terça-feira, 19 de julho de 2016

ROMÁRIO CONVOCA RICARDO TEIXEIRA E DEL NERO PRA DEPOR NA CPI DO FUTEBOL NO SENADO.

Estão quase no fim as férias que o ex-presidente da CBF Ricardo Teixeira e o atual mandatário da entidade Marco Polo Del Nero vivem às custas do futebol brasileiro. O Senador Romário conseguiu colocá-los numa pauta durante a fase em que a Seleção Brasileira fará duas partidas em Brasília pelas Olimpíadas Rio206. O Brasil joga contra a África do Sul, dia 04 de agosto, e o Iraque, dia 7, no Estádio Mané Garricha. 
Romário se justificou: ""Tem que haver uma mudança urgente no futebol. Nós temos agora em mãos uma oportunidade grande de mudarmos um pouco a história do nosso futebol, principalmente no que se refere à moralidade." Por se tratarem de convites, os cartolas da CBF não são obrigados a comparecer à CPI. Os dirigentes fazem o possível pra não terem de enfrentar o colegiado. Del Nero depôs aos senadores uma vez, mas sob a ameaça de condução coercitiva da Polícia Federal, já que faltou duas vezes após intimação.

RENAN CONTRA E ACABA COM A COMISSÃO
O convite é uma ideia do senador Romário pra retomar os trabalhos da comissão, que estão interrompidos há mais de três meses após atuação do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL). O peemedebista anulou a reunião que aprovou requerimentos de convocação (comparecimento obrigatório) do atual e do ex-presidente da CBF, além de outros nomes ligados a instituição.
Impedido de dar prosseguimento à investigação, Romário, que preside a CPI do Futebol, preferiu suspender a comissão. Ele aguarda a deliberação de um recurso sobre a decisão de Renan Calheiros que deve ser votado pelo plenário do Senado. Entretanto, pra que o recurso seja apreciado, precisa ser colocado na pauta de votações, uma decisão que cabe apenas ao presidente do Senado e, aparentemente, não conta com o menor entusiasmo de Renan.

GRUPO BRASILEIRO OFERECE APOIO AO ESTADO ISLÂMICO BOMBARDEAR OLIMPIADAS DO RIO


  Até brasileira quer botar fogo nas Olimpíadas do Rio. Cruzes!

Um grupo extremista do Brasil declarou lealdade ao Estado Islâmico (EI, ex-Isis) e criou um canal chamado "Ansar al-Khilafah Brazil" na rede social Telegram, que se assemelha ao popular WhatsApp. A informação foi divulgada pela especialista norte-americana em monitoramento de atividades terroristas na web Rita Katz, do SITE, nesta segunda-feira. De acordo com Katz, esta é a primeira vez que uma organização anuncia aliança com o Estado Islâmico na América do Sul e declara submissão ao líder do califado, Abu Bakr al-Baghdadi.

Dentro do canal no Telegram, o "Ansar al-Khilafah Brazil" comentou que, "se a polícia francesa não consegue deter ataques dentro do seu território, o treinamento dado à polícia brasileira não servirá em nada", referindo-se ao apoio que agências internacionais de inteligência têm oferecido ao governo brasileiro na prevenção de ataques terroristas durante os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

Em um post no Twitter, Katz ressaltou que o grupo está aproveitando o momento para espalhar a ideologia extremista antes da competição esportiva. No fim de maio, o Estado Islâmico criou o primeiro canal em português da organização, também dentro do Telegram. A página, para propaganda do califado, é uma versão em português do já existente "Nashir Channel".

ABIN NÃO FALA NADA

Procurada pela ANANSA, a Agência Brasileira de Inteligência (Abin) ainda não retornou ao contato sobre a suposta aliança de um grupo no Brasil ao Estado Islâmico. 
O cientista político Heni Ozi Cukier, professor de Relações Internacionais da ESPM, disse em entrevista à ANSA que qualquer ameaça precisa ser verificada para se constatar se é falsa ou real. "Pode ser só uma oportunidade de aterrorizar antes dos Jogos", afirmou, destacando, porém, que, caso seja verdadeira, o Brasil precisa aumentar sua vigilância.
Na semana passada, a Assembleia Nacional da França publicou o relatório de uma audição com o chefe da Direção de Inteligência Militar (DRM), general Christophe Gomart, no qual o especialista admitia ter informações de que o Estado Islâmico planejara um atentado contra a delegação francesa durante os Jogos.

