quarta-feira, 13 de abril de 2016

CBF CRÊ EM NEYMAR NA SELEÇÃO DURANTE COPA AMÉRICA EM JUNHO NOS STATES.


CARATINGA - A CBF ainda não descartou contar com Neymar tanto na Copa América Centenário, em junho nos Estados Unidos, quanto nas Olimpíadas, em agosto no Brasil, mas a realidade é muito complicada. O presidente do Barcelona, Joseph Maria Bartomeu, já declarou ser "impossível liberar" o craque para as duas competições com a seleção brasileira. A situação, então, está caminhando para que Neymar dispute somente as Olimpíadas, ficando fora da Copa América.

Se a tendência se confirmar, na teoria o atacante poderia ficar sem receber salário pelo menos entre 4 e 20 de agosto, período referente à disputa do futebol masculino nos Jogos, imaginando que o Brasil chegue à final. Isso porque há um capítulo no contrato de Neymar com o Barcelona que diz que o clube deixará de pagar salário ao atleta caso ele esteja a serviço do Brasil em datas que não sejam consideradas oficiais pela FIFA, como é o caso das Olimpíadas.

Esse e outros detalhes do contrato foram vazados pelo "Football Leaks" na segunda-feira. No entanto, há acordo entre as partes para que Neymar receba seu salário normalmente, conforme apurou o GloboEsporte.com. O Barcelona, que tem a obrigação de liberar jogadores para competições da Fifa, caso da Copa América, aceitou trocar essa liberação. Ou seja, aceita que o atacante jogue as Olimpíadas, mas não a Copa América. Por isso manterá o pagamento.

Se de fato for convocado, Neymar será um dos três jogadores acima de 23 anos permitidos para cada seleção que participar dos Jogos Olímpicos. Ele gostaria de participar também da Copa América, mas o Barça está irredutível. Ainda assim, a CBF diz não ter pressa e mantém o sonho vivo até o último minuto.

(  Globoesporte) - Se, realmente, Atlético, Cruzeiro e outros clubes brasileiros pensam em contratar depois de julho, podem tirar seus cavalinhos da chuva, porque o capitão tricolor tem peso técnico cobrado por quilo de ouro, a ponto de ser referência dentro de campo desde 2009 no Fluminense.
Reúne todos os quilates de ídolo, o jogador mais amado pela torcida e ícone das recentes conquistas. E cacife político capaz de protagonizar crise com treinador e deixar o presidente em compasso de espera.

TRINCHEIRA- 1: E, claro, Fred tem alto custo. Até o fim do contrato, em 31 de dezembro de 2018, o centroavante ainda vai consumir R$ 34 milhões - um empréstimo a outro clube até o final do ano, por exemplo, representaria economia de R$ 7,8 milhões.

TRINCHEIRA - 2:  Não à toa existe uma corrente nas Laranjeiras que vê com bons olhos a saída do camisa 9, cuja multa rescisória é de 5 milhões de euros (R$ 20,1 milhões), após a insatisfação com o técnico Levir Culpi. Também vive em misticismo, porque nenhum clube tupiniquim pagaria tanto por um craque de 33 anos.

SEMPRE POLÊMICO

O "custo Fred" volta e meia gerou polêmica. Contratado com ajuda da Unimed, que pagava parte dos direitos de imagem, o jogador chegou em março de 2009 com vencimentos R$ 460 mil. No auge dele e da antiga parceira, após o título brasileiro de 2012, subiu a R$ 1 milhão. Valor que ocasionou atrasos. O maior deles, revelado ao final de 2014 pelo jogador, de 20 meses - referente à parte que cabia ao clube dos direitos de imagem. O que gerou necessidade de muita criatividade na gestão Peter Siemsen.   

Para manter o astro, no rompimento com a cooperativa de médicos, no começo de 2015, o Flu quitou a pendência com parte do dinheiro da venda de Conca ao Shanghai Dongya, da China, por R$ 9,2 milhões. Foi a maneira que Mario Bittencourt, então vice de futebol, encontrou de recuperar a confiança do atleta na negociação de renovação de contrato. Vale lembrar que Fred era o único atleta do elenco que não havia entrado no acordo de quitação dos atrasados feita por Ricardo Tenório, vice de futebol no começo do ano anterior

- o atleta aceitou receber depois por ter o maior valor em débito. A ideia tricolor era lucrar em possível venda após a Copa do Mundo e, com isso, quitar a dívida. Não aconteceu dado o fracasso da Seleção- destacou o cartola

Não bastava pagar o atrasado. Era preciso mostrar garantias das condições de pagamentos do presente. Então, ao acertar patrocínio com a Frescatto, o Flu destinou grande parte do que recebia da empresa a Fred. Houve a renovação até 2018, com vencimentos de R$ 800 mil, metade de salário na CLT, metade em direitos de imagem. E multa rescisória de R$ 20,1 milhões. São 35 meses até o fim do acordo, contanto 13º salário e encargos.  

