quinta-feira, 28 de abril de 2016

GALO DEPENDE DE VITÓRIA AQUI NO HORTO PRA PASSAR Á OUTRA FASE DA LIBERTADORES

Há uma eterna discussão no futebol e nas decisões em duas partidas se o melhor resultado fora de casa, no primeiro jogo, não é empate sem gols, porém de um gol pra cima. Portanto, os empates do Galo contra o Racing, em Avellaneda em 0 a 0, e do Corinthians, pelo mesmo placar, em Montevidéu, diante do Nacional, foram apenas razoáveis. Desta forma, os dois brasileiros necessitam apenas de vitórias simples pra passarem às quartas de final.

Contudo, os demais resultados ajudam bem os visitantes no segundo jogo. Um novo empate sem gols, provoca a decisão por pênaltis. Além de vitórias simples, Racing e Nacional se classificam com novos empates de gols, pois aí entra o critério de desempate por causa dos gols anotados fora de casa. Presidente do Galo, Daniel Nepomuceno, após a partida de Buenos Aires informou que o segundo jogo será mesmo no Independência.

ARBITRAGEM DE FORA NO CLÁSSICO DE DOMINGO

Os árbitros mineiros não serão contemplados nas finais do Campeonato Mineiro. Em entendimento entre a Federação Mineira de Futebol (FMF), o América e o Atlético ficou decidido que as duas partidas serão mediadas por um juiz de outro estado. Faz bem a FMF porque seus árbitros e auxiliares são bem fraquinhos. O sorteio para o primeiro jogo será realizado nesta sexta-feira..A primeira partida da decisão será disputada neste domingo, às quatro da tarde, no Independência. A finalíssima terá como palco o Mineirão, no dia 8 de maio, também às quatro horas, porém há controvérsias que apontam o Independência como palco do segundo jogo.

COELHO NA COPA DO BRASIL

O América recebe o Red Bull Brasil nesta quinta-feira, às 19h15, no Independência, pela partida de volta da Copa do Brasil. Por ter empatado em 1 a 1 jogando em Campinas, na última quarta, a equipe americana leva vantagem e pode se classificar à próxima fase da competição com um empate sem gols. 

Pensando na final do Campeonato Mineiro, diante do Atlético, no domingo, Givanildo Oliveira deve poupar jogadores para a partida. No entanto, o técnico não comandou nenhum treino para mostrar uma provável equipe titular. Osman e Alison, que se recuperaram de lesão recentemente, podem ser preservados. Já o zagueiro Adalberto e o meia Rafael Bastos seguem no departamento médico. 

MUDANÇAS DAS REGRAS SÓ EM 2017

A CBF pretende adiar pro próximo ano a implantação de mudanças nas regras do futebol aprovadas pela International Football Association Board (IFAB), órgão responsável pelo tema, no mês passado. A FIFA estabeleceu que as mudanças passam a valer em 1º de junho, quando o Campeonato Brasileiro já estará em sua quinta rodada.

As mudanças incluem punições mais duras pra determinados lances - uma tentativa de agressão no rosto, por exemplo, deverá ser punida com expulsão, enquanto que uma falta fora de campo na linha de fundo será considerada pênalti -, e uma mudança em meio ao Brasileirão ou à Copa do Brasil poderia gerar confusão.

"Faremos uma reunião para decidir se utilizaremos. Já ouvi os outros e sei que a tendência é que não seja aceito (este ano)", a
firmou Sérgio Correa, presidente da comissão de Arbitragem da CBF, durante o seminário Somos Futebol - Semana de Evolução do Futebol, que é realizado na sede da entidade.

Já a utilização do Árbitro de Vídeo (AV) ainda não está garantida pra este ano. Inicialmente, a ideia da CBF era implantar o sistema já no início do Brasileirão, mas a IFAB apontou pra necessidade de treinamento e aquisição de equipamentos e pediu pelo menos cinco meses de prazo - o que jogaria o uso do AV pro returno. Agora, o órgão já cogita deixar pro próximo ano. A CBF deverá pleitear, pelo menos, o uso em alguns jogos, pra teste.
O Cruzeiro acertou na noite desta terça-feira uma troca de jogadores com o Palmeiras. Vão por empréstimo para o clube paulista o lateral-direito Fabiano e o lateral-esquerdo Fabrício. À Toca da Raposa II chegam o lateral-direito Lucas e o armador Robinho. A informação foi repassada à imprensa pela assessoria de comunicação do clube celeste.