 As Olimpíadas do Rio de Janeiro ocorrerão entre os dias 5 e 21 de agosto. Devido ao massacre em Nice há quatro dias, quando Mohamed Bouhlel atropelou uma multidão e matou 84 pessoas, o governo brasileiro adotou medidas extras de segurança para os Jogos. Dia17 foi realizado o terceiro treinamento de forças conjuntas pra simular a cerimônia de abertura, que ocorrerá no Maracanã.
A estimativa é de que cinco mil homens da Força Nacional de Segurança Pública e 21 mil oficiais das Forças Armadas, além do contingente fixo do Rio de Janeiro, façam a segurança durante os Jogos Olímpicos.
De acordo com Katz, esta é a primeira vez que uma organização anuncia aliança com o Estado Islâmico na América do Sul e declara submissão ao líder do califado, Abu Bakr al-Baghdadi.

FRANÇA JÁ SABE

A Assembleia Nacional da França publicou o relatório de uma audição com o chefe da Direção de Inteligência Militar (DRM), general Christophe Gomart, no qual o especialista admitia ter informações de que o Estado Islâmico planejara um atentado contra a delegação francesa durante os Jogos.
Nesta segunda-feira, foi realizado o terceiro treinamento de forças conjuntas para simular a cerimônia de abertura, que ocorrerá no Maracanã.A estimativa é de que cinco mil homens da Força Nacional de Segurança Pública e 21 mil oficiais das Forças Armadas, além do contingente fixo do Rio de Janeiro, façam a segurança durante os Jogos Olímpicos.

AZUIS ACERTAM COM DENILSON, EX-SÃO PAULO
Que pertence atualmente ao Al Wahda, dos Emirados Árabes. O clube celeste já chegou a um acordo com o atleta, que deve chegar por empréstimo, mas falta a liberação da equipe árabe. Este é, realmente, um reforço importante pois o meio-campo defensivo do time de Paulo Bento está uma merda.

Agora a diretoria celeste tenta agilizar os últimos detalhes das tratativas pra que o volante, de 28 anos, possa se desvincular do Al Wahda. Vale ressaltar que, caso tenha rescindido seu contrato até o dia 19, Denílson ainda pode ser inscrito mesmo após o fechamento da janela, que ocorrerá nesta terça-feira.

O volante Denílson foi oferecido ao Cruzeiro em maio pelo agente Fábio Brito. Na ocasião, o Cruzeiro fez uma proposta por empréstimo até dezembro de 2017, no valor de 500 mil dólares, e com opção de compra por 2,5 milhões de dólares. Essa oferta foi assinada por Thiago Scuro e envida ao Al Wahda, que não se mostrou favorável ao negócio. O jogador, contudo, pediu a dirigentes do clube para voltar ao Brasil e tenta convencê-los.
Denílson foi contratado pelo Al Wahda em junho de 2015. Os árabes desembolsaram 3,1 milhões de euros (cerca de R$ 10 milhões).

TARDELLI VEM OU NÃO?

O tempo corre contra Diego Tardelli poucas horas do fechamento do mercado de transferências internacionais do futebol brasileiro, o atacante segue sem saber o destino na temporada. Fora dos planos do Shandong Luneng, a dificuldade nas negociações parte justamente do time chinês, que não se posiciona mesmo com propostas na mesa, como do Atlético-MG e São Paulo. 
Tardelli explicou o desabafo através do Twitter e admitiu a motivação de voltar ao futebol brasileiro. O jogador vinha sendo utilizado como titular por Mano Menezes e mantido nas primeiras partidas com o alemão Felix Margath. Com a chegada de Graziano Pellè e Pappis Cissé, perdeu espaço no grupo e começou a viver uma situação pouco confortável, com poucos dias para resolver o futuro antes do fechamento do mercado internacional., Galo e Tricolor paulista se aproximaram do jogador - Edgardo Bauza, inclusive topa, -, mas não tiveram respostas da diretoria do Shandong. 
TRINCHEIRA - Um reforço como Tardelli agora pro Atlético não vale nada além de aumentar bem o valor de sua folha de salários mensais. Quem acompanhou segunda-feira à noite, viu que o time precisa de acerto coletivo e não de reforços. O ataque com Robinho, Fred e Pratto é muito forte; talvez faça falta um camisa 10, mas isso é discutível. Contra o Coritiba, no Horto, segunda-feira faltou vontade. O Galo teve uma preguiça danada, principalmente no primeiro tempo quando podia fazer um placar melhor. Permitiu o empate do Coxa no segundo tempo e só no finalzinho Robinho fez 2 a 1, de novo numa cabeçada. Aliás, Robinho foi o melhor em campo, com dois gols de cabeça e uma imensa preguiça no coração.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.