sábado, 2 de junho de 2018

GALO EMPATA SEM CONVENCER E PRESIDENTE PAGA O PATO

GALO EMPATA COM CHAPECOENSE E PRESIDENTE DEIXA O HORTO DEBAIXO DE MUITA VAIA E GOZAÇÃO DA MASSA

 

 Atlético e Chapecoense fizeram notável partida na tarde deste domingo no Independência. As alternativas no placar não deixam dúvida quanto a justiça do resultado final: 3 a 3, mesmo com os barrigas verdes tendo menos um com a expulsão de Leandro aos 37m do primeiro tempo.

 

A Chapecoense abriu a contagem aos  19m do primeiro tempo, com Leandro Pereira: Chape 1 a 0. O Galo empatou aos 20", com Ricardo Oliveira: 1 a 1. Aos 35m, pênalti em favor do Atlético e Fábio Santos cobrou bem: 2 a 1. Aos 49", Artur Caike empatou de novo: 2 a 2, placar do primeiro tempo.

 

Antes deste gol da Chapecoense, o meia atacante Leandro Pereira foi expulso ao receber o segundo cartão amarelo. Mesmo com 10, o time catarinense empatou . Na fase final, Roger Guedes fez 3 a 2 para o Atlético aos 13m, mas Wellington Paulista cobrando pênalti de Fábio Santos em Artur, fechou o placar em 3 a 3.

 

Sette Câmara, presidente do Atlético, saiu do camarote onde assistiu ao empate de 3 a 3 com a Chapecoense, no Independência,, debaixo da vaia de  pelo menos 10 mil torcedores, dos quase  20 mil que lotaram acanhado estádio neste sábado.

 

A partir dos 45 minutos do segundo tempo, os torcedores já  protestavam contra o mandatário atleticano e ironizaram  suas declarações de   'sonhar' com  a conquista do Campeonato Brasileiro.

 

 "Presidente, ô seu c***, cadê o time para ganhar o Brasileirão?", gritavam os torcedores no estádio. Semana passada, seguidas vezes, o presidente deu declarações públicas e disse confiar na equipe para a disputa da principal competição do futebol brasileiro.

 

"É sonho meu ganhar o Campeonato Brasileiro, obviamente. Acho que é o sonho de todo atleticano ganhar o campeonato brasileiro depois de tantos anos.

Já são 47 anos sem ganhar Campeonato Brasileiro. Pode ser que nosso time este ano brigue lá na ponta", disse Sette Câmara, em entrevista coletiva., em 28 de março.

 

A campanha no Campeonato Brasileiro começou bem. O Atlético terminou a sexta rodada na liderança da competição. Os três jogos seguintes, porém, foram trágicas:: duas derrotas (1 a 0 para o Flamengo e 3 a 2 para o Sport), além do empate por 3 a 3 com a Chapecoense.

 

Neste sábado, o 'gostinho' da igualdade no placar foi amargo. Afinal, o time esteve à frente do marcador em duas oportunidades, mas permitiu a Chapecoense - que jogou com um a menos desde os 37' do primeiro tempo - empatar. Assim que o árbitro encerrou a partida, torcedores também vaiaram a atuação alvinegra.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.