força.
O último trabalho de Muricy foi no São Paulo. Ele deixou o Tricolor em abril deste ano. Experiente e vitorioso, o técnico, de 59 anos, já conquistou quatro vezes o Campeonato Brasileiro (2006, 2007 e 2008, pelo São Paulo, e 2010, pelo Fluminense), além de uma Libertadores, em 2010, pelo Santos.

MURICI ABRE O JOGO

 Murici Ramalho até então se mantinha em silêncio. Agora resolveu conversar com o Superesportes, por mensagem de celular, neste domingo.  Perguntado como estavam as negociações com o Galo, disse que “têm pessoas que trabalham essas propostas que tenho no Brasil e fora”. não falou mais nada.

FALTA DE GOLS

Lucas Pratto caiu no gosto da torcida atleticana por causa de sua demonstração de raça e pelos gols no Campeonato Brasileiro. O jogador do Atlético é quem mais finalizou na competição, com 100 conclusões  (51 certas e 49 erradas) em 33 partidas disputadas. Mas nos últimos três jogos, os números do argentino caíram drasticamente: foram apenas duas finalizações nas metas adversárias.

Levir Culpi constatou que time não tem conseguido criar situações para Lucas Pratto. As poucas chances que surgiram não foram aproveitadas. O atacante ora fica isolado ataque, ora deixa a área pra buscar a bola. Por isso a média de finalizações nesse período (contra Figueirense, São Paulo e Goiás) é de 0,66 arremates por partida. Antes, o jogador concluía, em média, três vezes por jogo.

Contra Figueirense e São Paulo, Pratto viveu uma situação que ainda não havia acontecido na competição
 terminar as partidas sem nenhuma finalização a gol. O argentino passou por isso em outros dois momentos com a camisa do Galo em 2015: contra o Atlas, no México, pela Copa Libertadores, e contra o mesmo Figueirense, no jogo de volta da Copa do Brasil.

Terminar as partidas sem nenhuma finalização a gol. O argentino passou por isso em outros dois momentos com a camisa do Galo em 2015: contra o Atlas, no México, pela Copa Libertadores, e contra o mesmo Figueirense, no jogo de volta da Copa do Brasil. 
 A procura de outro atacante que faça dupla com Lucas Pratto é o objetivo no Atlético. O nome discutido é o de Gustavo Bou,(foto) argentino do Racing.  Segundo o agente do jogador existe tal possibilidade. Estou esperando algo concreto, uma oferta. Mas houve uma consulta por telefone. Ainda tenho que ver se irei ao Brasil”, disse ao Superesportes. 

TRINCHEIRA - A diretoria do Atlético não tem que ficar à espera de empresário aqui em BH. Não está interessada no atleta? Então que Eduardo Maluf pegue as malas e vá conversar com o atleta em Buenos Aires.

Artilheiro da última edição da Libertadores, com oito gols, Gustavo Bou, de 25 anos, está há dois anos no Racing. O clube argentino ainda luta por uma vaga no principal torneio da América em 2016. O Galo já está classificado.
Os números da carreira de Bou mostram os seguintes dados: em 157 partidas, ele fez 44 gols. Pelo Racing são 28 tentos em 57 jogos. O atacante tem mais quatro anos de contrato com a Academia.

GRÊMIO MIRA TOSCANO DO AMÉRICA
                           Toscano - `à direita - na mira de vários clubes brasileiros, menos de Atlético e Cruzeiro. 


Vários clubes brasileiros miram o atacante Marcelo Toscano, artilheiro do América na Segunda Divisão, com 14 gols (vice-artilheiro da competição),. O Grêmio é um deles. O clube gaúcho informa que tem observado o atacante há tempos, no entanto, nega qualquer oferta pelo camisa 10 do Coelho.
Também o Internacional e o Flamengo estão interessados em Marcelo Toscano. Anderson Nassrala, empresário do jogador, procurou recentemente as diretorias de Cruzeiro e Atlético, porém as conversas não avançaram. Toscano disse que teria de dar um “passo certo” na carreira em função dos 30 anos de idade. “Não posso errar na direção. Tenho que pensar em algo bom para minha família”, frisou.

TRINCHEIRA - O absurdo está aí. O Cruzeiro busca reforço na Argentina, o que também faz o Atlético. Entretanto, seus cegos cartolas, não enxergam o que está na porta de casa. Burros!





Um comentário:

  1. Jogador de 30 anos Deus me livre é igual aos que estao nos clubes,agora o Richarison esse sim vale a pena.

    ResponderExcluir

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.