quarta-feira, 21 de fevereiro de 2018

TRINCHEIRA DO FLAVIO ANSELMO

HOJE TEM GALO OUTRA VEZ NA COPA DO BRASIL NA PARAÍBA CONTRA BOTAFOGO LOCAL, DIRIGIDO  POR MINEIRO

 

 

Detalhe importante neste jogo em João Pessoa, nesta quarta-feira, à noite, entre Botafogo-PB e Atlético, pela segunda fase da Copa do Brasil, será o confronto fora de campo de dois jovens técnicos.

 

O mineiro Leston Júnior, de 39 anos, está no futebol há 20 anos, e desde 2010 é treinador profissional. Já são dez trabalhos no período. À frente do time paraibano, está invicto este ano e começa a ganhar visibilidade nacional.

 

No banco atleticano estará Thiago Larghi, de 37 anos, que vive sua primeira experiência como comandante. Interino desde a demissão de Oswaldo de Oliveira, ele fez carreira como analista de desempenho – inclusive na Seleção - e busca com seus cursos no Brasil e no exterior, credenciais para ser efetivado.


Leston Júnior

 

Natural de Divinópolis, Leston Júnior iniciou sua carreira de treinador nas categorias de base de Cruzeiro, América e Bahia. Sua estreia como profissional foi em 2010, no Inter de Bebedouro SP, aos 31 anos. Desde então, passou por Olímpia-SP (2012), Guarani-MG (2013/2014), Madureira (2014), Tupi (2015), Mogi Mirim (2016), Remo (2016), Villa Nova (2017) e Moto Club (2017). O trabalho no Botafogo-PB começou em outubro do ano passado, mas com foco no planejamento e na montagem do elenco para esta temporada.

 

Leston lembra com carinho os primeiros trabalhos como profissional em clubes do interior paulista; a passagem pelo Madureira, em 2014; e o acesso do Tupi à Série B, em 2015.

"Em São Paulo, fiz a transição base para o profissional. Tive uma sequência de bons trabalhos no interior, com acessos, depois o quase acesso à Série B com Madureira, e o acesso à Segunda Divisão com o Tupi em 201,  consolidou o trabalho e abriu o mercado nacional".


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.