quarta-feira, 6 de junho de 2018

FUMAÇA NOS OLHOS AMADOS

 

Seus olhos ficam esfumaçados

 

Me perguntaram como eu soube

Que seu amor era verdadeiro

Respondi: não tenho como negar

Tudo faço ao sentir  o amor chegar.

Procuro viver no céu a parte me coube

Na verdade de que se ama com a alma

No sentimento que entra pelos olhos

Domina o coração e espalha a calma

Por todo corpo, através das veias

que, nas vazantes, ainda ficam cheias

Do bom amor,que não escapa do espírito

nem da alma e sabe evitar vazamento do sangue
             de tal ordem que não deixa nosso corpo exangue                                  Quem diz que todos os que amam são cegos                                                             JÁ nasceu cego, mudo e surdo. Sem coração

A fumaça do egoísmo e a falta de fé

Fecharam-lhe as portas do paraíso,

Tão logo o agnóstico veio ao mundo.

 

Fumaça, cubra os meus olhos,

Tape este mau espectro

que tentar tornar tão discreto

MEU modo vazio de viver.

A lua torna-me não triste

Nada pra mim existe,

só de ver o sofrimento

tão grande, no meu sempre momento

de plenitude deste amor secreto.

 

Eles disseram: "Um dia você descobrirá

Todos que amam são cegos "

Quando seus corações estão em chama

Você deve perceber

Que seus olhos ficam enfumaçados


Então eu "zombei" e eu alegremente gargalhei

que  eles podiam duvidar do meu amor

Até porque  hoje o meu amor foi embora

Eu estou sem meu amor, agora


Agora, amigos, zombando sorrindo

Lágrimas que não posso esconder

Então eu sorrio e digo

"Quando uma chama de amor morre

Seus olhos ficam enfumaçados"


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.