TROCA/TROCA CRUZEIRO E PALMEIRAS

De acordo com a diretoria mineira, a oficialização das negociações será feita após a realização de exames médicos e assinatura dos contratos. Robinho ficará na Raposa até dezembro de 2017, mesmo período de Fabrício no Palmeiras. Já a troca de Fabiano por Lucas valerá até o fim de 2016. Com relação a Fabiano e Fabrício, ambos eram contestados pela torcida do Cruzeiro. Ex-Chapecoense, o primeiro deixa a Toca II com 11 jogos disputados em 2016. O segundo, contratado ao Internacional em abril de 2015, despede-se da equipe com 12 partidas na atual temporada.

A respeito dos reforços, vale lembrar que Robinho já foi pretendido pelo Cruzeiro quando defendeu o Coritiba, entre 2012 e 2014. Indicado pelo então técnico Marcelo Oliveira, o versátil meio-campista foi pro Palmeiras, do ex-diretor de futebol celeste Alexandre Mattos.
 Em 73 jogos pelo Verdão, marcou 11 gols. Já Lucas, convocado para a Seleção Brasileira no Superclássico das Américas de 2012 (quando atuava pelo Botafogo), anotou quatro tentos também em 75 presenças pelo alviverde. Os dois foram campeões da Copa do Brasil no ano passado e disputaram a Libertadores em 2016.

Ao mesmo tempo em que se mostra atento ao mercado, o Cruzeiro busca um substituto para o técnico Deivid, demitido no domingo após a eliminação da equipe no Campeonato Mineiro. O preferido do presidente Gilvan de Pinho Tavares é Jorginho, treinador do Vasco. Marcelo Oliveira, bicampeão brasileiro com o clube em 2013 e 2014, corre por fora.


ANSELMO RAMON É GOLEADOR E ÍDOLO NO FUTEBOL DA CHINA. CÉUS!
Aquele cabeça de bagre, odiado pela torcida azul e por isso o Cruzeiro o vendeu quase de graça ao futebol chinês, desde fevereiro de 2014, quando foi primeiro emprestado ao Hangzhou Greentown, Anselmo Ramon virou sinônimo de gols no futebol chinês.
No primeiro ano, marcou 16 vezes em 28 partidas, desempenho suficiente para que o clube exercesse o direito de compra e depositasse US$ 3 milhões na conta da Raposa, em janeiro deste ano. Na temporada’2015, Anselmo voltou a apresentar bom rendimento: anotou 12 tentos em 25 apresentações. A grande fase no continente asiático o faz pensar em permanecer na China por muitos anos.

É certo que o Hangzhou Greentown não é dos melhores clubes da China. Na “era Anselmo Ramon”, conseguiu lugares bem modestos: 13º, em 2014; e 11º, em 2015. A Superliga Chinesa é disputada por 16 equipes, sendo duas rebaixadas à Segunda Divisão. Apesar das campanhas irregulares de sua equipe, o ex-cruzeirense mostra adaptação total ao país mais populoso do mundo (mais de 1,3 bilhão de habitantes) e garante: “o povo chinês é muito apaixonado por futebol”.

Não foi muito difícil, até porque já havia passado pelo Japão. É uma cultura muito diferente da nossa, mas nos acostumamos rápido. Claro que sentimos saudades do Brasil e do nosso calor humano, mas aqui eles nos deixam muito à vontade. Já estou bem adaptado a tudo no país. O povo chinês é muito apaixonado pelo futebol, principalmente pelo Brasil. É impressionante como eles apoiam e dão força aos jogadores o tempo inteiro. Isso deixa qualquer profissional animado. Os estádios recebem um bom número de público e isso vem crescendo a cada temporada”, conta.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.