Agora, com a incompatibilidade entre treinador e jogador, a economia que a saída de Fred poderia gerar é vista com bons olhos por parte de alguns tricolores - não há oferta oficial, mas interesse de clubes como São Paulo, Palmeiras, Internacional e Atlético-MG apresentados por intermediários. O Flu, desde o começo do ano, tem necessidade de reduzir despesas, o que ocorreu em grande parte com a saída inesperada de Diego Souza. Manter os salários em dia, o que ocorre atualmente, e os pagamentos à construção do CT é o desafio.   

Fred se reapresentou na terça-feira, após ter sido liberado no sábado, alegadamente para resolver problemas particulares. Ele se desentendeu com Levir Culpi, no intervalo do jogo com o Madureira. Peter espera que o jogador reflita. Até ter solução para o caso, o atleta treinará em separado.

GALO NÃO FALOU COM O FLU

O presidente do Atlético, Daniel Nepomuceno, não descartou negociar com o atacante Fred, que está de saída do Fluminense. O experiente jogador, de 32 anos, ligou na manhã desta quarta-feira e avisou ao presidente Peter Siemsen que não vestirá mais a camisa do clube carioca. Com contrato com o Fluminense até dezembro de 2018, Fred treinará à parte até resolver o impasse sobre sua carreira. Ele se desentendeu com Levir Culpi e disse que não trabalhará mais com o treinador.

O Galo é um dos interessados no negócio. Nepomuceno, contudo, disse que ainda não negocia com o 
Fluminense

“É de extrema irresponsabilidade, a um dia de um jogo importante como o de amanhã (contra o Melgar, pela Copa Libertadores). Não estou dizendo que não tem isso. O Fred está no Rio. Tenho bom relacionamento com o presidente do Fluminense para qualquer negociação futura, mas não tem nada agora. Se acontecer, vai ser de maneira tranquila”, disse Nepomuceno.

CR - 7 NÃO SECA BAYERN

O atacante português Cristiano Ronaldo, do Real Madrid, revelou sua torcida pelo Benfica contra o Bayern de Munique nas quartas de final da Liga dos Campeões. Porém, o time alemão venceu o primeiro jogo por 1 a 0 e empatou em 2 a 2 nesta quarta-feira, no Estádio da Luz. Após a partida, o técnico Pep Guardiola aproveitou para dar uma alfinetada no astro.

- Sei que o Cristiano Ronaldo queria o Benfica nas semifinais, mas peço desculpa por isso. Não importa quem vamos enfrentar, sabemos que, seja quem for o próximo adversário, vai ser muito duro - disse Guardiola após a classificação do Bayern, evitando escolher entre Real Madrid, Manchester City ou

Guardiola lembrou também que se trata de uma fase eliminatória e decisiva da Liga dos Campeões, na qual todos as equipes têm enorme potencial. Ele lembrou ainda o bom desempenho do Bayern contra o Benfica:

- Estamos falando da Liga dos Campeões. Nesta fase, todos os jogos são equilibrados. Poderíamos ter fechado a eliminatória mais cedo, mas estamos felizes com o resultado. Hoje (nesta quarta-feira) tivemos um desempenho melhor do que na partida de ida.

BARÇA TÁ FORA

O Barcelona caiu diante do Atlético de Madrid no campo do adversário com a derrota por 2 a 0. Havia vencido o primeiro jogo, no Camp Nou por 2 a 1 e jogava pelo empate. O Atlético passou pra fase seguinte, semifinais que, terá, também, Real Madrid, Bayern e Manchester City.

W.ALLACE DEIXA VOLEI DO CRUZEIRO

O Cruzeiro deverá perder o oposto Wallace pra próxima temporada do vôlei. Depois de sete anos defendendo as cores do clube celeste, o jogador, também titular da Seleção Brasileira, será forçado a deixar o Barro Preto já que teve a mudança de pontuação individual confirmada pelo ranking da Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) – apenas três atletas de cada clube podem ter nível sete, e a Raposa já conta com William, Leal e Isac, que também foi promovido neste ano. Nesta quarta-feira, Wallace confirmou que já analisa ofertas para deixar Minas Gerais



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.