terça-feira, 15 de março de 2016

VENEZUELANO APITA GALO E COLO COLO NESTA QUARTA NO HORTO E AGUIRRE ESPERA POR ROBINHO


Atlético e Colo Colo será apitado pelo venezuelano Juan Soto, auxiliado por seus compatriotas Jorge Urrego e Elbis Gomez. Não me agradou a escalação deste trio: cheira mal. Tem fedor de gambá assustado e deixa a gente com pulga atrás da orelha. O futebol venezuelano não tem amizade com o futebol, por que teria, então, com as leis internacionais que regem o jogo deste esporte. Então é melhor que a torcida alvinegra se prepare e na hora que o soprador de apito apitar o início da partida, que entre em campo, também, e faça tanta zoeira pra assustar os venezuelanos que devem ser daqueles árbitros caseiros e medrosos.

O jogo desta quarta-feira no Independência vale pela 4ª rodada da fase de grupos da Copa Libertadores, no Grupo 5 e começa no horário maluco das 21h45m estabelecido pela Rede Globo, ou seja, logo depois do beijo final do episódio. Os dois times estarão na busca da liderança do grupo. O Galo é líder, com sete pontos e os chilenos estão em segundo, com cinco.
Se vencer, o Alvinegro deixa encaminhada a classificação para as oitavas de final da competição. Nos dois últimos jogos desta fase, o Galo sai para visitar o Independiente del Valle, no Equador, e recebe o Melgar, do Peru, em Belo Horizonte. Esses jogos estão marcados para os dias 6 e 14 de abril, respectivamente.

DE OLHO EM ROBINHO

No jogo de Santiago ficou bem claro que o Atlético depende de Robinho. O técnico Diego Aguirre tá na expectativa de contar com o craque, mas isso dificilmente irá acontecer. Robinho nem treinou ontem ai da se recuperando da picada de mosquito que levou na coxa infeccionada. Já se livrou da febre que o acometeu em Santiago e até fez atividades físicas na academia. Ele não treina desde a terça-feira passada.

Depois do jogo contra o América, no domingo (1 a 1) pelo Mineirão, Aguirre colocou que o treino de segunda-feira seria essencial pra avaliar a possibilidade do atacante enfrentar o Colo Colo. Robinho, ainda, não está vetado, mas Hyuri e Patric estão preparados pra jogar no seu lugar contra os chilenos. Tal opção deixa a torcida grilada, principalmente quanto a Patric, lateral direito apenas razoável e que Aguirre  que adaptar em qualquer posição no time, exceto na meta.   

TRICORDIANO AMEAÇA ABANDONAR O CAMPEONATO MINEIRO

A Federação Mineira de futebol (FMF) enviou ofício ao Tricordiano, na manhã desta segunda-feira, solicitando esclarecimentos sobre o posicionamento do clube, que cogita abandonar o Campeonato Mineiro por causa de "indícios de manipulação nos resultados". 
PALAVRA DA FMF

Na nota, assinada pelo diretor de competições, Paulo Bracks, a FMF requer que o Tricordiano se manifeste até respondendo as seguintes questões:
1 – Se reconhece a página do Facebook, de onde se extrai o referido comunicado, como a oficial do clube. Caso positivo, informar o responsável pelas postagens;
2 – Quais os indícios que demonstram a alegada “manipulação” nos resultados dos jogos do campeonato;
3 – Se, de fato, pretende o clube, de forma irrevogável e irretratável, cancelar sua participação no campeonato, abandonando-o.
Uma reunião esta semana deve decidir o futuro do Tricordiano. O presidente do clube, Gustavo Vinagre, se encontrará com diretores para deliberar sobre o caso.  A decisão, de acordo com o dirigente, será divulgada em coletiva, no Estádio Elias Arbex, em Três Corações.
 O presidente da FMF, Castellar Neto, informou que aguarda uma resposta do clube de Três Corações pra se manifestar sobre o assunto. 

REVISTA DOS EUA CONFUNDE JOEL SANTANA COM O SAFADO DO LAVAJATO

Sempre bem-humorado, Joel Santana ficou sério neste sábado. Confundido pela revista norte-americana “Time” com o marqueteiro João Santana, preso pela Polícia Federal na Operação Lava-Jato ao lado da esposa Mônica Moura, o técnico estuda com seus advogados que medidas tomar em relação à publicação que colocou uma foto dele no lugar da imagem do investigado. 
De acordo com a coluna de Ancelmo Gois no jornal "O Globo" deste sábado, Joel pediria US$ 10 milhões (mais de R$ 36,2 milhões) de indenização na Justiça por danos morais. O treinador, no entanto, afirma que foi orientado a não se pronunciar sobre o ocorrido até segunda-feira, quando terá uma reunião com os seus advogados para decidir o que fazer sobre o assunto. 
- Meus advogados é que me acionaram e falaram para eu não tocar no assunto até segunda para eles me darem uma posição. Essa é a verdade. Está havendo uma precipitação de notícias. Só falei com meus advogados. Vou aguardar e aí vamos ver o que vai acontecer - disse Joel, por telefone.  

MORDIDAS DE DIEGO COSTA

A derrota do Chelsea por 2 a 0 contra o Everton ficou em segundo plano. Os internautas deixaram de lado a eliminação dos Blues na Copa da Inglaterra, mas não perdoaram Diego Costa. Expulso por mordida em Barry, o atacante foi alvo de zoações. A primeira foi uma montagem com Luis Suárez, famoso pelas mordidas ao longo da carreira, aplaudindo o brasileiro naturalizado espanhol. 

Mas não parou por aí. Diego Costa ainda apareceu como Bane, vilão de "Batman", que usa uma proteção na boca. O atacante com um cone de proteção na cabeça - o mesmo utilizado pelos donos nos cachorros - também fez parte das brincadeiras. 



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.