terça-feira, 11 de outubro de 2016

MARATONA BRASILEIRA PRA PEGAR VENEZUELA HOJE SEM NEYMAR


 Sem contar com Neymar, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, o comandante Tite esboçou a equipe titular com algumas mudanças. Willian ocupa a vaga do camisa 10 e Paulinho retorna ao meio de campo, no lugar de Giuliano. A formação que deve ir a campo conta com Alisson, Daniel Alves, Marquinhos, Miranda e Filipe Luis; Fernandinho, Paulinho, Renato Augusto, Willian e Philippe Coutinho; Gabriel Jesus. Com 18 pontos, o Brasil é o vice-líder da competição, atrás apenas do Uruguai, que soma 19.
Com uma grande sequência de vitórias na bagagem desde a chegada de Tite, a Seleção Brasileira  desembarcou em Mérida, cidade do próximo desafio nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018, nesta terça-feira, contra a Venezuela, às 21h30 (de Brasília).

A maratona foi puxada: depois de mais de seis horas no avião fretado pela CBF, que teve de pousar para abastecer em solo brasileiro por conta dos problemas políticos que envolvem os dois países – a parada foi em Boa Vista, capital de Roraima –, o elenco ainda encarou mais uma hora e meia de ônibus para chegar ao Hotel Convención nos primeiros minutos desta segunda-feira.

A ordem do técnico foi jantar e ir direto para o quarto descansar, já que o único treino antes da partida acontece nesta segunda, às 18h (de Brasília), no Estádio Metropolitano, palco do confronto válido pela 10ª rodada das Eliminatórias. A delegação retorna para São Paulo ainda na madrugada de quarta-feira, após o jogo.

TRINCHEIRA - É bom lembrar que a Venezuela chegou a fazer 2 a 0 na Argentina, antes de tomar dois gols e garantir o empate em 2 a 2.
CÉUS: CRUZEIRO PEGA VERDÃO DE SP EM ARARAQUARA 

Lucas Romero, Robinho e Ramón Ábila sentaram no banco de reservas para acompanhar a atividade recreativa orientada pelo técnico Mano Menezes na tarde desta segunda-feira, dois dias depois da vitória sobre a Ponte Preta, por 2 a 0, no Mineirão. O exercício foi o pontapé inicial da equipe pro confronto contra o Palmeiras, nesta quinta, às 19h30, em Araraquara, no interior de São Paulo.

A principal novidade foi o retorno do volante Denílson. Ele acabou cortado da lista de relacionados para o jogo do último fim de semana instantes antes da partida por causa de uma virose. Nesta segunda-feira, ele treinou normalmente e estará à disposição de Mano para o compromisso contra o atual líder do campeonato. Recuperado de lesão no adutor da coxa, Alex fez trabalho interno na Toca da Raposa II.

Os titulares, como de praxe, participaram de atividades na academia do CT cruzeirense. Rafael Sobis foi o único que realizou trabalho no campo. Acompanhado pelo preparador Eduardo Silva, ele deu voltas no campo e fez leve atividade física, também ao lado do profissional do clube. O camisa 7 voltou a mostrar bom futebol na vitória sobre a Ponte e foi responsável pela assistência para o gol de Ramón Ábila, o primeiro do triunfo por 2 a 0.

Como acontece toda segunda-feira, o quadro de acompanhamento das lesões foi apresentado aos jornalistas na sala de imprensa da Toca. Dedé (refratura na patela direita), Judivan (lesão grave no joelho esquerdo), Mayke (reação por estresse na tíbia direita), Fábio (lesão no ligamento cruzado anterior do joelho direito) e Marcos Vinícius (lesão no músculo reto femoral da coxa esquerda) seguem no departamento médico do Cruzeiro.
HOJE, O TIME viaja para Araraquara, no interior de São Paulo, em voo fretado. Uma vitória sobre o Palmeiras pode colocar o clube celeste no décimo lugar do Campeonato Brasileiro. Porém, o resultado negativo pode deixar a Raposa novamente na zona de rebaixamento, caso os concorrentes diretos vençam seus compromissos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.