terça-feira, 24 de abril de 2018

QUEM É A FAVOR OU CONTRA A DEMISSÃO DE MANO

MANO PASSA ATESTADO: OU É CEGO EM FUTEBOL OU ESTÁ DE GOZAÇÃO AO AFIRMAR QUE O CRUZEIRO NÃO JOGOU TÃO MAL  COMO FALAM AS CRÍTICAS.




O treinador Mano Meneses(foto) passou o atestado de que não enxerga nada, realmente durante uma partida. Avaliar que o time não jogou mal, ainda que tenha sido derrotado com jogador a mais durante o maior tempo da partida, só mesmo pra quem conhece pouco de futebol, apesar de tantos anos trabalhando nele ou então é cego.

"É a segunda rodada do Brasileiro, não é mais uma vez. Logicamente que não gostaríamos de perder, mas se você fala em mais outra vez,  parece uma imensidão e não é. É a segunda vez".

Ainda, segundo Mano, Se o time teve força para pressionar no fim, não demonstra cansaço, ou desgaste.. São outros problemas. O Cruzeiro não mereceu perder.  Mano revelou, também, que conversou com Abel depois do jogo, e que o técnico tricolor lhe disse que o Fluminense jogou por uma bola. Que teve a felicidade de a bola erguida na área raspar no rosto do atacante  e entrar.

Mano Meneses,  também , comentou a opção de mudar algumas peças no time titular : Edilson, Egídio e Arrascaeta foram preservados, pois  o Cruzeiro tem compromisso decisivo pela Libertadores nesta quinta-feira, contra a Universidad do Chile, no Mineirão.

-"Em termos de escolhas, formação, com centroavante desde o início do jogo, como muitos me cobram, pode-se então:  os problemas não eram por falta do centroavante com características. Ouvi que faltou ambição no Chile. Deveria ter tirado volante. Domingo tiramos um volante, tomamos  gol, perdemos o jogo. Não é por isso ou aquilo".
salientou Mano Meneses.

Por que então, professor?

Sobre a queda de produção do Cruzeiro, que não vence desde a conquista do Campeonato Mineiro, Mano Menezes analisou que, apesar dos resultados, o desempenho não foi ruim contra Grêmio, Universidad de Chile e Fluminense. Falou também:

-"Acho que tivemos queda porque não vencemos. Acho que não vencemos por situações diferentes. Perdemos no clássico, a derrota mais contundente, porque não jogamos bem. Perdemos contra o Grêmio pois jogamos menos. Empatamos no Chile jogando bem, agora contra o Fluminense não dá para dizer que jogou mal com o que construiu"..

TRINCHEIRA: Não concordo nada com as besteiras ditas por Mano Meneses em sua defesa, ou sobre o time: Jogou bem ou jogou mal"? Apenas republiquei sua entrevista que li em O TEMPO por questão ética, face às fortes críticas que lhe tenho feito. Porém, não avalizo nada que ele disse e acho que são meras desculpas esfarrapadas.

Cruzeiro bate recorde de cruzamentos errados contra o Fluminense; vejam outros números
Substituto de Egídio neste domingo, Marcelo Hermes foi responsável por 11 cruzamentos. Só dois certos. Não tão certos como deviam ser. Bom exemplo este.

O Cruzeiro repetiu os erros dos últimos compromissos. Voltou a abusar das tentativas em bola aérea. A dificuldade na criação das jogadas e a falta de repertório do time, que tem à disposição atletas como Arrascaeta, Robinho e Thiago Neves, ficam evidentes nos números da partida realizada no Maracanã: 

TRINCHEIRA: A equipe do professor Pardal  bateu recorde de cruzamentos errados em uma partida do Brasileirão: foram 41 falhas de 50 tentativas.

Mesmo com um jogador a mais durante quase todo jogo, visto que o lateral Gilberto foi expulso aos 15' do primeiro tempo, o Cruzeiro não conseguiu dominar o adversário.

A qualidade das finalizações foi outro problema: das 12 tentativas, só a metade acertou o gol e só três levaram algum perigo para Júlio César (duas com Arrascaeta e uma com Dedé, de cabeça).

