terça-feira, 26 de fevereiro de 2019

CAÇA ÁS BRUXAS TIRA O PODER DA JUSTIÇA


ACHEM AS BRUXAS; MATEM-NAS ENTRE  AS LENHAS DA FOGUEIRA ETERNA;
CORTEM-LHES  AS CABEÇAS E AS ESPETEM NUM PAU DE SEBO PÚBLICO.
OU PIQUE-AS EM MIL PEDAÇOS.
jOGUEM SEUS RESTOS E CINZAS NAS LAMAS AMARELAS DAS BARRAGENS ROMPIDAS

SÓ ASSIM ELA, QUE AGORA SÃO CAÇADAS, PAGARÃO PELOS MALES CONTRA A NATUREZA E A HUMANIDADE.

Esta Trincheira é favorável a punições severas aos responsáveis pelo rompimento das barragens de Mariana e Brumadinho, e àqueles que de qualquer forma contribuíram para o incêndio no Ninho do Urubu do Flamengo e que matou os 10 atletas das divisões de base do clube, só crianças entre 14 e 16 anos.
Porém não estou à caça deles.

Isso é função Judicial, com base nas provas levantadas pela Polícia Técnica. O que se vê é linchamento público, especificamente no caso do Flamengo, porque o clube transformou o estacionamento licenciado em dormitório construído na base de containers, sem qualquer alvará ou licença da Prefeitura.
Isso evitaria tragédias como o incêndio da Gávea?

O que houve foi tragédia. Não havia porta fechada, o fogo começou no curto circuito do sistema de refrigeração. O Flamengo não tem culpa alguma, até porque manteve o Ninho do Urubu e revelou vários garotos por muitos anos.

Além disso, estava cuidando de construir outros alojamentos, mais seguros e confortáveis, para aonde pretendia levar os meninos.

Nos casos de Mariana e Brumadinho, a Justiça vai denunciar os responsáveis, mas antes quer indenizar os sobreviventes e os familiares das vítimas fatais.

Na mina do Feijão, contudo, surgiram acusações pesadas contra alguns fiscais da própria Vale que esconderam as iminentes que rondavam a barragem. Puni-los? Se assim acha a Justiça, que faça.
Não gosto é do linchamento público, exibido diariamente nas redes sociais e na Imprensa sem que apareça o nome de algum provável pecador.

E a gente não vê nomes importantes, como do Presidente da Vale, com poderes para antecipar tudo e fechar a mineração. Nem de político importante, com os mesmos poderes, mas nas folhas de pagamento da empresa e que se omitem escandalosamente.
Esses sim, merecem forca, fogueira e decapitação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escolha a melhor forma de se identificar em Comentar como: Depois pitaque à vontade.