Com a segunda derrota seguida no Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro amarga a 18ª colocação da tabela.
O time agora muda o foco para uma decisão: precisa vencer se  quiser manter o  sonho da classificação às oitavas de final da Libertadores.

A Raposa recebe a Universidad de Chile nesta quinta-feira, às 19h15, no Mineirão, e tem que vencer por dois gols de diferença, e assim assumir a segunda colocação do Grupo 5.
O próximo compromisso pelo Brasileirão é contra o Internacional, domingo, dia 29, às 19h, no Beira-Rio.  

Veja os números de Fluminense x Cruzeiro:

Posse de bola: Fluminense 35% x 65% Cruzeiro
Finalizações: Fluminense 2 (1 certa) x 12 (6 certas) Cruzeiro
Passes: Fluminense 237 (192 certos) x 529 (479 certos) Cruzeiro
Cruzamentos: Fluminense 16 (3 certos) x 50 (9 certos) Cruzeiro
Desarmes: Fluminense 9 (7 certos) x 10 (10 certos) Cruzeiro

TRINCHEIRA: No quesito sorte, o Fluminense teve 100% e o Cruzeiro ainda amarga  01%. O maior azar dele, no entanto, é ter Mano Meneses no banco como treinador.
Após derrota do Cruzeiro no Maracanã, Sassá fala em falta de sorte: 'A bola não quis entrar'
Thiago Neves também lamentou resultado e cobrou reação da equipe celeste
 Cruzeiro sofreu outra derrota no Campeonato Brasileiro, a segunda em dois jogos e contra times que tiveram jogador expulso logo no primeiro tempo.
 O Fluminense perdeu jogador a0s 15 ' do primeiro tempo. Gilberto, por agressão em Sassá.foi expulso. Depois da partida, Sassá falou:
"Tentamos, batalhamos, mesmo com um a mais, a bola não quis entrar. Luta não faltou, é sorte mesmo. A bola não quis entrar".

Thiago Neves lamentou a nova queda e apontou alguns erros da Raposa:
 "Com um a mais não soubemos aproveitar, rodamos a bola devagar, lentos, eles se fecharam bem.  Nós forçamos,  mas não furamos a retranca. Não podemos perder assim. Temos  que começar a ganhar",

Mentira dos dois
. Quem assistiu ao jogo viu que a dupla não jogou nada. Foi zero à esquerda.
Com a segunda derrota seguida no Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro amarga a 18ª colocação da tabela. Agora muda o foco para a decisão, que precisa vencer se quer seguir sonhando com classificação às oitavas de final da Libertadores.
O time de Mano Meneses recebe a Universidad de Chile na quinta-feira, às 19h15, no Mineirão, e tem a responsabilidade da vitória por dois gols de diferença a fim de assumir a segunda colocação do Grupo 5 da competição continental.
O próximo compromisso pelo Brasileirão é contra o Internacional, domingo, dia 29, às 19h, no Beira-Rio. A coisa ficou, realmente preta para Mano Meneses e sua turma desta vez!

Universidad de Chile é goleada por 6 a 1 antes de partida contra Cruzeiro
Com apenas três titulares, La U é batida fora de casa no Campeonato Chileno
Antes de enfrentar o Cruzeiro pela quarta rodada do Grupo 5  da Copa Libertadores, a Universidad de Chile foi goleada no Campeonato Chileno. Com apenas três titulares em campo, La U foi derrotada por 6 a 1 para o Unión La Calera, fora de casa, pela décima rodada da competição nacional. 

Na rodada anterior do Campeonato Chileno, a Universidad de Chile tinha sido derrotada em clássico contra o Colo Colo, por 3 a 1. Os reveses deixam o time na segunda colocação, com 21 pontos, três abaixo da líder Universidad Católica, que ainda joga na rodada.

Os titulares utilizados pelo técnico Angel Hoyos na derrota foram o goleiro Johny Herrera, o zagueiro Contreras e o atacante Pinilla, autor do gol da La U no jogo.

Universidad de Chile e Cruzeiro empataram sem gols na quinta-feira passada, em Santiago. As equipes voltam a se enfrentaram nesta quinta-feira, às 19h15, no Mineirão. O time chileno é o segundo colocado do Grupo 5 da Libertadores, com cinco pontos. A Raposa está na terceira posição da chave 5

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.